Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Rogério Minotouro espera fazer bonito na volta ao UFC

11 de maio de 2014 0
Minotouro em treino com Rafael Feijão. Foto: Divulgação

Minotouro em treino com Rafael Feijão. Foto: Divulgação

Após um longo tempo de inatividade, a lenda do MMA Rogério Minotouro já tem data e adversário definidos para voltar ao octógono mais famoso do mundo. No dia 26 de julho, Minotouro irá enfrentar o americano Anthony Johnson no UFC, marcado para a cidade de San Jose, na Califórnia (EUA). Em sua última apresentação, em fevereiro de 2013, o brasileiro derrotou o ex-campeão do UFC Rashad Evans na decisão unânime dos árbitros.

Dono de um imponente cartel com 21 vitórias e apenas cinco derrotas, o baiano disse estar contente com a chance de voltar ao UFC. Aos 37 anos e com duas vitórias seguidas na maior organização de MMA do planeta, ele pretende mostrar nesta luta sua reconhecida capacidade de figurar entre os melhores de sua divisão.

— Fiquei sabendo desse combate na terça-feira (6) e aceitei de bate-pronto. Estou muito feliz com esse desafio, o Anthony Johnson é um lutador muito duro e vem de uma excelente vitória. Apesar do grande tempo de inatividade, estou muito confiante em fazer um grande combate e conquistar minha terceira vitória seguida no UFC. Acredito muito no meu potencial e sei que posso figurar entre os principais lutadores da minha categoria por muito tempo ainda — disse o baiano.

O lutador do Team Nogueira lamentou o tempo de inatividade, mas garantiu estar com “fome de vitória” e afirmou que montará um camp de alto nível para o duelo. O atleta também revelou que deverá trazer novamente o wrestler olímpico Khetag Pliev para ajudá-lo em seus treinamentos. O russo já havia ajudado Rogério na preparação para o seu último duelo no UFC.

— Ter ficado todo esse tempo parado foi muito complicado para mim, amo lutar. Ficar mais de um ano sem poder fazer o que mais gosto me chateou bastante. Mas, agora, isso é coisa do passado e vocês vão me ver na ativa novamente, com muita fome de vitória. Já estou montando o planejamento do meu camp e vou fazer uma preparação de altíssimo nível. Pretendo trazer o Khetag novamente, ele foi peça fundamental na luta contra o Rashad.

Envie seu Comentário