Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Resultados da pesquisa por "rafael morcego"

Kinberly Novaes e Rafael Morcego são derrotados no Pancrase

29 de maio de 2017 0

As lutas dos catarinenses Rafael Morcego e Kinberly Novaes não foram nada fáceis no Pancrase 287, ontem. Eles disputaram dois cinturões e foram derrotados pelos atletas locais.

Kinberly Novaes, que é de Joinville, perdeu por decisão unânime por Syuri Kondo, que ficou com o cinturão da categoria peso-palha.
– Eu queria agradecer todo mundo que torceu, meus patrocinadores, mas infelizmente não foi meu dia. Eu até comecei bem, mas ela acabou frustrando o meu jogo, eu tava me sentindo bem e confiante pra luta – disse Kinberly nas redes sociais.

Já Rafael Morcego, de Camboriú, encarou o campeão Shintaro Ishiwatari e perdeu também por decisão unânime, 48 a 47, vencendo dois rounds e levando a pior nos outros três. O cinturão peso-galo fica no Japão, mas Morcego quer trazer, em outra oportunidade, ele para o Brasil.

Rafael Morcego está pronto para ser campeão do Pancrase

26 de maio de 2017 0

rafael_morcego
A chance de disputar o cinturão do Pancrase. Neste domingo, em Tóquio, no Japão, o catarinense Rafael Morcego encara o campeão Shintaro Ishiwatari, que defende o título da categoria peso-galo (61kg), neste domingo (será madrugada no Brasil). O lutador da Astra Fight Team, de Balneário Camboriú, acredita que essa luta pode fortalecer o seu legado no meio do esporte.

— Esse cinturão vai representar muita coisa pra gente, por ser um título mundial, e um fato bem massa para a minha carreira e pra quando eu parar. Quando eu parar falar que fui campeão do evento japonês e poderia me trazer bastante coisa, financeiro é que não sei. É uma luta dura, não existe mais luta fácil nesse nível que a gente está. São cinco rounds, eu estou preparado, se ganhar antes é melhor, se perder antes aí f…, tomara que não aconteça isso. Eu vou fazer meu jogo, não tem muito caô, vou fazer o que sempre fiz e sempre deu certo. Espero que logo posso voltar com o cinturão para o Brasil.

O público japonês é fã de luta, e isso Morcego conseguiu medir nas outras três vezes em que se apresentou no Pancrase e venceu.

— O reconhecimento do público começou a ficar legal. A última luta passou na TV e quando eu fui comer comecei a ser reconhecido pelo pessoal que não estava no evento, que passou a ser transmitido ao vivo pela TV e vai dando mais visibilidade pra gente.

E o apoio financeiro, importante para quem é atleta de ponta, ainda está longe de ser uma realidade para Rafael Morcego, criado no bairro Tabuleiro, em Camboriú. O cinturão pode abrir algumas portas, mas não deixar várias escancaradas.

— É difícil, a gente sabe como está aí no Brasil, bem complicado. Não quer dizer que se eu ganhar o cinturão vou ganhar um monte de dinheiro, apoio, essas coisas, eu acho bem difícil. É mais questão pra mim ter o cinturão, mas retorno financeiro acho bem difícil. Estamos conversando com o prefeito, está tudo pra gente fechar uma coisa bem legal, já deixou bem claro que deseja me apoiar. Mudou o governo e a gente está tendo o reconhecimento que a gente merece pela cidade.

Leia também
Kinberly Novaes disputa o cinturão do Pancrase
Maurício “Bad Boy” Machado vai lutar o República MMA, no Paraná

Rafael Morcego vence mais uma no Pancrase

17 de novembro de 2016 0

15094413_1121121374667853_5700616689075082674_n
O lutador catarinense Rafael Morcego conquistou no domingo a sua terceira vitória em 2016 no Pancrase e agora deve disputar o cinturão peso-galo do evento japonês. Ele venceu o norte-americano Victor Henry por decisão dividida e, como primeiro do ranking, ganha o title shot.

Rafael Morcego faz a luta principal do Pancrase e mira o cinturão

11 de novembro de 2016 0

 

rafaelMorcego
Do bairro Tabuleiro, em Camboriú, até Tóquio, no Japão, é mais de uma dia viajando de avião. Mas esse trajeto, que está sendo feito pela terceira vez no ano pelo lutador 
Rafael Morcego, 31 anos, pode fazê-lo se tornar o novo rei do Japão no MMA. 

UFC confirma data dos 10 primeiros eventos de 2017

Neste domingo, dia 13, o atleta da Astra Fight Team faz a luta principal do Pancrase 282, um dos eventos de artes marciais mais antigos e reconhecidos do mundo. E o adversário de Morcego será o norte-americano Victor Henry.

