Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Ele fica um dia por semana sem almoçar para arrecadar refeições para crianças com fome

03 de novembro de 2014 3
The following two tabs change content below.
Jéssica Bayer

Jéssica Bayer

Estudante de jornalismo e apaixonada por música, filmes e séries. Fascinada por tecnologia. Produtora de conteúdo online na ATL Santa Cruz.

10712788_353339641507369_1726206665483713954_n

Que tal acompanhar esse cara nessa super ideia? O americano Anton Cobb, de 32 anos, tem uma vida normal. Vendedor, ele acorda cedo todas as manhãs e vai para o trabalho, onde passa boa parte do seu dia, só parando para almoçar.

Em um dia, no seu intervalo para o almoço, Cobb leu um artigo falando de uma menina que havia sido beneficiada por um banco de alimentos, e o texto tocou o cara de uma maneira especial. Depois desse artigo, o cara pensou no que poderia fazer para tornar suas horas de almoço mais produtivas.

pulando-almoço-1

Assim, surgiu o Hour Lunch. Todas as quartas-feiras, vestido com seu habitual terno, ele monta uma mesa no Director Park, em Portland, com uma toalha quadriculada e fica sentado lá, por uma hora, sozinho com seu baú de doações todo enfeitado e sua placa que diz: “Eu estou pulando o almoço para que 30 crianças não fiquem sem. Você me acompanha?”.

Vinte pessoas doam dinheiro todas as semanas. Ele já arrecadou cerca de US$ 400 e tudo foi repassado ao Banco de Alimentos de Oregon, o que pode ser revertido em aproximadamente 1.200 refeições.

10606581_339925049515495_6217961738092991585_n

Cobb era cético quanto à eficácia da sua ideia e hoje se empolga com os resultados, esperando que a campanha se espalhe por Portland e possivelmente por outras cidades americanas. Simples, inspiradora e fascinante essa ideia!

Comentários

comentários

Comentários (3)

  • Henrique diz: 3 de novembro de 2014

    Esse cara tem alma positiva.
    Também dou meu exemplo, mas grifemos aqui a iniciativa dele.

  • Richard Dos Santos Souza diz: 3 de novembro de 2014

    Esse cara pode ter uma boa idéia sendo solidário com as crianças q ñ tem nada pra comer. Ele só ñ pode esquecer q se ele ñ comer ele pode morrer de fome. O q q a humanidade ñ faz para ajudar os outros. Passar fome e morrer é loucura se ele quer ajudar as crianças pq então ñ funda uma ONG ou uma Fundação de apoio á essas crinças.

  • Gi diz: 5 de novembro de 2014

    Richard, quanto exagero… ele apenas fica sem almoçar durante UM DIA DA SEMANA, apenas uma refeição, não está fazendo greve de fome. E isso que o texto está em português aqui nesse post.

Envie seu Comentário