Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Galeria expõe cavalo morto como peça de arte moderna

05 de abril de 2013 67

Uma galeria de Genebra, na Suíça, está gerando polêmica após exibir o corpo de um cavalo morto como peça de arte moderna. A obra recebe o nome de Warhorse (Cavalo de Guerra) e consiste no cadáver equino suspenso pelos quadris e pescoço.

Muitos visitantes estão revoltados com a exposição, considerada de mau gosto. Os artistas responsáveis pela criação, Maya Bosch e Regis Golay, no entanto, se recusam a pedir desculpas. Conforme o “Orange“, eles explicam que a arte não deve explicar nada, sua função é fazer as pessoas pensarem.

Só o que me faz pensar é: coitado do cavalo.

Comentários facilitados: para quem ainda não percebeu, o blog não está mais exigindo cadastro para comentar. Deixe sua opinião!

Twitter: receba as atualizações do blog. Sigam-nos os bons no @crespani

Comentários

comentários

Comentários (67)

  • Zoraia diz: 5 de abril de 2013

    Eles mesmos poderiam ter ficado suspensos na tal galeria. A visão do cavalo só causa indignação contra os “artistas”.

  • lu diz: 5 de abril de 2013

    Quanto respeito né. Qual é a arte em ver bicho morto??

  • Milla TRICOLOR diz: 5 de abril de 2013

    Absurdo. A arte não deve explicar nada my ass. Isso é arte desde quando?? Mau gosto, eles que deveriam pensar um pouco, pois acho que estão na profissão errada.

  • roberto diz: 5 de abril de 2013

    normalmente acho muito alarde em cima de questões que não precisariam disso, sendo que outras questões, muito mais importantes estão aí, mas nesse caso, é no mínimo mau gosto dos “artistas”

  • Marco diz: 5 de abril de 2013

    Impressiona a arrogância dos “artistas”: “… a arte não deve explicar nada”! Obra-prima do “eu faço o que eu quero”, que se danem os outros, o mundo, o ambiente, a sociedade…
    Ah, os “artistas” poderiam facilmente ser processados por plágio, pois animais mortos, pendurados por diversas partes de seus corpos, são expostos todos os dias em abatedores do mundo todo.
    Francamente, que merda!

  • Giovani diz: 5 de abril de 2013

    Que tipo de gente, isso é arte? isso é palhaçada, pendurar esses troxas tambem quando morrerem, tomara que nao demore muito…..arte….fdp

  • Dieison Santos diz: 5 de abril de 2013

    Enquanto estamos falando mau deles, alguns idiotas que gostariam de ter cultura e vão na onda de qual quer um, vão achar maravilhoso e vão encher esses supostos artistas, que na minha opinião são uns palhaços.

  • paulo diz: 5 de abril de 2013

    queria ver ele pendurado pelo tico e ela pelos mamilos dos seios………………..
    seria arte?
    é falta de criatividade…………..mesmo……………só pra apareçer

  • Marco Rodrigues diz: 5 de abril de 2013

    Que Venga El caballo! Pero en forma del bife.

    Quanta hipocresia. O porquinho no gancho ou o franguinho na bandeija, tudo bem

  • CRISTINA A SANCHES diz: 5 de abril de 2013

    que gente idiota, agora tudo pra eles é arte , porque eles nao ficam dependurado pelo pescoço pra ver c fica bonito,fico cda vez mais revoltada com o HOMEM q dissem ser HUMANOS.pra mim isso é falta de criatividade do artista, c nao tem mais o q fazer muda de profissao.vai trabalhar pesado.IDIOTAS

  • PAULO ALEXANDRE diz: 5 de abril de 2013

    Dentro da argumentação dos ditos “artistas” posso mata-los, e pendura-los, e não dizer nada, afinal ” a arte não deve explicar nada, sua função é fazer as pessoas pensarem”.
    Faria mais…não mataria eles, mas deixaria eles pendurados ao lado do cavalinho…e todos nós que devemos pensar poderíamos decidir..ou batemos palmas para a “obra” deles, ou jogamos M_ _ _ _ neles!

