Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Júlio César Morceguinho comenta golpe que originou nocaute espetacular no WOCS 28

13 de agosto de 2013 0

Morceguinho
O cartel de 26 vitórias em 26 lutas não é por acaso. O catarinense Júlio César Morceguinho, 19 anos, de Balneário Camboriú, tirou um chute espetacular da cartola para nocauter Dener Chulete no WOCS 28, no último sábado, em Gramado (RS).

Ao Na Guarda, Morceguinho contou quem lhe ensinou o golpe e comentou que já tem luta marcada. Ele nem teve muito tempo para comemorar, já que nesta terça-feira retorna aos treinos na academia RFT/Company, em Camboriú.

Confira a entrevista abaixo:


Na Guarda — Como foi o golpe? Já tinha treinado ele?

Júlio César Morceguinho — Eu treinava ele na preparação de Muay Thai, fazia na hora do sparring com caneleira. Aí joguei ali (na luta) porque vi que ele estava com a guarda baixa.

Na Guarda — Foi a primeira vez que tentou o golpe?
Morceguinho — Sim, comecei a fazer aquele chute há pouco tempo, por isso que fiz lá.

Na Guarda — Como tem sido a repercussão do golpe, que deve concorrer ao nocaute do ano no Brasil?
Morceguinho — Estou muito feliz pela grande repercussão e espero conquistar esse título de nocaute do ano.

Na Guarda — A 27ª vitória já tem data marcada?
Morceguinho — Risos. Vou lutar dia 24 de agosto no Sparta MMA, em Balneário Camboriú.

Na Guarda — Vem um golpe novo ou dá pra reeditar o “velho” e surpreender?
Morceguinho — Bom, se eu tiver a oportunidade de dar algum outro golpe, irei aplicar. Se não der, vou querer sair com a vitória e manter o meu cartel invicto.

Na Guarda — Quem te ensinou esse golpe?
Morceguinho — Esse chute o meu professor de Muay Thai, o Darren Till, me mostrou no treino.

Envie seu Comentário