 — Desde a primeira vez que eu vim os fãs japoneses são bem legais, eles fizeram caricaturas minhas, tirando fotos e com outras imagens do Bellator, cara que acompanha a minha carreira, e isso é o mais maneiro de lutar aqui também. É bem empolgante e gostam bastante, e tô conseguindo construir uma história aqui, de levezinho a gente vai — disse direto de Tóquio, por telefone.

E para se firmar de vez na terra do sol nascente, Morcego sabe que precisa da terceira vitória no evento (ele venceu as duas anteriores ainda neste ano), o que deve lhe garantir, de fato, a disputa pelo título do evento na categoria dos pesos-galo (61kg).

— Quando eu sai da última luta eles falaram que eu ia disputar o cinturão, mas me botaram pra lutar com esse “maluco” aí, que tem mais lutas que eu no evento. Ele é o primeiro do ranking e eu o segundo, então ganhando não tem mais escapatória e eu vou pro cinturão.

Rafael Morcego vence Masakatsu Ueda no Pancrase 279

24 de julho de 2016 0

13754442_10153789343265866_9050421665469203105_n
Rafael Morcego
fez uma luta perfeita e venceu o japonês Masakatsu Ueda no Pancrase 279, na manhã deste domingo, por decisão unânime. Foi o segundo triunfo dele no Japão, já se credenciando para em breve disputar o cinturão do evento.

— Mais uma vitória pra conta no outro lado do mundo. Obrigado a todos pela energia positiva de sempre faz a diferença, minha equipe Astra Fight Team, minha família, minha gata linda, alunos e patrocinadores. Luto por mim luto por vcs e vem mais por aí — comentou Morcego no Facebook.

13612357_10153789343215866_5428710524936155570_n

Rafael Morcego encara japonês no Pancrase 279

22 de julho de 2016 0
rafael_morcego

Morcego atendando os jornalistas japoneses

O catarinense Rafael Morcego é um verdadeiro desbravador, entrando em ação nos Estados Unidos e Cabo Verde, e na madrugada deste domingo ele volta ao Japão para luta no Pancrase 279, evento de MMA mais antigo em atividade. Foram 36 horas de viagem desde a saída no aeroporto de Navegantes até chegar em Tóquio. Ele vai encarar o japonês Masakatsu Ueda em uma dos principais combates do show.

– Tô muito feliz de voltar a trabalhar aqui no Japão, que é legal pra caramba. Quando chega o evento a galera curte bastante os brasileiros, e da outra vez foi bem legal também. É uma luta muito importante pra mim, é um cara experiente e duro, mas essa parte é tranquilo a gente também é, então não tem muito segredo – revelou.

Tirloni puxando o treino de manopla para Morcego

Ricardo Tirloni puxando o treino de manopla para Rafael Morcego

Morcego estreou no Pancrase em março com chave de ouro, vencendo Shohei Masumizu. Agora, um pouco mais “famoso” na terra do sol nascente, o atleta da Astra Fight Team espera ter mais reconhecimento dos leais e apaixonados fãs japoneses. Acompanhado do também lutador Ricardo Tirloni, que será seu córner, Rafael Morcego vai tentar colocar toda a sua bagagem para sair com a 27ª vitória da carreira.

– Não tem como ficar pegando moleza nesse status que a gente está na carreira. Espero fazer uma boa luta, vencer esse japonês e disputar o título até o final do ano.

Vídeo: Rafael Morcego finaliza japonês no Pancrase 276

14 de março de 2016 0

O catarinense Rafael Morcego, 30 anos, conquistou a 26ª vitória da sua carreira no último domingo, ao finalizar o japonês Shohei Masumizu no Pancrase 276, realizado em Tóquio, no Japão.

Morcego, atleta da Astra Fight Team de Camboriú, mostrou toda a sua experiência para finalizar o adversário com um katagatame (estrangulamento). Esta foi a sétima luta do catarinense no Exterior, que vinha de vitória em um evento em Cabo Verde.

— Vim aqui para mostrar minha força. Eles podem dar qualquer desafio que quiserem que eu vou estar mostrando cada vez mais de mim neste octógono. Vim para ficar — disse ele ao Planeta Octógono.

Rafael Morcego vence luta em evento na África

11 de janeiro de 2016 0
Vitória de Morcego na estreia no continente africado. Foto: Reprodução

Vitória de Morcego na estreia no continente africado. Foto: Reprodução

Não foi um safári, mas foi uma verdadeira aventura a estreia de Rafael Morcego, lutador de Camboriú, no The Best Fighter, em Cabo Verde, na África. Ele chegou na sexta-feira e lutou no sábado, vencendo por finalização Ruben Hernandez. Agora, o atleta da Astra Fight Team tem um cartel com 25 vitórias e cinco derrotas.

UFC 197: luta principal será entre Rafael dos Anjos e Conor McGregor

Morcego foi recepcionado por fãs e equipes de TV ao descer no aeroporto. No dia da luta, foi ovacionado pelo público presente no ginásio e agradeceu pelo carinho que recebeu.