  • denis diz: 5 de abril de 2013

    Não acho que seja apenas mau-gosto dos artistas. Essa exposição denota falta de respeito com os animais e desprezo pela vida como um todo. Principalmente esses que ajudaram o ser humano a colonizar o mundo. Cavalos, cães, gatos…a falta de consideração que temos com nossos semelhantes, começa pela falta que temos com os pobres e úteis animais. Sinto nojo desse tipo de manifestação artística, com nenhum senso de realidade prática. O grau de evolução de uma sociedade, mede-se também pelo tratamento dispensado aos animais. Desprezivelmente humano.

  • Valdemir diz: 5 de abril de 2013

    Quanta criatividade inútil! Que culpa o pobre do cavalo tem!

  • Paula diz: 5 de abril de 2013

    Só espero que ELES não tenham matado o cavalo para pendurar aí…….

  • Rodrigo diz: 5 de abril de 2013

    Queria ver se ia ser legal , colocar o corpo do artista morto para a galera verrr !!!

  • alemao diz: 5 de abril de 2013

    Deviam pendurar os artistas pelas bolas e pelas tetas e dai chamar de arte

  • Cristiane diz: 5 de abril de 2013

    Primeiro: não sabemos se o cavalo foi morto para ser exposto, se foi, seria inaceitável, mas, se não, está aí para fazer pensar. A arte está aí para fazer pensar e até criticar algo. Talvez o objetivo fosse criticar aqueles que usam cavalos em guerras, demonstrar o sofrimento dos animais, algo assim, por que não? Vamos abrir a mente, pensar um pouco mais e, lembrar, que arte não é só um quadro bonitinho dentro de um museu… Desculpem, mas essa é minha opinião. Eu sei que pendurar um cavalo morto choca, mas não é só 8 ou 80, como foi dito em um comentário, pq um porco pendurado num açougue não choca tanto? É de parar pra pensar.

  • Sra. M diz: 5 de abril de 2013

    Coisa de mal gosto. Ridículos!

  • Belly diz: 5 de abril de 2013

    Os “artistas” que fizeram isto são bestas vestidas de gente!!!

  • leo diz: 5 de abril de 2013

    Para tudo…. que é algo absurdo, de mal gosto tenho que concordar com todos que escreveram aqui.

    Mas pensem um pouco, se ali tivesse um corpo humano mumificado a 100 anos atrás (para ver que não precisa muito), ai sim vocês chamariam de arte?

    Mas como é um animal qualquer, que não chama atenção ou mesmo que não tem uma deformação em especial, ai então é uma aberração, não é arte, é isso, é aquilo…

    Não estou dizendo que gostei dessa peça de arte, mas vamos parar de falar tanta coisa sem parar e pensar um pouco.

    Abraço!

  • leo diz: 5 de abril de 2013

    Ótimo comentário Cristiane!

    Gostei muito do seu jeito de pensar… podemos conversar um pouco se tiver interesse. Sou de Porto Alegre – Rs. e vc?

  • Francisco diz: 5 de abril de 2013

    Que bela arte… podiam ter posto o cadáver das mães deles então se isso é arte!

  • REGINA diz: 5 de abril de 2013

    Essas criaturas são consideradas artistas?

  • Gilson Jr. diz: 5 de abril de 2013

    Estamos vivendo uma verdadeira barbárie social, que a cada dia toma proporções extramamente preocupantes. De um lado uma guerra de valores deturpados… sem rostos, sem nomes, só estatísticas crescentes, de outro, idiotas, imbecís, como esses mentecáptos, travestidos de artistas, por favor…

  • Patrícia diz: 5 de abril de 2013

    Concordo com o comentário da “Cristiane diz:5 de abril de 2013″.

