Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Dicas de viagem de Toby

29 de abril de 2012 3


Claudinha, minha amiga e colega de “AN” se apaixonou pelo blog do Toby e me pediu para fazer um post sobre ele. Quando conheci o blog deste cachorrinho viajante, achei a ideia muito legal. Além de falar sobre os destinos, mostrar fotos, dar dicas, o Toby ainda é um incentivo para todo mundo que tem um cãozinho. Dependendo do animal – tem os que não aguentam andar de carro ou os muito barulhentos – levar o cachorrinho para viajar pode ser um programa diferente. Tenho certeza de que ele vai agradecer de não ficar sozinho em casa. Confira a entrevista exclusiva com o simpático Tobias Moom, o Tobby.

NaBagagem – Quando você começou a registrar suas viagens? E o blog, quando e como começou?
Tobby – Comecei a viajar com meus donos quando tinha uns 5 anos, agora tenho 14. Tenho muuuuitas fotos de viagens, mas o blog começou em janeiro de 2011. Postei algumas viagens antigas, mas tem muita coisa guardada. A ideia do blog surgiu quando meus donos perceberam o quanto eu curtia viajar com eles nas férias. Enquanto outros cãezinhos, infelizmente, ficam longe dos seus donos neste período, triste e com saudades, fico feliz da vida por estar mais próximo de quem eu tanto amo, Auuuuu!

NaBagagem – Você é sempre bem recebido nos lugares?
Tobby – Não sou metido, mas é que sou um garoto simpático, sabe? Em alguns lugares, o pessoal que cuida das pousadas fica um pouco apreensivo, mas logo elogia meu comportamento. Não costumo latir ou fazer bagunça nos chalés. Normalmente, sou bem aceito, mas é que meus donos sempre ligam antes e fazem uma pesquisa para saber das pousadas que me aceitam para evitar constrangimentos. É uma tarefa difícil. São váaaarios telefonemas, pois são poucas as pousadas que aceitam cãezinhos como eu! Algumas tem chalés especiais para quem tem cachorro. Mas a maioria diz que os hóspedes reclamam quando há cães nas pousadas. Puxa! fico tão triste com isso. Auuuuu! -  Quais dicas você dá para outros animais de estimação que querem viajar com os seus donos?
Tobby – A minha dica é sempre ser bem educado e nunca deixar suas necessidades para que outros limpem nas dependências das pousadas. Nunca deixe vestígios que possam causar constrangimentos para seus donos. Ah! Latir demais sempre é um problema. Evitem. Aproveitem o passeio para relaxar Aummmmmm!

NaBagagem

NaBagagem – Qual foi o seu passeio favorito?
Tobby – Ah! Um dos meus passeios favoritos foi andar de teleférico em Caxambu no Sul, em Minas Gerais. Adorei ver tudo lá de cima. Sentir o ventinho em minhas orelhas, ver o céu azulinho. Foi mágico!

NaBagagem – O que achou de Santa Catarina? Qual lugar você acha que todo catarinense deve conhecer em seu Estado?
Tobby – Santa Catarina é linda. Tudo muito limpo, bem organizado. O turismo é bem estruturado, com rotas bem definidas. As casas bem cuidadas, sempre com lindos jardins, floridos e coloridos. Adorei! E a culinária então… Hummmm! Au Au Au! Um Estado com tanta beleza, como Pomerode, com um litoral maravilhoso, uma cultura vibrante como as de Joinvile e Blumenau. Santa Catarina tem paisagens para todos os gostos, mas eu que sou um cachorrinho que adora a natureza, vou indicar a que será minha próxima rota no Estado: A Serra Dona Francisca.

Vou mostrar este post para a minha querida Polly. Quem sabe assim, ela deixa a preguiça de lado e vai viajar comigo também. 

Comentários (3)

  • Lucelia Artigas diz: 30 de abril de 2012

    Ola, adorei esta reportagem, uma porque adoro cachorros, independente de raça, outra porque tambem tenho dois cachorros pinscher que viajam comigo. O mais velho de nome Wuky Jose com quatorze anos de idade sempre viajou conosco, adora pegar a estrada, não encomoda e é muito educado. Em setembro de 2010, estavamos em visita a um parente quando a dona da casa nos apresentou um filhote de pinscher, o qual nasceu com uma deficiencia, somente com tres patinhas, pois nasceu sem a patinha dianteira direita. Quando ví aquele bebezinho tão pequeno e tão sofrido, e com tanta disposição, eu e meu marido resolvemos adota-lo, dando ao mesmo o nome de Leonardo Francisco, hoje com quase dois anos de idade. Wuky Jose e leonardo Francisco se dão muito bem, o mais velho ensina o pequeno a se comportar direito, pois ele por ser novinho ainda é meio sapeca. Viajamos para o Ceara onde ficamos por quatro meses, e os dois foram conosco, eles adoram viajar, quando falamos vamos viajar nossos amorzinhos ficam doidinhos. Já eramos felizes com o nosso Wuky Jose, e com a chegada do Leonardo Francisco nossa felicidade se completou, amamos essas duas criaturinhas como se fosse nossos filhos.

  • Rebeca Alvarenga diz: 2 de abril de 2013

    Ola, amei a reportagem e gostaria de saber se você tem informações sobre viajar com cachorro para Buenos Aires.
    Estou querendo alugar um apartamento para passar uma temporada lá, mas nao tenho conseguido nenhum que aceite cachorro nem como funciona a legislacao de lá.
    Ficarei grata por qualquer informação que você tiver sobre esse assunto.
    Obrigada e parabéns pela matéria!

Envie seu Comentário