Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Tarado da caixa de correio é condenado

30 de março de 2009 1

reprodução

Uma brincadeira “saudável“: colocar o pênis na caixa de correio e ficar observando a reação dos transeuntes. Esse era o hobby do inglês Bryan Owens, de 31 anos, pelo qual foi condenado a dois anos de serviços comunitários.

Após fazer um buraco grande o suficiente na caixa de correio que fica na porta, ele colocava seu pênis confortavelmente no orifício. Depois, ficava assistindo o pessoal passar.

Bryan foi inicialmente advertido em setembro do ano passado, quando uma mulher que ia trabalhar se deparou com a cena indecente. Apesar da advertência, ele fez a mesma coisa um mês depois.

Durante o julgamento, o réu confessou ser culpado das acusações. O advogado de Owen, Carl Gumsley, disse que seu cliente tem dificuldades de aprendizagem.

Coitado do carteiro.

Postado por André Crespani

Comentários

comentários

Comentários (1)

  • Paulo diz: 30 de março de 2009

    Só ñ acho justo que ninguém comente nado sobre a pobre caixa que foi abusada só por que era uma simples caixa, todos se preocuparam com os transeuntes e nada com a podre caixa que estava sofrendo o abuso do pervertido, mas poderia ser o parquímetro. Imaginem que esta atrocidade pode gerar uma caixinha com a cara deste tarado…e o pior de tudo é que a igreja não vai permitir o aborto desta pobre vitima desta violência que já esta tão comum por aqui, bonecos em estacionamento, coelhos infláveis

    Resposta: Tem razão. Daqui a pouco teremos de lançar também uma campanha pelas caixas de correio.

Envie seu Comentário