Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "teatro"

Heloisa Périssé apresenta monólogo de humor em Florianópolis

17 de February de 2016 0

A atriz fala de trabalho e relacionamentos em E Foram, Quase Felizes Para Sempre

E Foram, Quase Felizes Para Sempre é a primeira comédia solo escrita e encenada pela atriz Heloisa Périssé. O espetáculo se passa na noite de autógrafos da escritora Letícia Amado. Ela viajou um ano e meio, atrás dos melhores resorts, praias e hotéis para que as pessoas possam viajar com seus amores e curtir uma lua de mel inesquecível. Só que, durante o período da procura, por conta de suas diversas viagens, ela se separa do marido – e, no dia da sua tão esperada noite de autógrafos, quando finalmente está lançando seu livro, vê o ex-marido beijando uma nova namorada. Durante o espetáculo, a escritora confessa que sempre teve um relacionamento muito conturbado com Paulo Vitor. E a peça é um desabafo em que ela vai contar suas desventuras.

foto Guga Melgar 1 (1)

Esta não é a primeira vez em que Heloisa se aventura a escrever; e, desta vez, ela fala sobre relacionamentos e trabalho, problemas que estão presentes na vida de todos – e coloca em questão a instituição do casamento. Tudo isso, é claro, com um olhar bem humorado e contemporâneo. Neste projeto podemos acompanhar o amadurecimento de uma atriz que é capaz de produzir um texto teatral, transportando para o palco histórias que podem ser de muitas mulheres e de muitos relacionamentos. O humor que permeia o texto torna todos os assuntos mais prazerosos – e é capaz de atingir mais pessoas de forma mais eficaz. Esta é a primeira vez que Heloisa Périssé se aventura num monólogo; e faz isso com o amadurecimento que obteve como atriz, depois de 10 anos em cartaz com a peça Cócegas.

Serviço
Heloisa Périssé em “E Foram, Quase Felizes Para Sempre”
Direção: Susana Garcia
Quando: Dias 4 e 5 de março, sexta e sábado, às 21h
Onde: Teatro Pedro Ivo (Rodovia SC-401, Km 5, 4600 – Saco Grande), em Florianópolis
Telefone: (48) 3665-1630
Ingressos à venda nas bilheterias do Pedro Ivo, CIC (Centro Integrado de Cultura), TAC (Teatro Álvaro de Carvalho) e no site e loja Blueticket (no Shopping Beiramar)
Valores: Entre R$ 45 e R$ 90
Censura: 12 anos

Espetáculo "Beatles Num Céu de Diamantes" tem três sessões em Floripa no começo de março

15 de February de 2016 0

Os ingressos para o show já estão à venda

Beatles Num Céu de Diamantes, de Charles Möeller & Claudio Botelho, é um fenômeno teatral: estreou com poucos recursos em uma sala pequena, mas logo se transformou em um grande sucesso, visto por mais de 600 mil espectadores no Rio de Janeiro, São Paulo e em turnê pelo Brasil – além de uma vitoriosa semana lotada e com espetáculos extras em Lyon, na França. Oito anos após a estreia, o musical segue para uma extensa turnê nacional, com apresentação da Bradesco Seguros e patrocínio da Raizen e da Alelo – passando por Florianópolis, Belo Horizonte, Goiânia, Brasília, Campo Grande e Curitiba. “Esta é a nossa décima terceira temporada. Beatles é um musical de câmara, sem qualquer recurso técnico ou truques cênicos, que nasceu para uma temporada de apenas um mês em 2008 e nunca mais saiu de cartaz”, conta Botelho.

imagem

No palco, nove atores-cantores, acompanhados por piano, violoncelo, violão, ukulele e percussão, apresentam uma teatral e emocionante visão sobre a mais forte invenção da música popular nos últimos 50 anos: a obra dos Beatles. “Os Beatles jamais criaram nada específico para o teatro, mas há algo em seu universo que sempre nos interessou: ‘morra jovem e seja eterno’”, comenta Möeller. “Por mais que a gente os ouça, percebemos que eles continuam ali, mais vivos e mais pulsantes do que nunca. Uma juventude que não passa. Para este musical, utilizamos recursos cênicos mínimos, e não há texto propriamente dito: apenas as canções com suas letras originais em inglês.”

