Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Vereador usa nome falso para se elogiar em jornal

17 de janeiro de 2009 9

reprodução

Pego no flagra. O vereador britânico Ben Grower foi “desmascarado” após usar um nome falso para fazer elogios a si mesmo em um site. Grower entrou com o apelido “Omegaman” para postar comentários em reportagens do jornal “Daily Echo”.

Ao comentar a reportagem sobre o projeto de construção do primeiro recife artificial da Europa próximo a Bournemouth, Grower escreveu: “Apenas dois vereadores parecem estar preocupados com essa bagunça. Parabéns, vereadores Ratcliffe e Grower“.

Em outro comentário, sobre a expansão da cirurgia odontológica, ele se autoelogiou. Citando o seu nome e dos vereadores Ted Taylor e Beryl Baxter, disse que isso “mostra que há vereadores que se preocupam com seus moradores”.

A falcatrua foi descoberta porque o tapado Grower usou o apelido registrado com seu mesmo endereço de vereador. O jornal não quis nem saber e – mesmo garantindo respeitar o direito ao anonimato de seus leitores – divulgou a farsa, sob alegação, conforme  o G1, de que quando um vereador pretende ser outra pessoa para melhorar sua imagem, é de interesse público informar os leitores sobre isso.

Assim fica fácil. Vou criar um nome falso e falar bem dos meus posts aqui no blog também.

Postado por André Crespani

Comentários

comentários

Comentários (9)

  • John diz: 17 de janeiro de 2009

    Parabéns André!

    Esse post foi nota 10! Dá pra ver que és um dos melhores blogueiros não só da RBS, mas de toda a internet brasileira!

    Continue assim!

    Abraço,
    John

  • Jose diz: 17 de janeiro de 2009

    O que acontenceu com o vereador ingles deve acontecer as pencas pelas nossas terras. Quantas vezes a gente nao entra em uma pagina que vende pela internet e verifica que so existem elogios a empresa? “Plantar” estes comentarios eh muito facil hoje em dia…

  • Aline S. COLORAAADA! diz: 19 de janeiro de 2009

    isso é considerado crime? mas que bobagem….

  • Robertão diz: 19 de janeiro de 2009

    Prometo que se eleito eu for!!!!
    Pior é qdo eles prometem nas campanhas o que não vão cumprir.Traduzindo,é também uma falcatrua.Mentem e inventam meios de esconder suas incapacidades.E nem usam o anonimado.É na cara dura mesmo!

  • Rita mesmo (que não é o André Crespani) diz: 19 de janeiro de 2009

    Gosto mesmo do teu blog,André.Ando de férias e minha preferência diária tem sido a piscina.Mas,sempre faz parte do meu”relax”diário,abrir no clicrbs,o teu blog e participar.Quando eu viajar para a praia,também continuarei dando uma espiada no”Mundo Insolito”,escrevendo participando e me divertindo com tudo o que tu te empenhas,para atraíres o pessoal.Até quando te corrigem e discordam,me divirto ao ver tua paciência interminável de responderes atenciosamente aos críticos e amigos.Que blog legal!

    Resposta: Poxa “Rita que não é eu”, muito obrigado! Realmente fico feliz em ler um elogio assim. Também vou entrar em férias nos próximos dias, mas o blog não vai parar. Um abraço!

  • Mônica diz: 18 de janeiro de 2009

    É,prá um político,não ficou politicamente correto o que o tal Grower fez.
    Mas tem uma técnica bem legal que eu gosto de fazer prá melhorar minha auto- estima. Me olhar no espelho e ficar me elogiando e falando que eu mereço tudo de bom.Se não acharmos as nossas verdadeiras qualidades em nós mesmos,antes dos outros,fica até estranho querer que nos elogiem se a gente simplesmente,”não se acha”.Só não se deve é fazer o que o Grower fez.

  • Rita eu mesma (aqui não é o André crespani) diz: 18 de janeiro de 2009

    Meu e-mail não autorizei no comentário anterior,porque depois que o endereço da gente é divulgado na imprenssa, a vida da gente vira de cabeça para baixo com recebimento de “SPAM” e vários outros e-mails de gente desconhecida e que não tem o que fazer na vida, a não ser lotar a caixa postal da gente com bobagens.Espero ter me feito entender com justiça!

  • Andrei Cresponi diz: 17 de janeiro de 2009

    É mesmo, o André é o maior!

    Resposta: Confesso, esse fui eu.

  • Luiz H. S. Valente diz: 18 de janeiro de 2009

    Muito bom! Este estava ótimo. Parabéns!

Envie seu Comentário