Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Carteiro esconde correspondência por sete anos

25 de novembro de 2008 1

Seria ele o carteiro preguiçoso do Chaves?/reprodução

Steven Padgett, carteiro de Raleigh, na Carolina do Norte (Estados Unidos), ganhou o carinho dos moradores da localidade por não fazer direito o seu serviço. Isso mesmo, ele passou a ser querido pela população por não entregar cartas a seus destinatários.

O negócio é que as cartas que ele escondia eram catálogos, propagandas e toda sorte de anúncios não solicitados. Conforme o G1, ele escondia essas correspondências em sua garagem, ou as enterrava em seu quintal.

Todos ficavam felizes - Padgett matava trabalho não precisando entregar as cartas, e a população não recebia um monte de lixo. Se bem que, se ele se dava o trabalho de enterrar, no fim das contas estava fazendo mais esforço do que se fosse levar a correspondência ao seu destino, não?

O esquemão do carteiro durou sete anos, até que os vizinhos de Padgett começaram a desconfiar do acúmulo de cartas na casa do homem. E daí a polícia entrou no caso.

Final da história: aos 58 anos, o carteiro foi condenado a três anos de prisão em regime aberto, 500 horas de serviço comunitário e deverá pagar uma multa de US$ 3 mil. A partir da condenação, diversos moradores saíram em defesa do carteiro que impedia o entulho na caixa do correio.

Coitado. Tão gente boa!

Postado por André Crespani

Comentários

comentários

Comentários (1)

  • Paulo diz: 26 de novembro de 2008

    Não basta apoio. Tem que arrecadar o dinheiro pra multa… Esse sim eh o verdadeiro apoio que o carteiro precisa (e merece)

Envie seu Comentário