Beatles Num Céu de Diamantes é, por definição de gênero, uma revista musical com a obra dos Beatles. Sem exatamente um enredo único, mas apontando diversas pequenas histórias e situações, o espetáculo é um passeio da dupla Möeller & Botelho por um dos repertórios mais ricos da música popular criada a partir da segunda metade do século XX. As canções são rearranjadas para a linguagem do teatro musical e não há um único número que seja no estilo ‘cover de Beatles’: ninguém imita ninguém, não há clones de John Lennon ou Paul McCartney – é uma viagem lisérgica pelas canções e pelo que elas trazem ao nosso imaginário.

Em Florianópolis, acontecem três sessões do espetáculo: duas no sábado, dia 5 de março, às 18h e às 21h30; e uma no domingo, 6 de março, às 20h. Os ingressos já estão à venda pelo site Blueticket, por valores que vão de R$ 50 a R$ 70, com opções de descontos e meia-entrada.

David Bowie divulga trailer de seu novo single

15 de December de 2015 0

Lazarus faz parte da peça de teatro de mesmo nome, que estreou nesta semana e dividiu a crítica

Está marcada para essa quinta-feira a estreia de Lazarus, novo single do próximo álbum de David Bowie, Blackstar, que tem lançamento previsto para 8 de janeiro. Lazarus segue a faixa-título, que teve um clipe divulgado em novembro. Para despertar a curiosidade dos fãs, um trailer já foi postado na internet – assista abaixo:

Esta é a única faixa de Blackstar que também está em Lazarus, peça da Broadway co-escrita por Bowie, que estreou nesta semana e fica em cartaz no New York Theatre Workshop até o dia 20 de janeiro. Também na quinta-feira, o elenco do espetáculo vai apresentar a canção ao vivo no The Late Show With Stephen Colbert.

imagem

Lazarus, a peça, aliás, vem recebendo todo tipo de críticas: ao mesmo tempo em que se tornou o musical mais bem vendido da história do teatro onde está sendo exibido, o espetáculo foi rotulado como “pretensioso” e “estranho” por alguns críticos – adjetivos que não chegam a ser novidade para David Bowie, e nem ofensivos para seus fãs. A performance do protagonista Michael C. Hall, da série Dexter, foi elogiada pelo New York Times; que, por outro lado, criticou a transição entre músicas e texto – além de material inédito, a peça também conta com clássicos do álbum Space Oddity. Já o inglês The Guardian deu quatro estrelas ao espetáculo, elogiando o formato “assumidamente estranho” de uma “odisséia teatral emocionante”. Outra publicação a elogiar a produção foi a revista Rolling Stone, que comentou que o tom vocal de Hall é similar ao de Bowie, e afirmou: “o roteiro é coerente, as músicas são ótimas e as performances são cinéticas.” Para escrever o texto, Bowie se inspirou em seu próprio papel no filme The Man Who Fell to Earth, do 1976: Lazarus mostra a vida do alienígena humanoide Thomas Newton, que fica preso na Terra depois de viajar em busca de água para seu planeta, que sofre com uma seca. O roteiro foi co-escrito pelo dramaturgo inglês Enda Walsh.

Festival Isnard Azevedo leva o teatro aos bairros

21 de October de 2015 0

As cinco regiões da cidade vão receber apresentações na mostra Cena Aberta nas Comunidades

51

Seguindo um dos seus principais objetivos – a democratização do acesso à produção teatral – o Floripa Teatro apresenta até domingo (25) espetáculos em diferentes praças e ruas da cidade, integrando a programação da mostra Cena Aberta nas Comunidades. Serão realizadas 14 sessões em bairros das cinco regiões da Capital, abrangendo diferentes linguagens teatrais para adultos e crianças. Todas as apresentações são gratuitas e contam com um espaço alternativo em caso de chuva.

Nesta quarta-feira (21), às 15 horas, o Ribeirão da Ilha recebe o espetáculo de animação “Alevanta Boi”, que será apresentado na Praça Hermínio Nunes e promete encantar o público infantojuvenil. Produzido pela Cia. Manipuladora de Formas Etc i Tal, de Itajaí, a peça conta a história de Matheus, um velho viajante em sua carroça transformada em palco, e de Pai Chico e Catirina, que armam uma grande confusão com o Coronel da Fazenda, dono do Boi Mimoso. “Alevanta Boi” é um espetáculo de animação que resgata a cultura popular das histórias de cantorias de boi (Boi-Bumbá, Bumba-meu-Boi, Boi de Mamão).