  • Egon diz: 5 de abril de 2013

    O lamentável é que uma porcaria de extremo mau gosto como esta é considerada “arte” e, portanto, está protegida e tem garantido o direito de divulgação. Muitos artistas talentosos passam pela vida e jamais têm a chance de mostrar seu trabalho. Ao pobre cavalo não é dada a oportunidade de desaparecer dignamente.

  • Diorgenes diz: 5 de abril de 2013

    LAMENTÁVEL VER UMA IMAGEM DESSAS…

    DUAS COISAS A SE CONCLUIR VENDO ISSO:
    ARTE DE PÉSSIMO GOSTO E ARTISTA PRECISANDO DE TRATAMENTO PSIQUIÁTRICO!

  • MIRIAN CARLOS diz: 5 de abril de 2013

    Realmente, a arte não é para ser explicada, é para ser pensada; são as provocações que mexem com nosso imaginário, mesmo que isso cause sensações desagradáveis.

  • markus brandl diz: 5 de abril de 2013

    onde está a arte nisso ?????

  • Paulo Pennaforte diz: 5 de abril de 2013

    Quando o sujeito não tem valor artístico algum, ele apela, é só isso.
    Queria ver ter talento para produzir um quadro como os de Monet ou Van Gogh. Aí é difícil, né?
    A arte não deve explicar nada, sua função é fazer as pessoas pensarem?
    Bem eu penso que eu gostaria muito de ver os “artistas” pendurados ali, vivos ou mortos…

  • Paulo Ricardo A. Pinto diz: 5 de abril de 2013

    Gostei, nos faz pensar os maus tratos aos animais, principalmente na exploração diária nas grandes cidades. Ninguém se incomoda com os animais morrendo de maus tratos, mas já morto em uma exposição sim? Hipocrisia!

  • Davidson diz: 5 de abril de 2013

    Concordo com os artistas no quesito de que a arte “não deve explicar nada!” Mas isso não deixa de contradizer que é de péssimo mal gosto. Um cavalo era uma vida dígna, ainda mais com um adjetivo, de guerra. E se a intensão era chocar, conseguiram, tanto para uma surpresa mórbida, quanto para o simples fato de ser horrível.

  • fabio diz: 5 de abril de 2013

    Acho que não seria possível “matar os artistas e pendurá-los ” como foi dito em um comentário. Primeiro por que se trataria de um homicídio e ´não seria arte. O caavalo pendurado está em um contexto. Numa exposição, num circuito artístico. Tudo totalmente permitido.
    Acho que o objetivo foi atingido : Fazer pensar.
    Aqui expressamos algo que a arte, segundo a concepção do artista ( não podemos negar, por que foi com esse propósito que nasceu a ideia : ser arte ) foi capaz de provocar.
    Para mim, este cavalo não choca, representa, antes de tudo,Força. As forças esgotadas da humanidade em perpétua colisão com o cotidiano, a política, questões emocionais. Como o animal está morto, suponho que trata-se de uma Tragédia, ou seja, um destino inescapável das sociedades.
    E na verdade, ver carne pendurada em açougues aos domingos para churrasco segue os mesmos passos. Animais, mortos e expostos. Num caso ainda pagaremos pelo animal morto e submeteremos a um processo de preparo, antes ainda de mastiga-lo. Com o cavalo, pelo menos o circuito se encerra ao nosso olhar. Pelo menos enquanto alguém não sentir alguma necessidade.
    Abraço e pensem.

  • Luiz H. S. Valente diz: 6 de abril de 2013

    Eu também achei de um tremendo mau gosto, mas realmente me fez pensar! Por que é que um frango ou porco pendurados em um gancho não nos provocam esta reação? E ainda olhamos estes animais com a intenção de comê-los! Por quê? E, pelo visto, pelos comentários, os artistas atingiram o seu objetivo! Fizeram as pessoas reagirem, saírem do marasmo! Mas que não é um espetáculo de se ver, isto é incontestável!