Brasileiros concorrem ao Oscar do MMA

— Foi mais um dia especial na minha vida, mais uma vitória pra conta. O que vivi aqui jamais será esquecido, não tem como descrever — disse ele.

Alberto Uda e Rafael Morcego brilham no XFC 13

07 de dezembro de 2015 0
Uda e o presidente do XFC, Myron Molotky. Foto: Inovafoto/Divulgação

Uda e o presidente do XFC, Myron Molotky. Foto: Inovafoto/Divulgação

Dois catarinenses fizeram bonito no XFC 13, no último sábado, em São Paulo. Da Nova União/Marcos Cunha de Blumenau, Alberto Uda manteve o seu cartel invicto com uma vitória por nocaute em cima do ex-UFC Thiago Bodão, ainda no primeiro round. Atual campeão do GP peso-médio do evento, Uda está mais do que credenciado para em breve disputar o cinturão do XFC.

Rafael Morcego finalizou com categoria. Foto: Inovafoto/Divulgação

Rafael Morcego finalizou no segundo round. Foto: Inovafoto/Divulgação

Rafael Morcego mostrou que está embalado desde a sua saída do Bellator. Com um jogo justo de chão oriundo da luta-livre, o atleta da Astra Fight Team conseguiu encaixar uma chave de braço que fez Jeferson Pitbull dar os três tapinhas no segundo round, alcançando a 24ª vitória na sua carreira.

Resultados do XFC 13

Junior Assunção venceu Maurício Facção por nocaute técnico aos 3min e 51seg do segundo round
Alberto Uda venceu Thiago Bodão por nocaute técnico aos 2min e 19seg do primeiro round
Antonio Trocoli venceu Wendell Negão na decisão unânime dos juízes laterais
Rafael Morcego finalizou Jeferson Pitbull com uma chave de braço a 1min e 25seg do segundo round
Hanan Goes venceu Glyan Alves por decisão unânime dos juízes laterais
Matheus Sinixtro finalizou Elton Roberto com um triangulo de mão aos 2min e 11 seg do primeiro round
Gleison Teixeira venceu Ronaldo Cabral por nocaute aos 25seg do primeiro round
Luciano Santos venceu Romerio Santana por decisão dividida dos juízes laterais
Guilherme Pereira venceu Wellinton Ribeiro por nocaute técnico aos 4min e 14seg do primeiro round
Matheus da Silva venceu Lucas Gil por desistência a 1min e 28seg do segundo round

Rafael Morcego está pronto para estreia no XFC

05 de dezembro de 2015 0
Morcego vem de vitória no AFC. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

Morcego vem de vitória no AFC. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

O catarinense Rafael Morcego disputa neste sábado mais uma luta em sua carreira, desta vez estreando no XFC, evento internacional que está ficando raízes sólidas no Brasil. O atleta da Astra Fight Team irá enfrentar Jeferson Pitbull em uma das principais lutas do show, em São Paulo.

Alberto Uda retorna ao XFC e vai encarar ex-UFC

Vindo de uma vitória no AFC 24, em São José, Morcego comenta estar pronto para alcançar o seu 26º triunfo.

— Minha expectativa é uma das melhores. Será um evento bem maneiro. Estou preparado, treinando forte há bastante tempo. Eu ia enfrentar o Vinícius Vina, mas ele se lesionou. Agora vou enfrentar o Jeferson Pitbull e tenho certeza que será um grande combate. Estou há um tempo na estrada e isso me traz uma responsabilidade maior — declarou Morcego.

XFCi 13
Transmissão: 21h – Ao vivo no Esporte Interativo

Até 65,8kg: Junior Assunção (65,5kg) x Maurício Facção (64,9kg) – Superluta peso-pena
Até 84kg: Alberto Uda (83,9kg) x Tiago Bodão (83,8kg) – Superluta peso-médio
Até 77,1kg: Wendell Negão (76,7kg) x Antônio Trócoli (76,3kg) – Superluta peso-meio-médio
Até 65,8kg: Rafael Morcego (65,7kg) x Jeferson Pitbull (65,8kg) – Superluta peso-pena
Até 61,2kg: Hanan Goes (60,8kg) x Glyan Alves (61kg) – Young Guns – peso-galo
Até 70,3kg: Mateus Sinixtro (70kg) x Elton Roberto (70kg) – Young Guns – peso-leve
Até 77,1kg: Gleyson Teixeira (76,9kg) x Ronaldo Cabral (77kg) – Young Guns – peso-meio-médio

Card preliminar

Até 65,8kg: Romerio Santana (65,5kg) x Luciano Santos (65,7kg) – Young Guns – peso-pena
Até 120kg: Matheus da Silva (120kg) x Lucas Gil (120kg) – Young Guns – peso-pesado
Até 56,7kg: Wellinton Roberto (56,5kg) x Guilherme Pereira (56,7kg) – Young Guns – peso-mosca