Super Banda - Foto3 Julio Cavalheiro

Imagem de divulgação/Super Banda Para Todas as Idades, que se apresenta neste sábado (24).

Já o espetáculo “A Megera quem dera! Preguiça já era!!”, da Grito Cia de Theatro (Blumenau/SC) terá três apresentações em comunidades A peça será encenada no Centro (dia 23, às 16h),  no Rio Vermelho (dia 24, às 21h) e no Estreito (dia 25, às 18h). A montagem conta a história dos irmãos Moço Mancebo e Mancebo Moço, jovens pobres que se enamoram de duas ricas irmãs, Maria Moça e Moça Maria, e vivenciam muitas aventuras após o casamento. A história é contada por um “narrador” que participa e interage com os personagens fazendo um jogo entre o real e o irreal.

Ao todo, a mostra Cena Aberta nas Comunidades envolve dez espetáculos de grupos de Florianópolis, Itajaí e Blumenau (SC), Belém (PA), Primavera do Leste (MT), Ribeirão Preto (SP), Porto Alegre (RS) e de uma companhia de Roma, na Itália. A proposta de circulação pelas comunidades terá também apresentações na Lagoa da Conceição, Córrego Grande, Itacorubi e no bairro Monte Verde.  A programação completa pode ser conferida no site do festival (www.floripateatro.com.br)

 

*Cena Aberta nas Comunidades

Região Central

Sucata e Diamante - Dirigível Coletivo de Teatro (Belém/PA)

Data: 22/10, às 14h

Local: Parque Natural Municipal do Morro da Cruz

Em caso de chuva: Centro Educacional Marista / Mont Serrat

 

Página 469 - Grupo Engasga Gato (Ribeirão Preto/SP)

Data: 22/10, às 17h

Local: Rua Conselheiro Mafra (1ª quadra)

Em caso de chuva: Terminal Rodoviário Rita Maria

 

Megera quem dera! Preguiça já era!! - O Grito Cia de Theatro (Blumenau.SC)

Data: 23/10, às 16h

Local: Largo da Catedral, Centro

Em caso de chuva: Terminal Rodoviário Rita Maria

 

Boé - Cia de Teatro Faces (Primavera do Leste/MT)

Data: 23/10, às 21h

Local: Arena Ceart/Udesc – Av. Madre Benvenuta, 1907

Em caso de chuva: Espaço II – Ceart/Udesc

 

Performance Urbana - Grupo Divano Occidentale Orientale (Roma- Itália)

Data: 24/10, às 11h

Local: Rua Felipe Schmidt, Centro

Em caso de chuva: Terminal Rodoviário Rita Maria

 

Zona Paraíso - Povo da Rua – Teatrodegrupo (Porto Alegre/RS)

Data: 24/10, às 10h

Local: Largo da Alfândega, Centro

Em caso de chuva: Terminal Rodoviário Rita Maria

 

Super Banda Para Todas as Idades! AtrapaTrupe de Teatro (Florianópolis/SC)

Data: 24/10, às 16h

Local: Praça do Poção / Córrego Grande

Em caso de chuva: sede da AMOSC (Associação de Moradores)

 

Região Leste

A Megera quem dera! Preguiça já era!! O Grito Cia de Theatro (Blumenau)

Data: 24/10, às 21h

Local: Praça Clara Eulina Abreu Soares, Rio Vermelho.

Em caso de chuva: salão paroquial da Igreja São João Batista

 

Performance Urbana - Grupo Divano Occidentale Orientale (Roma- Italia)

Data: 25/10, às 17h

Local: Praça Bento Silvério, Lagoa da Conceição

Em caso de chuva: Via Lagoa Shopping

 

Região Sul

Alevanta Boi - Cia. Manipuladora de Formas Etc i Tal. (Itajaí/SC)

Data: 21/10, às 15h

Local: Praça Hermínio Nunes, s/nº – Ribeirão da Ilha

Em caso de chuva: salão paroquial da Igreja N.S. da Lapa

 

Região Norte

Super Banda Para Todas as Idades! AtrapaTrupe de Teatro (Florianópolis/SC)

Data: 25/10, às 16h

Local: Praça Osni Ferreira, Monte Verde

Em caso de chuva: Centro Comunitário do Monte Verde

 

Região Continental

Megera quem dera! Preguiça já era!! O Grito Cia de Theatro (Blumenau.SC)