  • Regis Viña diz: 6 de abril de 2013

    Isto não é arte e sim uma grande estupidez(A estupidez é a qualidade ou condição de ser estúpido, ou a falta de inteligência, ao contrário de ser meramente ignorante ou inculto)

  • José Gilmar R. Alves diz: 6 de abril de 2013

    doente mesmo é dono da galeria que da credito para esse imbecil…….

  • Jader diz: 6 de abril de 2013

    Volta meu Deus, acaba com essa palhaçada aqui na terra por favor!

  • Ira diz: 6 de abril de 2013

    Por um lado, trata-se apenas de um cavalo morto e não vejo maiores problemas desde que não haja qualquer manifestação jocosa em desrespeito ao animal (aliás, espero que o animal não tenha sido morto para a exposição). Por outro lado, pelo muito pouco que entendo de arte, penso que a arte, para ser considerada arte, deve ser fruto da manipulação do artista, pois do contrário será um produto da natureza, não do artista. Dessa forma, pergunto: um cavalo morto, ainda que pendurado pelo “artista”, é arte?

  • Marcelo diz: 6 de abril de 2013

    Acho que isso é o reflexo do desespero da falta de criatividade que milhares de “artistas” estão passando, hoje vivemos em um mundo que as pessoas pagam qualquer preço para estarem no topo da mídia

  • Sharon diz: 6 de abril de 2013

    LEO, se fosse um corpo humano mumificado, ninguém acharia uma arte.. a mumificação faz parte da cultura do Egito, no qual, as pessoas mesmo se preparavam a vida inteira para serem mumificadas quando morressem, pois acreditavam que logo iriam “acordar” em outra vida, por isso precisariam que o corpo estivesse preservado.
    NESTE CASO, considero como total desrespeito aos animais (mais uma vez).. e realmente espero que essas pessoas que se acham artistas, não tenham matado o cavalo pra fazer isso.

  • André Vedder diz: 6 de abril de 2013

    Se isso é arte … eu faço arte todos os dias no “trono”.

    De um mau gosto impressionante isso !!!!

    E pra mim também é de mau gosto exporem uma mumia, etc. Não se respeita a vida, porque se respeitaria a morte ? Tá morto mesmo … devem pensar.

  • Lúcia A diz: 6 de abril de 2013

    Se os “artistas” não acham que arte tem que se explicar, depois de ter feito esta palhaçada com o animal, gostaria de saber qual a próxima façanha? Pindurar cadáver humano? Ah, por favor. As pessoas estão totalmente sem limites mesmo! Com tantas manifestações de “arte”, acredito que não seja necessário utilizar animais mortos para expor.

  • Marcco Blue diz: 6 de abril de 2013

    Se eles querem que eu pense, eu penso: para mim os artistas são duas bestas.

  • Luiz diz: 6 de abril de 2013

    Pois é, todos os dias milhares de animais mortos são pendurados em abatedouros, ou frigoríficos, como queiram… e ai tudo pode… é muita hipocrisia….

  • Thorkien diz: 6 de abril de 2013

    Poderiam dependurar as sogras pelo pescoço também.
    to brincando ai galera, aminha é show de bola!!!

  • Cibele diz: 6 de abril de 2013

    Que absurdo!!!

  • ricardo diz: 6 de abril de 2013

    Isto não é arte!

  • Lucas diz: 6 de abril de 2013

    Grande coisa, não está dito que eles mataram o animal para isso (q seria um crime) depois de morto o dono fica livre para utilizar da forma como lhe aprouver. é so um pedaço de carne…. vocês ficam assim indignados qd esquecem um bife no prato e ele fica amostra.. por favor

  • luiz diz: 6 de abril de 2013

    Adoro ver esses comentários de ignorantes e pobres coitados que não entendem Arte, estão sempre brabos e revoltados. Já notaram como mais ignorante é a pessoa, mais ultrajada ela fica com qualquer coisa que não entende? haha

  • Vanessa diz: 6 de abril de 2013

    Péssimo gosto!! Ridículo!!! Falta de respeito com os animais!!!

