Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Chinês é condenado por criar formigas fantasmas

15 de fevereiro de 2007 0

Cuidado! Criar formigas em falsos viveiros pode levar à pena de morte. Na China, o empresário Wang Zhendong foi condenado a perder a vida após enganar mais de 10 mil investidores, vendendo formigas a preço de ouro que seriam criadas em viveiros inexistentes.

História maluca não? Mas é verdade. Wang Zhendong chegou a lucrar US$ 387 milhões entre 2002 e 2005, vendendo formigas provenientes de seus viveiros inexistentes. O “enganador da formiga%22 se aproveitou do fato de a medicina chinesa utilizar bastante estes insetos que, quando atingem a idade madura, costumam ser colocados em bebidas e em alguns tipos de chá e vinho.

Superfaturamento

Embora o preço das formigas possa chegar aos US$ 26 por caixa, Zhendong aumentou o valor para US$ 1.290, oferecendo também um lucro de mais de 60% sobre o investimento inicial. Segundo o jornal Beijing News, assim que as investigações começaram, em junho de 2005, mais de 10 mil pessoas haviam estabelecido 100 mil contratos com a companhia fantasma.

No julgamento, Wang admitiu não ter idéia de como criar uma formiga e afirmou desconhecer o preço de mercado do inseto. No entanto, a fraude permitiu que o empresário usasse 798 milhões de iuanes para pagar suas dívidas e conceder empréstimos a pessoas próximas.

Segundo a agência estatal Xinhua, um dos investidores se matou quando descobriu que havia sido enganado. Até agora, apenas 10 milhões de iuanes procedentes da fraude foram recuperados.

Outros 15 sócios do fraudador foram condenados a penas entre cinco e 10 anos de prisão e punidos com multas que vão dos 100 mil aos 500 mil iuanes. Os falsos investimentos e as fraudes colossais se tornaram moeda de troca na nova China aberta ao capitalismo.

Postado por Diego Guichard

Comentários

comentários

Envie seu Comentário