Data: 24/10, às 18h

Local: Praça Renato Ramos da Silva, Estreito

Em caso de chuva: Terminal Rodoviário Rita Maria

 

Próxima sessão do Museus Virtuais aborda o Cotidiano

16 de October de 2015 0

Projeto realiza apresentação gratuita no CIC

Museus Virtuais_foto Rogerio Goudel (3)

O projeto Museus Virtuais, que usa a tecnologia para proporcionar mais educação, cultura e entretenimento à comunidade, apresenta mais uma sessão gratuita no próximo dia 31/10, sábado, no Cinema do CIC – Centro Integrado de Cultura.
Desta vez, a atividade, que consiste em uma visita virtual por museus e galerias conduzida por um arte-educador, irá abordar o tema Cotidiano, explorando a forma como as ações do ser humano foram retratadas pela arte ao longo dos séculos. Para isso, serão conhecidos o Museu Nacional de Amsterdã e o Smithsonian Museum de Washington.

Para participar da sessão gratuita é preciso realizar o agendamento prévio pelo site www.institutomaratonacultural.com. No endereço também é possível conferir a agenda das próximas sessões abertas ao público e um descritivo sobre cada um dos temas abordados.

Confira a sinopse completa desta sessão:

Cotidiano – Este tema visa desenvolver o olhar estético para a diversidade de ações que envolvem a figura humana. Veremos retratos de damas, heróis, políticos, de pessoas populares, do homem símbolo de seu tempo; as relações familiares, de trabalho, o lazer, a frivolidade. Esta intervenção refere-se ao cotidiano e tem por objetivo estudar a variada gama inspiradora ao longo dos séculos, com novas escolas, novas musas, renovando a arte e o olhar sobre ela. No Museu Nacional de Amsterdã na Holanda, conheceremos a arte barroca de Rembrandt, Frans Hals e Vermeer. Através das pinturas poderemos perceber os costumes, o modo de vestir-se, as paisagens rural e urbana da sociedade europeia dos séculos XVII e XVIII. No Smithsonian Museum de Washington (EUA) veremos a representação da cultura americana nos séculos XIX e XX em cenas populares, esportivas, musicais, além da rica coleção de retratos presidenciais.

O projeto Museus Virtuais oferece este semestre 56 sessões, 13 delas abertas ao público em geral e 43 destinadas às escolas da rede pública municipal. A realização é do Instituto Maratona Cultural, com patrocínio da Prefeitura Municipal de Florianópolis, Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Franklin Cascaes, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura. Há também o apoio cultural da UNIMED e apoio institucional da Fundação Catarinense de Cultura. As visitas virtuais são realizadas com utilização da plataforma Google Art Project.

Serviço

Museus Virtuais

Tema: Cotidiano

Data: 31/10, às 17h

Local: Cinema do CIC – Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5.600, Agronômica

Preço: Gratuito

Agendamento e informações: www.institutomaratonacultural.com

Espetáculo “Everline em ação!”, do grupo Mero Acidente! Palhaçaria, entra em cartaz no Galpão de Teatro da AJOTE

09 de October de 2015 0

A atriz e palhaça Bia Alvarez retorna aos palcos em outubro para estrear seu novo espetáculo “Everline em ação”, pelo grupo “Mero Acidente! Palhaçaria”. No trabalho, a palhaça Everline – bem conhecida do público joinvilense em “Só uma Palhaça Só”, vive novas aventuras em meio a uma suposta cena de crime e investigação policial.  As apresentações serão realizadas de 15 a 18 de outubro, às 20h, no Galpão de Teatro da AJOTE – Associação Joinvilense de Teatro. O projeto conta com o patrocínio do Sistema Municipal de Desenvolvimento pela Cultural – SIMDEC/2014, categoria Mecenato.

Para desenvolver este novo trabalho, Bia Alvarez conta mais uma vez com a parceria da diretora carioca Karla Concá, do grupo “As Marias da Graça”, que também dirigiu o espetáculo anterior – Só uma Palhaça Só – e foi a responsável em conduzir o nascimento da palhaça Everline, em 2014. O processo de montagem deste espetáculo envolveu um laboratório de 30 dias, realizado entre os meses de julho e agosto no Rio de Janeiro, e uma segunda etapa de imersão, que teve início no dia 1º de outubro, com a equipe do projeto – que, desta vez, conta com a participação de Samantha Anciães, também integrante do grupo “As Marias da Graça” e que neste projeto é a responsável pela assistência de direção –, reunida em Joinville até o dia da estreia.

