Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Reflexões sobre o escrever - 2

18 de dezembro de 2008 1

Cada um traz dentro de si todo um reservatório de frases, epítetos e locuções prontas que resultam de pura imitação. Elas nos livroam do trabalho de pensar porque as tomamos como soluções válidas e apropriadas. Na maior parte das vezes, reagimos ao que nos acontece usando palavras quer não são nossas. Não somos os seus reais autores [...] É por isso que não devemos acreditar rápido demais em nossas próprias palavras.

Paul Valéry em The Outlook foi intelligence (1935). A citação foi retirada do recente O Livro das Citações, de Eduardo Gianetti, que saiu este ano pela Companhia das Letras.

Postado por Carlos André Moreira

Comentários (1)

  • Livia Petry Jahn diz: 20 de maio de 2009

    Há em quem escreve a “angústia da influência” como já dizia Harold Boom. É impossível ser absolutamente autêntico, sempre sofremos influência de vários autores, mas temos como tirar o sumo de nós mesmos através da palavra, somos ainda assim, capazes de chegar ao âmago, ao centro de nós mesmos, nos despindo através do verbo. E criar assim, a estranheza, o novo, o surpreendente em cada linha.

Envie seu Comentário