Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Semana de Festa na Cidade

20 de abril de 2010 0

Começa hoje e vai até domingo em Porto Alegre a Festipoa Literária, uma festa que, recém em sua terceira edição, já está se consolidando como o principal evento literário do primeiro semestre da Capital. Dezenas de atividades envolvendo literatura, música, exibição de filmes, performances artísticas, leituras, palestras, debates e sessões de autógrafos põem o livro no centro do debate público em Porto Alegre. Grande parte da programação é de entrada franca. Hoje na capa do Segundo Caderno, falamos um pouco mais sobre a festa e seu homenageado, o escritor Sergio Faraco, um dos maiores contistas em atividade no país. Para quem quiser se programar para acompanhar a festa, informamos agora a programação completa, que não coube nas páginas do jornal por motivo de espaço:

Dia 20 de abril, também conhecido como hoje:
- Na Palavraria (Av. Vasco da Gama, 165)
17h:
Cíntia Moscovich e o crítico paulista e curador de arte Jacob Klintowitz conversam com Sergio Faraco sobre produção de contos e tradução.
18h30: Maratona Literária, com leitura em voz alta, em revezamento, da coletânea de contos Dançar tango em Porto Alegre, de Sergio Faraco.
19h: Edgar Vasques conversa sobre literatura adaptada para HQ com o artista plástico e designer gráfico Fabriano Rocha e o escritor e artista gráfico Leandro Dóro.

- No CineBancários (Rua Gen. Câmara, 424)
15h, 17h e 19hs: Sessões dos filmes Ferreira Gullar, a necessidade da arte; O canto e a fúria; e Por acaso, Gullar, os três sobre a vida e o universo poético de Ferreira Gullar

No Café da Oca:
20h30 às 23h30:
Mostra artística Cabaré do Verbo: música e leituras de poemas, Diego Petrarca, Lorenzo Ribas, Karine Capiotti, Petit Poa-RS, Rádio Putzgrila, Rodolfo Ribas, Rocartê, Projeto Floco.

Dia 21 de abril: Quarta-feira (amanhã, para os íntimos):
Na Livraria Letras & Cia (Av. Osvaldo Aranha, 444):
14h: Edição especial do Papo de Artista com Marcelo Spalding, Nanni Rios e Paulo Tedesco, com o tema “As artes e a literatura na era digital”. Na ocasião será lançada a revista online Expressões Digitais, coordenada por Nanni Rios, editora de arte digital do portal Artistas Gaúchos.
15h30: Leituras com Everton Behenck e Rodrigo Rosp
16h: Debate com os escritores Simone Campos, Alexandre Rodrigues e Antonio Xerxenesky. Mediação de Luciana Thomé. Depois, Simone autografa seu livro de contos Amostragem complexa (7Letras, 2009, R$ 49,00).
18h: Pocket show com Bianca Obino.
18h30: Luis Paulo Faccioli, Luis Dill e o baiano Lima Trindade conversam sobre o conto na literatura brasileira contemporânea.

No CineBancários:
15h, 17h e 19h: Exibição do filme Um Aceno na Garoa, de Mário Nascimento, baseado em conto de Sergio Faraco.

No Pé Palito Bar
20h: Lançamento da coletânea O Melhor da Festa, volume dois (Casa Verde, 152 páginas, R$ 20,00) um livro produzido especialmente para a FestiPoa. A obra reúne poemas, contos e crônicas inéditas de 32 autores que participaram da segunda edição do evento no ano passado.
21h: Baile das Artes:Samba Grego, Nelson Coelho de Castro, Petit Poa-RS, Guto Leite, Everton Behenck e DJ Fred _ Festa

Dia 22 de abril: Quinta-feira:
No CineBancários:
15, 17h e 19h: Exibição do filme Só Dez por Cento é Mentira - desbiografia oficial de Manoel de Barros. A sessão das 19h será precedida de bate-papo e leituras de poemas de Manoel de Barros com Diego Petrarca, Cris Cubas e Andréa Laimer.

No Auditório do Espaço Cultural Casa dos Bancários (Rua Gen. Câmara, 424)
17h: João Gilberto Noll lê trechos dos seus livros Acenos e Afagos (Records/2009), Lorde e Mínimos Múltiplos Comuns (Francis).
18h: O sambista Nei Lopes lança o livro Mandingas da Mulata velha na Cidade Nova (Língua Geral, R$ 34,00) e conversa com o professor Jefferson Tenório.

Na Palavraria:
19h30: Lançamento do Campeonato Gaúcho de Literatura e um debate sobre prêmios e concursos literários com Rodrigo Rosp e Daniel Weller.

Na Sala Álvaro Moreira (Av. Érico Veríssimo, 307):
20h: Olhar de Ana Mariano sobre o mundo, a memória, o sexo e o amor: espetáculo com a atriz Sofia Salvatori, com direção de Margarida Leoni Peixoto.