Everline em ação

 

O trabalho de palhaçaria, segundo Bia Alvarez, parte de um processo de investigação e autoconhecimento contínuo. “Desta forma, a cada momento novas descobertas acontecem, pois a vida não é algo estagnado, estamos em constante mudança e encarando novas situações que nos afetam a forma de estar e olhar o mundo que nos cerca”, contata. Então, neste segundo espetáculo é a mesma palhaça, Everline Flore, que estará em cena, mas em uma situação diferente do trabalho anterior. “Na palhaçaria, diferente do teatro, não há construção de personagens a cada nova montagem. Por não ser um personagem, a palhaça carrega todas as minhas características, todas ampliadas, em uma dimensão diferenciada da que apresento em meu dia a dia”, explica Bia.

Nesta nova montagem Everline se vê as voltas, mais uma vez, com sua inadequação frente ao que acredita ser a realidade. Ela acredita estar em um local, mas se vê em outro e resolve este conflito com toda a naturalidade, aceitação e de forma inusitada. “A proposta deste novo trabalho é diferente de Só Uma Palhaça Só, tanto no formato apresentado, como na abordagem de um espetáculo livre para todos os públicos, contudo a Palhaça continua a mesma, como é próprio do universo da Palhaçaria”, conclui.

 

Sobre o espetáculo

A Palhaça Everline Flore é uma Agente Policial que se vê as voltas com um suposto local de crime, com uma suposta vítima, em uma suposta operação policial. Com tanta suposição busca as soluções mais inusitadas, como somente uma Palhaça pode fazer, para solucionar o caso, seus medos e a situação real na qual se encontra. Um espetáculo para toda a família, abordando com leveza e muito bom humor o ridículo que há em qualquer situação.

 

Ficha técnica: 
Roteiro: Bia Alvarez, Karla Concá e Samantha Anciães
Direção: Karla Concá (As Marias da Graça/RJ)
Assistência de Direção: Samantha Anciães ( As Marias da Graça/RJ)
Atriz/Palhaça: Bia Alvarez / Everline Flore
Direção de Arte: Marlon Zé
Designer gráfico: Mariane Ribeiro Denegredo
Trilha Sonora: Fábio Felippi
Concepção de luz: Flavio Andrade
Assessoria de Imprensa: Iraci Seefeldt

Classificação Indicativa: Livre

Serviço

O que: Estreia do espetáculo Erveline em ação!

Quando: 15 a 18 de outubro, 20h

Onde: Galpão de Teatro da Ajote – Associação Joinvilense de Teatro

              Rua XV de Novembro, 1383 – Cidadela Cultural Antartcia

Ingressos: Antecipados pelo site www.enjoyevents.com.br ou no Capitão Space. Nos dias das apresentações, a partir das 19h, na entrada do teatro. Valor: R$ 20,00 (meia entrada para idosos, professores, estudantes e doadores de sangue cadastrados Hemosc de Joinville e que apresentarem carteirinha).

Informações: producaomeroacidente@gmail.com

Musical sobre a vida de Cássia Eller passa por Florianópolis e Joinville em outubro

04 de September de 2015 0

A peça já foi assistida por mais de 50 mil pessoas

O aclamado espetáculo Cássia Eller – O Musical chega a Santa Catarina em outubro, para apresentações em Florianópolis e Joinville. Indicado ao Prêmio Arte Qualidade Brasil como melhor musical e melhor direção em 2014, a peça, que é um tributo a uma das maiores artistas brasileiras da MPB, já foi assistida por mais de 50 mil pessoas e passou recentemente pelo Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Recife. Agora, em setembro, é a vez de Brasília. Em Santa Catarina, a turnê acontece nos dias 3 e 4 de outubro na capital, e 23 e 24 do mesmo mês em Joinville. A direção é de João Fonseca e Vinicius Arneiro, a dramaturgia de Patrícia Andrade, a direção musical de Lan Lan, e a idealização de Gustavo Nunes. Quem interpreta a artista é Tacy Campos, que impressiona pela semelhança com Cássia.

facebook

O musical narra a trajetória de Cássia Eller desde o início de sua carreira, em Brasília, nos anos 1980, até a consagração nacional, alguns anos mais tarde. Cássia morreu em 2001, antes de completar 40 anos de idade.

