Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cirurgia pioneira corrige pernas de gato que nasceu com membros virados para trás

29 de junho de 2012 23

O gato Corky nasceu com um raro defeito. O felino, de nove meses de idade, tinha as duas pernas traseiras viradas para trás. Uma cirurgia pioneira conseguiu corrigir o problema.

O bichano foi encontrado se arrastando pelas ruas em Minnesota, nos Estados Unidos. Recolhido, chegou a se pensar em sacrificá-lo, já que ninguém acreditava que ele pudesse ser tratado, conforme o “The Sun“. No entanto, doações permitiram submeter o animal à cirurgia (veja o antes e depois na imagem abaixo).

Os membros foram colocados no lugar em um procedimento que levou cinco horas. Posteriormente a perna esquerda apresentou complicações e precisou ser amputada. Mesmo assim, o felino está aprendendo a andar corretamente usando as três pernas que sobraram. A fisioterapia inclui acupuntura e hidroterapia (hidro = água, deve ser o pavor do gatinho).

Ao que tudo indica, agora o bichano também ficou menos desconfiado. Antes parecia que estava sempre com um pé atrás.

Comentários facilitados: para quem ainda não percebeu, o blog não está mais exigindo cadastro para comentar. Deixe sua opinião!

Twitter: receba as atualizações do blog. Sigam-nos os bons!
@crespani
@mundoidao

Comentários

comentários

Comentários (23)

  • cris vargas diz: 29 de junho de 2012

    Que bacana isso, acho fantástico a preocupação da ciência em preservar e diminuir a dor alheia, parabéns a eles por essa atitude e também as pessoas que ajudaram com doações…

  • Bruh diz: 29 de junho de 2012

    Que lindinho! Ainda existem pessoas capazes de ajudar seres tão maravilhosos como os gatos… Parabéns! E a pelagem dele é igualzinha a da minha gata, mimoso!

  • Elisa diz: 29 de junho de 2012

    coitadinho, e ele é tão lindo, pena que ficou só com tres perninhas…

  • Gisele diz: 29 de junho de 2012

    Sem palavras… Ainda bem que existem pessoas em todos os lugares pra ajudar… amo gatos!!!

  • fabio diz: 29 de junho de 2012

    É uma pena que os médicos não tenham esse mesmo sentimento que tem os veterinários, que salvam vidas por amor a profissão!!!

  • Julio diz: 29 de junho de 2012

    Por que essa matéria importante saiu no “mundoidão”? Acham mesmo que um caso desses deve ser contado com “humor e sarcasmo”? Foi impressão minha ou a frase “antes parecia que estava sempre com um pé atrás” é um trocadilho irônico? Lamentável gente, lamentável. “Quanto mais conheço os Homens, mais admiro os animais!”

    Resposta: Relaxa, Julio. Quem acompanha meu trabalho sabe que eu adoro gatos, tenho quatro muito felizes em casa. Não tem problema nenhum contar as histórias curiosas com um pouco de bom humor, o gato já está bem e contente.

  • bela essencia diz: 29 de junho de 2012

    É maravilhoso ver que alguém ainda se preocupa com os nossos bichinhos, tão indefesos, que bom que nem tudo esta perdido. Mais infelizmente, nós ainda temos profissionais que saem da faculdade, fazem seu juramento e deixam os animais morrem por que as pessoas não tem condições de pagar o tratamento, infelizmente já presencie este tipo de sena várias vezes. Mais juro que não entendo como alguém que escolheu esta profissão por “amor” aos animas, permite que eles sofram ou cheguem a óbito por que ninguém pagou o tratamento. Espero que isto um dia mude!!!

  • Joni diz: 29 de junho de 2012

    Não entendi o pq desta notícia estar no “mundoidão”. A Medicina Veterinária, principalmente nos EUA e europa, está tão avançada quanto a Medicina humana. Não existe nada de tão fora do normal. Os veterinários que fizeram este procedimento estão de parabéns, e não fizeram nada além do trabalho normal deles e suas obrigações.

