Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Marido traído compra casa ao lado da ex e coloca escultura obscena no quintal

21 de novembro de 2013 5

Marido traído compra casa ao lado da ex e coloca escultura obscena no quintal

Qual o melhor jeito de dar o troco após uma traição conjugal. Duvido que muita gente tenha pensado como vingança ideal comprar uma casa ao lado da ex-esposa e colocar no quintal uma estátua obscena. Pois foi o que fez Alan Markovitz, um famoso empresário do ramo dos clubes de striptease de Detroit, nos Estados Unidos.

O homem, de 59 anos, levou uma curva da mulher, Lea Tuohy, após dois anos de relacionamento. Para piorar, o amante era um conhecido do guampudo traído.

Alan adquiriu o imóvel vizinho ao da mulher, e mandou instalar no quintal uma escultura gigante de bronze no formato de uma mão mostrando o dedo médio. A peça, com 3,6 metros de altura, custou mais de R$ 15 mil e fica iluminada durante a noite.

O cara de pau ainda diz que tudo é uma coincidência, e afirma que imaginava que e esposa tivesse se mudado após o divórcio. Suas críticas vão para o ex-amigo, que, segundo ele, quebrou o código dos homens.

Eu acho que o traíra seguiu aquela frase: “mulher de amigo meu é que nem violino; viro a cara e meto a vara”.

Comentários

comentários

Comentários (5)

  • Sandro Garcia diz: 21 de novembro de 2013

    A peça tem no máximo 4 metros, ocupa o 1º andar e parte do segundo.
    Dããããããããããããããããããã………………………………………………..

    Resposta: Dã mesmo, esqueci de converter! Valeu ; )

  • Fabiano diz: 21 de novembro de 2013

    12 metros que absurdo, não saber converter pés para metro. 12 pés é igual 3,66 metros este é o tamanho real da escultura, é só comparar com o tamanho do prédio.

    Resposta: HAHAHAHA. É mesmo, esqueci de converter! Valeu pelo alerta, arrumei no post ; )

  • Milla TRICOLOR diz: 21 de novembro de 2013

    Que gente chata e mal educada!

  • Ronaldo diz: 21 de novembro de 2013

    Mais um cidadão que acreditou no eufemismo “amizade”, o qual avaliza os mais mesquinhos sentimentos. Toda e qualquer proximidade humana é pautada por interesses e no caso de tal ocorrer entre homens heterossexuais, suas mulheres sempre representarão ambições possíveis, dependendo apenas do seu potencial estético e solidário. Limitar proximidade e evitar os excessos de intimidade são boas medidas para dispensar o belo e chamativo capacete Viking.

  • Pampeano diz: 25 de novembro de 2013

    Tá certo o amigo do guampudo (corno)!
    Se a mulher dele der mole tem que meter a vara mesmo.
    Já peguei namorada de amigo e se der mole pegou de novo ou outras.
    Não dá assistência a concorrência entra em ação toma guampa!

Envie seu Comentário