Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Aprendiz de chefe: Luiz Felipe de Souza Aranha

14 de fevereiro de 2012 7

Luiz Felipe de Souza Aranha sempre gostou de cavalos. Por isso, quando adolescente, costumava ir para a fazenda de seus pais levando comida congelada para passar o final de semana.

Com o tempo, as comidas congeladas enjoaram, e Luiz Felipe passou a se virar — e muito bem — na cozinha.

Agora, depois de atuar por oito anos no ramo jurídico, o gaúcho acaba de se tornar o aprendiz do chef Renato Caleffi no Le Manjue Bistrô, em São Paulo.

Adepto de uma culinária simples e saborosa, Luiz Felipe gosta de reinventar pratos como carne de panela com purê de batata doce ou picadinho comabóbora e creme de couve com manteiga.

Outra linha seguida por ele é a organic gourmet cuisine, gastronomia funcional-orgânica que desenvolve receitas naturais e saudáveis.

Comentários (7)

  • Delmar Antonio Marques de Souza diz: 14 de fevereiro de 2012

    Concordo plenamente com esse moço que largou as lides jurídicas para se dedicar a gastronomia.
    Num país como o nosso, onde se vê um judiciário cheio de contradições, juízes, desembargadores e ministros corruptos, verdadeiros bandidos escondidos sob a toga, é muito mais tranquilo mudar de profissão, transferindo-se para a cozinha.
    Esta é a minha opinião, salvo melhor juízo.

  • filipe diz: 14 de fevereiro de 2012

    Um dia serei um chefe de cosinha, mas hoje sou um auxiliar de sushiman na temakeria japesca em Canoas- RS inaugurada a pouco tempo e que já rouba não só os clientes das Temakeias de poa como seus infinitos elogios.

  • Daniel diz: 14 de fevereiro de 2012

    Eu estou tentando seguir os mesmo passos do Luiz Felipe. Tenho 30 anos, sou formado em Direito e trabalho em um banco há 10 anos. Hoje, mesmo com uma boa perspectiva de carreira na instituição na qual trabalho, tendo hoje um cargo de gerente, pretendo investir na carreira da gastronomia. Parabéns ao amigo pela coragem. Espero ter a mesma ambição e alçar este novo vôo, assim como ele.

  • Ana Carolina Aranha diz: 14 de fevereiro de 2012

    Parabéns Ipe! Sou testemunha do quão saborosas são tuas comidas! Simplesmente amoooo!

  • Laura Raupp diz: 14 de fevereiro de 2012

    Parabéns Ipe!os pratos estão lindos e parecem muito “apetitosos”. Seria maravilhoso poder degustá-los em algum restaurante aqui em POA, hein?!Sucesso garantido…mas por enquanto, força aí nesta grande experiência e em breve estaremos no Le Manjue Bistrô. um beijo grande.

  • Artur Vasques Duarte diz: 14 de fevereiro de 2012

    Os pratos estão de dar água na boca! De aprendiz só tem a pouca experiência, pq o talento já nasceu com esse cara. Além de parecerem incríveis, ainda tem a questão de uma gastronomia moderna e saudável. Sorte em tudo, e o futuro tá logo ali, meu amigo… Parabéns e todo o sucesso do mundo!!!

  • Luiz Felipe Aranha diz: 14 de fevereiro de 2012

    Pessoal,
    Agradeço as palavras de carinho, mas só um esclarecimento: continuo atuando no universo jurídico numa empresa na qual tenho orgulho de trabalhar e conciliando com esta profissão maravilhosa de Chef que tem me trazido grande satisfação e alegrias! Bjos e abraços

Envie seu Comentário