  • Juliano diz: 29 de junho de 2012

    “Antes parecia que estava sempre com um pé atrás”. COMENTÁRIO IMBECIL, É O MÍNIMO QUE POSSO DIZER, TOTALMENTE INSENSÍVEL AO SOFRIMENTO ALHEIO. RBS, ESTÁ NA HORA DE PENSAR MELHOR ALGUNS DE SEUS COLABORADOES…

  • Camila diz: 29 de junho de 2012

    Realmente… o que uma cirurgia médica tem de “mundo doidão”??

  • Vanessa diz: 29 de junho de 2012

    Fiquei muito feliz com essa notícia, pelo menos uma coisa boa na semana em que muitos brasileiros se revoltaram com a atitude daquele menino de 11 anos que cometeu a monstruosidade de arrancar com uma caneta os dois olhinhos de uma gatinha que infelizmente nunca mais irá enxergar. Muito bom saber que existem pessoas com um coração que pulsa dentro do peito dispostas a ajudar a quem precisa.

  • Julio diz: 29 de junho de 2012

    Pois então, André, tbm adoro gatos e por isso mesmo critiquei. Aliás, na minha infância tive um gato que teve raquitismo, ficou com as patinhas tortas (semelhante ao caso da matéria) e faleceu. É muito triste! Se um dos seus gatinhos tivesse passado por algo parecido, você teria pensado duas vezes antes de encarar essa situação com sarcasmo. Espero que nunca aconteça contigo.

    Resposta: Se acontecesse e meu gato se recuperasse, eu encararia com humor sim, Julio. Com um dos meus felinos mesmo tive problemas sérios de doença, e hoje, já são, é motivo de risos. Sempre é bom conhecer um amigo dos bichanos, espero que a gente se entenda ; )

  • Amy diz: 29 de junho de 2012

    Acho que os reclamões de plantão tem problemas com gatos. Todas as coisas sobre gatos que o André posta viram polêmica. Adorei a matéria…não vi nada de irônico mas sim de bom humor! Mas isso vai muito do estado de espírito de cada um….

  • Sarita diz: 29 de junho de 2012

    Que lindo!!! S2
    André, acho que teu comentário merece uma correção. Agora sim ele está sempre com um pé atrás! =P

    Resposta: Hahaha. É mesmo, ênfase no UM!

  • Andressa diz: 29 de junho de 2012

    Ai eu amei…ainda bem que ainda tem pessoas que ajudam nossos bichinhos! Eu não posso ver nenhum sofrendo,sempre ajudo,se for preciso recolho,salvo,castro e depois arrumo um dono para que possam ser felizes!

  • Vincent diz: 29 de junho de 2012

    Para os que não entenderam ainda o porque de estar no Mundoidão…

    O caso não é a cirúrgia e nem a boa vontade e amor pelos animais de quem fez a cirúrgia e de quem dôou a grana pra tal… e sim o fato do bicho ter nascido com as duas patas traseiras para trás, pois não é COMUM de se ver isso…

    Entenderam agora o cambada de semi-analfabetos que não lêem as materias direito e não entendem bulhufas de interpretação de texto?

    PS: Quem criticou o comentário final do Crespani…

    Honestamente,… relaxem, vão comer, dar uma trep…., sair na noite, beber algo (Se por acaso bebem claro), conversar com gente legal e sejam mais alegres… os comentários ditos aqui são para dar um toque de humor (Mesmo que negro) para situações sérias, para não ficarem tão impactantes, ou por acaso quando algum amigo ou familiar esta mal, ou com uma doença séria vocês ficam apenas colocando o indivíduo mais para baixo ao invés de fazerem piadas com a situação?
    (Se for permitido claro)… Honestamente, tenho certeza que não… aposto que vocês contam piadas e fazem piadas leves como a que o André fez aqui pra alegrar a pessoa com quem vocês se importam… então… com todo respeito… parem de ser hipócritas e “Politicamente corretos” (Isso vocês não o são nem de longe já que não fazem na vida pessoal o que dizem aqui para os outros fazerem) e relaxem mais ;)

    Resposta: Poutz, eu ri muito com teu comentário explicativo!

