Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

ONU discute alimentar pobres com insetos

20 de fevereiro de 2008 2

Hmmmmmm. Que delícia!/reprodução
Isso sim é mosca na sopa. A reunião da Organização para Comida e Agricultura (FAO, na sigla em inglês), realizada na Tailândia, está discutindo o uso de insetos na dieta dos países pobres para acabar com o problema da fome. O órgão, que faz parte da Organização das Nações Unidas (a ONU), avalia o potencial nutricional dos bichinhos.

Em alguns casos, segundo o G1, os insetos apresentariam proteínas equivalentes a um bife ou pescado.  Em forma de larva, seriam muito ricos em gorduras, vitaminas e minerais. E haja estômago.

De qualquer forma, insetos como gafanhotos e formigas são de %22consumo%22 comum e até considerados iguarias gastronômicas em alguns países. Segundo dados da FAO, 527 diferentes tipos de insetos servem como alimento em 36 países da África, 29 da Ásia e 23 das Américas.

Quem nunca comeu um %22churrasgato%22 na saída de uma partida de futebol que atire a primeira pedra.

Vai um besourinho aí?

Postado por André Crespani

Comentários

comentários

Comentários (2)

  • felipe diz: 20 de fevereiro de 2008

    Caro André: fome no mundo não preocupa mais ninguém. A Monsanto vai acabar com ela, com os transgênicos. Esses transgênicos são uma maravilha; produzem tanto, mas tanto, que vão acabar com a fome no Mundo. E aqui no Brasil, então? Vai ficar melhor ainda. Lula e Monsanto JUNTINHOS, de mãos dadas. TRANSGÊNICOS E FOME ZERO. É tudo de bom! E daqui uns dias o Coelhinho da Páscoa vem, carregado de ovos!

  • Wellington Ribeiro diz: 20 de fevereiro de 2008

    Lá em casa tem tanta barata que vou vender pra ONU e ficar rico !!!

Envie seu Comentário