Dia 23 de abril: Sexta-feira:
Na Palavraria:
16h30: Marco Cena, Samir Machado de Machado e Clô Barcelos falam sobre a criação de capas para livros.
18h: Pocket show com Felipe Azevedo.
18h30: Jorge Furtado, Pena Cabreira e Juarez Fonseca conversam sobre letras de canções na música popular brasileira.

No Espaço Cultural Casa dos Bancários
18h: Leitura de Contos da Vida Breve com Henrique Schneider.
18h30: Carlos André Moreira e Alcy Cheuiche discutem o romance histórico como gênero.

Na Sala Álvaro Moreira
20h:
Leitura da peça Diálogos Espectrais, de Ivo Bender, com Luiz Paulo Vasconcellos, Júlio Conte, Giselle Cecchini e Diones Camargo.

No Zelig:
20h30: Festa Sexta básica – dia do livro e do autor: Grupo Trilho, Cristina Moreira, Leila Teixeira, Lima Trindade, Wladimir Cazé (ES), Guilherme Darisbo, Duo HoffParú e Antonio Falcão e banda.

*Dia 24 de abril: Sábado:
Na livraria Letras & Cia:
09h30: Grupo Nos Lemos (Manuel Estivalet, Bruno Brum Paiva, Janaína Quiroga, Nelson São Bento e Tina Gonçalves); leitura encenada baseado em textos.
10h: Debate com os poetas Bárbara Lia, Wladimir Cazé e Laís Chaffe. Depois, Bárbara autografa A Última Chuva, (Mulheres Emergentes Edições Alternativas, 2007) e Cazé lança Macromundo (Confraria do Vento, 2010).

No Instituto Cultural Brasileiro Norte-Americano (ICBNA) (Rua Riachuelo, 1257)

11h: Projeto Bate Boca Bom: Linhas de fuga e transmigrações da poesia de língua portuguesa: painel com o português Luis Serguilha e Ronald Augusto. Mediação de Liana Timm. Depois, lançamento e sessão de autógrafo do livro Korso (Dulcineia Catadora), de Serguilha
14h: A artista plástica Lúcia Rosa fala sobre o coletivo Dulcinéia Catadora. Lançamento e sessão de autógrafo dos livros Quatro Quartos, de Monique Revillion e Duas Palavras, de Altair Martins;
16h: Exibição de minimetragens do projeto Cidade Poema e leitura de poemas com Everton Behenck, Berenice Sica Lamas, José Antônio Silva, Liana Timm e Laís Chaffe, coordenadora do projeto.
16h30: A poética do mar: da poesia de Castro Alves à canção de Dorival Caymmi, performance que une poesia e música com Marlon de Almeida e Moisés Dornelles
18h30: Vida e obra de Oliveira Silveira, com Jorge Fróes e recital de poesia com Vera Lopes e Grupo. Lançamento da Antologia de Poemas de Oliveira Silveira.

Na Palavraria:
16h: Pedro Gonzaga
conversa com José Hildebrando Dacanal sobre Riobaldo & Eu: a roça imigrante e o sertão mineiro
17h30: Leitura de trechos de Desacordo Ortográfico (Não Editora), com Reginaldo Pujol Filho;
18h: Debate com Xico Sá, Cardoso e Cláudia Tajes. Depois, lançamento e sessão de autógrafo de Chabadabadá – aventuras e desventuras do macho perdido e da fêmea que se acha (Ed. Record), de Xico Sá.

Na Praça da Alfândega, em frente ao Clube do Comércio.
16h: Oficina de pintura de capas de papelão e confecção de livros com Lúcia Rosa (coletivo Dulcineia Catadora). Os participantes pintarão as capas e escolherão o título que desejam montar. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas pelo e-mail jornalvaia@gmail.com ou pelo fone (51) 9892.3603.

Dia 25 de abril: Domingo:
Na Palavraria:
14h: Painel: Conto, Imagem e Construção do Invisível, com Flávio Wild, Olavo Amaral e Cássio Pantaleoni;
15h: Lançamento e sessão de autógrafos de Histórias Para Quem Gosta de Contar Histórias (8Inverso), com Cássio Pantaleoni;
16h: Bate-papo com os escritores Henrique Rodrigues e Diego Petrarca e lançamento com sessão de autógrafos da coletânea de contosComo se não houvesse amanhã (Ed. Record), organizada por Rodrigues, com vinte histórias inspiradas em músicas do grupo Legião Urbana, cada uma escrita por um autor diferente.
18h: Altair Martins conversa com Amilcar Bettega e Marcelino Freire sobre os rumos da narrativa curta.

No OX/OCIDENTE
20h: Festa de encerramento, com Marcelino Freire, Altar Martins, Monique Revillion e outros escritores convidados, além das bandas Bumblebee, Fapo e os humanóides e Suco Elétrico.

Envie seu Comentário