  • Jé diz: 6 de abril de 2013

    Que absurdo!!! Cada vez me surpreendo mais com as pessoas. É simplesmente ridículo, uma falta de respeito com os animais. Arte é uma coisa, falta de respeito é outra. Não vi arte nenhuma, e quem são os ” artistas “? Li só nomes de dois palhaços na reportagem que se julgam artistas.

  • Eu diz: 6 de abril de 2013

    Para o rapazote que escreveu acima… animal, não é só um animal… seja ele qual for! se um animal por mais iracional que seja ao faz se quer mal ao ser humano… pq somos chamados de sabios se o que mais fazemos é merda… isso que temos um cerebro para pensar!!!
    Cada dia os humanos me surpreendem mais com tanta ignorancia e pouco amor pelo seres do nosso planeta!!! Entao quanto mais inteligente mais burro!!!
    Olhem a fundo nossas escolhas diarias e o que cada um faz para ajudar não só a si, mas quem está do lado, seja ele um animal ou um humano…

  • Lúcia diz: 6 de abril de 2013

    VOCÊ COLOCARIA SUA MÃE PENDURADA? MUITA FALTA DE RESPEITO COM A VIDA….SEM PALAVRAS!!!!

  • joao b martins diz: 6 de abril de 2013

    se isso ai for obra de arte so se o cavalo foi robado por crianças

  • luciano duarte ferreira diz: 6 de abril de 2013

    BEM QUE PODERIA SER VISTO NA PRAÇA DO MERCADO PUBLICO AQUI NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, POIS AQUI O GAUCHO ADORA O CAVALO,ESSE ANIMAL VALENTE É MUITO PRESCIOSO EM TODO O ESTADO,ASSIM OS CARROCEIROS ,NÃO PODERIAM MAIS ESCRAVISAR ESSE ANIMAL ,VENDO E MOSTRANDO UM ANIMAL MORTO,COMO O CAVALO SERIA UM IMPACTO PROFUNDO NA SOCIEDADE GAUCHA,E ACABARIAM COM AS CAROÇAS EM TODO O ESTADO.

  • Samuk diz: 6 de abril de 2013

    Churrascão amanha hein, um grande pedaço de bovino atravessado por um pedaço de metal queimando no fogo ardente da churrasqueira.

    COITADO DO CAVALO NA SUÍÇA. Coitado das crianças desnutridas na África. Foram poucos os que tentaram discutir o real sentido da dita ”obra de arte”. O restante, julgam seus candidatos políticos da mesma forma que julgaram a imagem ? Isso explicaria o atual cenário político brasileiro. Entretanto, não gostei do cavalo pendurado, nem do gato que virou tapete. Na minha opinião, a ”obra de arte”, que não tem nada de artístico, tenta representar a infelicidade animal diante dos mandos e desmandos do homem no seu destino e a sua valorização quando se tornam inutilizáveis, uma vez que um cavalo morto não realiza trabalho, no filme ”Cavalo de Guerra” são mostradas diversas situações onde Joey, o cavalo, sofre com tais situações. SE eles estivessem tentando representar algo semelhante, não seria interessante ? Algo a ser pensado ? Como são tratados os animais na atual sociedade? Que valor eles possuem ? Que valor é dado a eles ?

  • rosane diz: 6 de abril de 2013

    Lamentável…. sabe, às vezes me pergunto como chegamos neste caos social… aí percebo que é pelo fato de existir pessoas totalmente sem noção, sem criatividade, sem humanidade….enorme palhaçada este tipo de meio usado para chamar a atenção.

  • João Francisco diz: 6 de abril de 2013

    Podiam suspender os criadores desta “pseudo-arte” pelas “bolas”, ao invés do cavalo.