Espetáculo "All That Jazz" tem apresentação em Florianópolis no dia 9 de junho

29 de May de 2015 0

O musical é uma adaptação do filme Chicago

O Projeto Abrindo Portas convida para o espetáculo All That Jazz, uma adaptação de Chicago – O Musical. O evento será realizado no dia 9 de junho, terça-feira, às 20h30, no Teatro Ademir Rosa, do CIC (Centro Integrado de Cultura). Os ingressos já estão à venda.

O musical é uma montagem realizada pelo N17, grupo que se formou na UDESC (Universidade do Estado de Santa Catarina) ao final da disciplina de Prática de Direção Teatral I e II. A fusão dos elementos artísticos na obra, ainda acadêmica, resultou num espetáculo envolvente. Com músicas em inglês e texto em português, All That Jazz preserva a intensidade da obra original e intera o público aos acontecimentos através de cenas adaptadas.

facebook

Sinopse: por volta de 1920, em Chicago, uma corista comete um crime enquanto busca a fama. Uma história de amor, adultério, assassinato e devoção, em meio ao mundo das notícias e tabloides. Condenada, Roxie Hart, a corista, contrata Billy Flynn, o melhor advogado criminalista da cidade. Enquanto isso, também defendida por Billy, Velma Kelly – que antes inspirava Roxie -, disputa a atenção da mídia com suas histórias.

Os ingressos estão à venda com os integrantes do Projeto ou na bilheteria do CIC, por R$ 30 – com opção de meia entrada. O valor será integralmente revertido para o projeto. Ainda não conhece o Abrindo Portas? Saiba mais no site ou na fanpage oficial.

Não pode ir, mas quer ajudar a causa? Contribua aqui.

Projeto #RiAlto faz temporada especial e gratuita em Florianópolis

02 de February de 2015 0

Para muitos, fevereiro é sinônimo de final das férias e voltar à ativa – sendo assim, nada melhor do que boas doses de humor durante a semana para tornar essa época mais divertida. Durante todo o mês, o Projeto #RiAlto, de Florianópolis, oferece espetáculos semanais gratuitos espetáculos na Praça de Alimentação do Shopping Iguatemi – sempre nas quartas-feiras, às 20h.

Os shows são variados. A primeira edição, no dia 04, será o Get up, Stand up, quando comediantes se revezam no palco em números de stand up de cara-limpa, ou seja, sem personagens. No dia 11 é a vez do Esquetes de 5ª, apresentação de esquetes cômicos, ou seja, cenas curtas com começo, meio e fim, com o objetivo de fazer rir e divertir o público. No dia 18, os Personagens de 5ª trazem intervenções artísticas de personagens cômicos e tradicionais do Teatro de Quinta, como Janeide, a faxineira avaiana e faladeira interpretada pela atriz Grazi Meyer, e o Malaco da Costeira, do ator Igor Lima. “Escolhemos a dedo quadros de humor leve, mas sem perder a picardia que nos é peculiar”, comenta Milena Moraes, uma das atrizes do grupo. “Os formatos são os mesmos que trabalhamos em vários espetáculos e humorísticos do #RiAlto.”

Get Up Stand Up - Milena Moraes - Foto de Renato Turnes 1

Milena Moraes | Foto: Renato Turnes

O Projeto #RiAlto surgiu em Florianópolis em 2011, com o objetivo de reunir artistas de comédia e produzir espetáculos e shows de humor com formatos e linguagens diversas, que se destacam pela inovação e, ao mesmo tempo, dialogam com a longa tradição cômica brasileira.
O #RiAlto apresenta um conjunto de espetáculos que transita entre os formatos tradicionais como o cabaré, o circo-teatro e o teatro de variedades, revisitando a história dos gêneros cômicos e as linguagens importadas, atualmente de enorme popularidade, como a stand up comedy. O projeto também apresenta novos autores, comediantes e encenadores comprometidos com a pesquisa e o desenvolvimento das ferramentas da comicidade, contribuindo para a renovação da cena cômica catarinense. A ideia do projeto é fortalecer a arte da comédia, investigando estéticas e explorando os recursos do humor para conectar-se com o público através de um repertório rico em diversidade, criatividade e divertimento.

Serviço
Apresentações gratuitas do Projeto #RiAlto
Quando: Todas as quartas-feiras de fevereiro, sempre às 20h
Onde: Praça de Alimentação do Shopping Iguatemi Florianópolis

%d bloggers like this: