Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Motorista de funerária deixa cadáver e vai beber

26 de maio de 2009 1

Familiares a amigos choravam e lamentavam a perda no velório de Tito Vásquez, em Bogotá, na Colômbia. Tudo dentro da normalidade, exceto por uma falta sentida por todos: o morto. O cadáver não chegou para a cerimônia, tudo culpa do motorista bebum do carro funerário.

Vásquez morreu no sábado. No domingo, todos os conhecidos aguardavam no cemitério o corpo que não chegou. Acontece que o motorista do carro fúnebre – que pegou no hospital o morto, e devia levá-lo para o velório – resolveu dar uma paradinha para tomar umas cervejas.

A solenidade foi cancelada, e a família ficou relativamente preocupada com o falecido – relativamente, porque sabiam que pior do que morto ele não poderia estar.

Conforme o site Espaço Vital, quando a polícia resolveu investigar o desaparecimento, descobriu o corpo no interior do “rabecão” estacionado em um hotel. O motorista havia deixado o veículo e entrado no estabelecimento para beber. Após bebericar por algumas horas, embarcou num ônibus e foi para casa.

O enterro, afinal, ocorreu na segunda-feira.

O motorista foi solto e vai responder ao processo em liberdade. Na Justiça, ele pode alegar que havia feito uma parada para “beber o morto”.

Postado por André Crespani

Comentários

comentários

Comentários (1)

  • Marcos Leal diz: 27 de maio de 2009

    “O motorista foi libertado para responder em liberdade.” Taskeopariu!

    Resposta: Ahahaha. Que chupada de bala a minha, hein! Já arrumei, valeu, abraço!

Envie seu Comentário