  • Angela Paiva diz: 7 de abril de 2013

    Não sei se devemos rotular essas pessoas de artistas pra começar…porque a arte ao meu entender é a supremacia da alma ao que se refere a visão da natureza em geral,o verdadeiro artista pode sim enxergar e entender oque há de belo ate em uma peça inanimada,mas não posso entender nem aceitar pessoas que se dizem artista lidar com tamanho desrespeito a natureza.Para mim pessoas assim são dignas de pena porque usam a arte para camuflar alguma falha dentro de si mesma,desculpe o desabafo!

  • Ailton diz: 7 de abril de 2013

    Esses caras não são “artistas”, são uns ignorantes sem noção!!

  • Ailton diz: 7 de abril de 2013

    Esses caras não são “artistas”, são uns ignorantes sem noção!!

  • Rodri diz: 8 de abril de 2013

    O CAVALO É EMPALHADO. O objetivo é a reação em torno da exposição.

    Apenas a leitura de um texto raso na internet é o suficiente para disparar um série de discursos raivosos que se fossem transformados em ações seriam tão violentas quanto a imagem dessa cenografia.

    Parabéns a todos vocês que participaram (“opinando”) muito bem. ;)

  • Ira diz: 8 de abril de 2013

    Rodri, não parece evidente que o cavalo teria que ser empalhado ou mumificado? Do contrário, teria que estar num frezzer. Não fosse assim, as críticas seriam bem maiores por conta do mau cheiro. Parabéns pela tua participação também, foi a mais engraçada.

  • Luiz H. S. Valente diz: 9 de abril de 2013

    Voltei pra dizer que pensei mais um pouco e cheguei a conclusão que estes caras são uns gênios! Verdadeiros artistas! Não gostei nem um pouco desta obra de arte, mas, com ela, os autores conseguiram fazer vir à tona toda a podridão, hipocrisia e contradição que existem dentro do ser humano! É uma obra interativa: pessoas com cadáveres de boi envolvendo seus pés e em torno de suas cinturas, senhoras muito chiques com cadáveres de animais à tiracolo e que acabaram de sair de um restaurante onde devoraram o cadáver de algum bicho externaram toda a sua indignação com a exposição DAQUELE animal em especial! E o que têm a dizer sobre os seus sapatos de puro cromo alemão, seus cintos de couro e as belas bolsas de couro, marca Louis Vuitton, que expõem com todo o orgulho? E os comentários, então? Os que aqui postaram mostraram toda a sua indignação e ofenderam os artistas de todas as formas possíveis! Duvido que achem o mesmo perante o cadáver de um porco, boi ou galinha expostos em um frigorífico! Estes animais merecem menos respeito que o cavalo? E o pior: tiveram a sua morte decretada pelo homem, que o fez com o intuito de vendê-los para faturar em cima da sua morte! E ninguém fica indignado com isto! E os animais empalhados e expostos? Todo mundo acha lindo! Qual é a diferença? Deixem de ser hipócritas e contraditórios e usem a cabeça para pensar!

  • luca diz: 11 de abril de 2013

    Não concordo com animais vivos sendo usados em qqr trabalho de arte. No caso, “Cavalo de Guerra” trata-se de uma obra em taxidermia. Não é um cavalo morto, e sim, um cavalo empalhado, morto por doença já em 2004. Talvez menos sensacionalismo ao dar a notícia também ajudasse na questão “pensar a arte” .. e principalmente no comparativo entre arte e açougue, que é raso demais. Pra quem quiser saber um pouco mais, inclusive o ponto de vista dos artistas, o site da galeria … http://www.zabriskiepoint.ch

  • Luiz H. S. Valente diz: 12 de abril de 2013

    Luca, não acho que seja “raso demais” a comparação entre arte e açougue! Tudo faz parte de um mesmo contexto, que trata da discussão sobre a morte, seja ela pelo motivo que for! Raso demais seria não discutir isto, ou pior, discutir dizendo besteiras sem nenhum conhecimento sobre o assunto, como em muitos comentários aqui postados!

  • Thiago Gomes diz: 28 de julho de 2013

    Estranho seria se o cavalo estivesse vivo pendurado desse jeito. No mais nao foi tao criativo!

Envie seu Comentário