Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Solução estranha

27 de novembro de 2006 0

Tá, eu entendo a boa intenção da proposta. Mas não deixa de ser estranho, e até mesmo irresponsável, a proposta do governo russo: para combater o consumo de álcool adulterado que mata milhares de russos a cada ano, o Kremlin resolveu criar a Vodca do Povo.

%22Vodca autêntica a um preço acessível%22, diz o anúncio da nova bebida, cujas garrafas de meio litro são vendidas a menos de US$ 3.

O alcoolismo, que afeta 8% da população ativa da Rússia – 6 milhões de pessoas -, é a causa de 30% das mortes no país, segundo a Agência EFE.

Não falta quem veja na campanha pública uma antecipação do debate que acontecerá na Duma (Câmara dos Deputados) sobre a redução da produção de bebidas alcoólicas e o aumento do controle do Estado, discussão que mexe com um dos setores que mais pagam impostos no país.

Os cofres do Estado recebem cerca de US$ 2 bilhões por ano em impostos com a venda de álcool aos 142 milhões de russos. Curiosamente, o presidente russo, Vladimir Putin, um abstêmio confesso (ao contrário do antecessor Boris Yeltsin), insistiu várias vezes na necessidade de se reduzir a produção do álcool e subir seu preço.

Postado por Sabrina

Comentários

comentários

Envie seu Comentário