Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Gari lutador Adalberto Escandiel está pronto para o Floripa Fight

03 de junho de 2016 1
Adalberto busca mais uma vitória na carreira. Foto: Janaina Moreira/Divulgação

Adalberto busca mais uma vitória na carreira. Foto: Janaina Moreira/Divulgação

A rotina de um lutador de MMA é puxada, com no mínimo dois treinos ao dia. E se o atleta também é gari da Comcap, que corre em média 12km por dia recolhendo lixo nas ruas, o esforço aumenta. Adalberto Escandiel, 32 anos, faz essa jornada dupla todos os dias e amanhã fará mais uma luta no Floripa Fight, no Ginásio Capoeirão, na Capital.

Confira notícias sobre o UFC 199

O desejo de ser um atleta de ponta existe, mas existem muitas barreiras, ou sacos de lixo, para ultrapassar. Uma delas será contra Pedro Henrique, na categoria até 77kg.

– Tenho o sonho de viver da luta, treinar e conseguir manter a família. Tô atrás disso, tanto que no começo a minha família não apoiava, mas hoje a minha esposa e minhas duas filhas estão sempre comigo apoiando – conta Escandiel, que tem duas vitórias e uma derrota no MMA.

Lutador (D) na função na Comcap. Foto: Arquivo Pessoal

Lutador (D) na função na Comcap. Foto: Arquivo Pessoal

A jornada na Comcap começa cedo, tanto que se vira para tentar chegar ao treino do meio-dia no CT Wado de la Riva, no Jardim Atlântico. Uma compreensão maior da empresa, segundo o lutador, seria bem-vinda nestes dias de luta, literalmente.

– Ainda falta um pouco de apoio. Eles me liberam no dia da luta, mas eu tenho que pagar as horas depois – relata ele, que hoje ainda vai trabalhar para depois fazer sauna e perder os dois quilos que faltam para o limite da categoria.

Dia de encarada

O auditório do Sest/Senat, no Jardim Atlântico, será palco da pesagem hoje, a partir das 18h. O combate principal será entre William Lima (Rangel Farias) e Thiago Natã (Wado/Marafiga Thai).

O Floripa Fight fará a sua 12ª edição, e já passaram pelo ringue do evento nomes como John Lineker, Rousimar Toquinho, Ivan Batman, que chegaram depois ao UFC. Os ingressos custam R$ 40 (arquibancada) e R$ 60 (cadeira). Informações no
(48) 9630-3738.

Card do Floripa Fight (sujeito a alteração)

Thiago Natã (Wado DeLaRiva/MarafigaThai) X Willian Lima (Rangel Farias)
Elexsandro Silvestre (Tavares Team) X Ronaldo “Felino” Araújo (Felino MMA)
Leo Vitorino (Tavares Team) X Giacomo Lemos (Rangel Farias)
André Bugre (Wado/MarafigaThai) X Leonardo Cavalheiro (Pedrangello Chapecó)
Adalberto Escandiel (Wado/MarafigaThai) X Pedro Henrique (MMA)
Marcos “Alemão” (Tavares Team) X Richard “Curió” Avila (Criciúma)
Natan Assunção (Rangel Farias/Tonicão) X Adriano Sagat (Boxe Thai)
Lucas Rocha X Allan Kardec
Luíz Andre X Denis Santos
Robson Pedra (Wado DeLaRiva) X Cleiton Lopes
Silvania “Leoa” Monteiro (Wado/MarafigaThai) X Aline Furacão
Gisele Moreira (Chute Boxe Floripa) X Jéssica Suelem
Marina Rodriguez (Thai Brasil Floripa) X Márcia Oliveira

Comentários (1)

  • Eduardo diz: 4 de junho de 2016

    Parabéns ao Adalberto Escandiel, morador do morro do mocotó, sempre foi cara muito tranquilo, batalhador, ele merece a sua oportunidade…. só deixo meu recado ao pessoal da comcap libera o cara para poder viver sonho dele,, um dia mais um dia menos qual é diferença… as empresas hoje prefere que os funcionários faltem com atestado inventado… que liberar numa questão dessa… vivendo e aprendendo.

Envie seu Comentário