Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Copa do Mundoidão #13: a seleção que sofreu o gol mais rápido da história dos mundiais

16 de junho de 2014 4

Copa do Mundoidão - Coreia do Sul

No futebol, em geral, ter um recorde é motivo de orgulho. Artilheiro, goleiro menos vazado, time mais vezes campeão. No entanto, às vezes, há marcas históricas que os envolvidos preferem esquecer. É o caso de uma das seleções que disputa a Copa do Mundo 2014.

Em 2002 pela primeira vez a organização do mundial foi dividida entre dois países. Japão e Coreia do Sul se aliaram para oferecer o evento ao mundo.

Entre os dois anfitriões, quem se deu melhor no final do torneio foi a Coreia. Ambos passaram da primeira fase, mas, enquanto o Japão foi desclassificado logo no jogo seguinte (1 a 0 para a Turquia), os coreanos, em uma campanha surpreendente (e com algumas ajudinhas da arbitragem) chegaram até a semifinal. Eliminados, disputaram o terceiro lugar com a mesma Turquia que havia eliminado o Japão.

Os turcos se mostraram os piores convidados de copas, vencendo dos dois donos da casa. O terceiro lugar foi conquistado com um 3 a 2. Não bastasse tirar o título, a Turquia ainda aplicou na Coreia do Sul o gol mais rápido de todas as copas. Com apenas 11 segundos de jogo, o atacante Hakan Sükür roubou a bola do zagueiro moscão e botou nas redes (veja abaixo).

Agora pense, o que você consegue fazer em 11 segundos? Aposto quem muitos nem conseguiriam pensar em 11 segundos o que fazer em 11 segundos.

Tá, e o que essa gatinha torcedora da Coreia tem a ver com a história? Nada, é só para enfeitar o post mesmo.

Torcedora da Coreia do Sul

Comentários

comentários

Comentários (4)

  • Cleber Flausino Colorado diz: 17 de junho de 2014

    Coreana deliciosa… Me leva pra tua casa….

  • Rico Guides diz: 17 de junho de 2014

    Anfitrião:
    1. Indivíduo que recebe convidados para banquete, festa etc., ou arca com as suas despesas
    Ou seja, é o oposto de “convidado”, que era o que você queria dizer.
    Melhor se certificar antes de escrever coisas que não temos segurança. Ou vai no convencional, sem inventar.

  • Carlos Eduardo diz: 27 de junho de 2014

    Mas credo… que coreana bem linda…

Envie seu Comentário