  • Diego Goulart Sampaio diz: 29 de junho de 2012

    Fico feliz com a históra de recuperação deste gatinho, porém como médico veterinário acho um ABSURDO pessoas acharem que o médico veterinário só trabalha por AMOR aos animais. Eu trabalho por amor (não sei o que faria sem trabalhar com isso), trabalho porque sobrevivo desta atividade) e modéstia a parte, porque faço bem isso (tendo sido necessário investimento e tempo para conseguir ser um bom profissional). Fiz residência em cirurgia de pequenos animais na UFRGS e desde esta época (6 anos atrás) fico triste por não poder tratar um paciente que não tem condições financeiras de realizar um tratamento adequado. Por isso pessoas como bela essência estão totalmente fora da realidade de uma profissão que tem seus juramentos, mas que não pode fazer caridade- como todas as outras profissões- e que tem profissionais que estão cada vez mais investindo na carreira. É no mínimo revoltante ouvir algo como isso (apesar de já ter ouvido este tipo de comentário MILHÕES de vezes) ……..

  • Joni diz: 29 de junho de 2012

    Acho q tem figuras aqui q realmente não sabem receber um comentário, ou mesmo crítica…se não sabe, vá procurar mesmo o q fazer da vida tu! Respondendo p esse tal d vincent, q deve ser advogado do blogueiro (isso é profissão???)em questão: tu deves estar mesmo passando mal, ou na TPM, para postar respostinhas babacas qto aos comentários de todos aqui. Indivíduos como esses é q viram depois um “Rafinha Bastos” da vida, q se acham “zé graça” maioral do humor, q querem ver graça aonde não tem graça, mas q nem a própria mãe acha graça. Lamentável!

  • Obi-Wan Kenobi diz: 1 de julho de 2012

    Tem pessoas que tem só a vida virtual ,e estão ai só para xingar !
    Vão viajar ,comer uma pizza , visite uns amigos e faça um churrasco e depois entrem em no blog mais felizes para comentar!!!

  • natália diz: 6 de julho de 2012

    Eu acho que os animais tem tanto direito de ter uma vida melhor como nos seres humanos, e também acho que existe muita gente ignorante pelo mundo quem não gosta de animais não gosta de gente

  • LOURDES HELENA DA SILVA MACHADO diz: 19 de julho de 2012

    ACHO ESPETACULAR, MAS COMO ALGUÉM JÁ HAVIA COMENTADO NOS EUA ELES SÃO ACOSTUMADOS A FAZER ESSE E OUTROS TIPOS DE CIRURGIA, PARA ELES NÃO É NOVIDADE, MAS EU GOSTARIA QUE AQUI NO BRASIL ESSE EXEMPLO FOSSE SEGUIDO E QUE A MEDICINA VETERINÁRIA AVANCE CADA VEZ MAIS E QUE SEJA DE FÁCIL ACESSO AOS NOSSOS ANIMAIS. ESPERO QUE A MEDICINA VETERINÁRIA TOME COMO EXEMPLO, PORQUE A GRANDE MAIORIA FICA APENAS NAS MEDICAÇÕES, E ATÉ MESMO NA COLOCAÇÃO DE PRÓTESE PARA O ANIMAL SE DESLOCAR E OUTROS AINDA DETONAM COM A VIDA DO ANIMAL. ENQUANTO AS FACULDADES FORMAREM VETERINÁRIOS, APENAS PARA SEREM CLÍNICOS E NÃO DAR CONTINUAÇÃO AOS PROGRAMAS EXISTENTES, ATÉ PORQUE É MUITO CARO!!!!! SEGUIR ADIANTE, FICA DIFÍCIL EXIGIR QUE OS VETERINÁRIOS SIGAM ADIANTE. EU CONHEÇO APENAS O HOSPITAL VETERINÁRIO EM POA, E ASSIM MESMO FALTA MUITA COISA!!!!!! ENTRE 10.000 FORMADOS 10 FAZEM A DIFERENÇA!!!!!!!

  • josé henrique de souza diz: 12 de março de 2013

    eu tenho um gato com o mesmo problema, podem me indicar o q posso fazer.

    Resposta: José, acho que o ideal é procurar um bom veterinário.

  • Roberta Minardi diz: 27 de julho de 2013

    Ontem minha gata criou 4 gatinhos mas um deles percebi que tem as patinhas trazeiras torta…

Envie seu Comentário