Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Ex-UFC Dileno Lopes finaliza no Shooto Brasil 70

27 de março de 2017 0

O Shooto Brasil realizou na noite deste domingo, dia 26 de março, sua segunda edição em 2017 e não faltaram emoções no Clube Hebraica Rio, na Rio de Janeiro. A 70ª edição do evento coroou o amazonense Dileno Lopes na luta principal após uma linda finalização sobre Eliel Topete Dourado.

Outros destaques ficaram por conta da vitória de Thiago Manchinha sobre Guilherme Doin na co-luta da noite e do triunfo do policial do Bope, Rafael Bernardo, que levou o público presente ao evento à loucura. A próxima edição do Shooto acontece no dia 30 de abril, novamente no Rio de Janeiro.

A luta principal do Shooto Brasil 70 marcou o retorno de Dileno Lopes ao Brasil após passagem apagada pelo UFC. Diante do amapaense Eliel Topete Dourado, Dileno mostrou porque é um dos nomes mais reconhecidos do cenário nacional apesar do insucesso no Ultimate. Depois de um início equilibrado, o amazonense impôs um ritmo forte e com um descuido de Eliel encaixou uma guilhotina perfeita, sem chances de defesa. Esta foi a 19ª vitória da carreira do lutador.

— Estou muito satisfeito com o resultado, sabia que meu adversário era forte na luta em pé, então esperei o melhor momento para dar o bote e fui feliz na finalização. Não tem como negar que sair do UFC e voltar a lutar no Brasil é um choque de realidade, mas agradeço ao Dedé pela oportunidade e vou reconquistar meu espaço para voltar ao Ultimate — afirmou Dileno.

Resultados do Shooto Brasil 70

Dileno Lopes finalizou Eliel Topete Dourado com uma guilhotina a 1min e 48seg do primeiro round
Thiago Manchinha venceu Guilherme Doin por nocaute técnico a 1min e 57seg do segundo round
Rafael Bernardo venceu Roger Berger por decisão unânime
Maycon Boca finalizou Ralph Leandro com uma chave de braço a 1min e 52seg do segundo round
Joicemara da Silva finalizou Elaine Leal com um triângulo aos 3min e 42 seg do primeiro round
Matheus Malta finalizou Jean Torres com uma chave de braço aos 3min e 27seg do primeiro round
Rangel de Sá finalizou Jobson Nogueira com uma chave de braço a 1min e 02seg do primeiro round
Carlos Augusto venceu Hudson Sombra por decisão unânime
Luanderson Silva venceu Cleiver Fernandes por decisão unânime

Fotos do Aspera FC 50

20 de março de 2017 0

Mais de 2 mil pessoas saíram de casa no sábado à noite para acompanhar o evento de MMA que mais cresce no Brasil, e já ganhou edições em outros países também. O Aspera FC 50 teve nocautes, decisões dos juízes e finalizações, agradando um público que por vezes lembrava o de um estádio de futebol pela vibração a cada golpe na Arena Multiuso de São José.
Confira as fotos do evento:

Veja os resultados

Márcio Lyoto venceu Marcos Tatu por decisão unânime
Ricardo Tirloni finalizou Fabricio Alagoinhas com um triângulo de mão no segundo round
Willian Lima venceu Alexandre Firmeza por nocaute técnico no primeiro round
Gisele Moreira venceu Karol Rosa por decisão majoritária (29 a 28, 28 a 28, 30 a 27)
Saimon Oliveira finalizou Luan Mão de Pedra com uma guilhotina no primeiro round
Giacomo Lemos venceu Helton Cruz por nocaute técnico no segundo round

Card preliminar

Lincoln Henrique venceu Marcio Muller por nocaute técnico no primeiro round
Marcelo Hulk finalizou Cosme Lima com um mata-leão no segundo round
Silvania Monteiro venceu Indianara India por nocaute técnico em poucos segundos do primeiro round
Matheus Lamarque finalizou Denilson Soneca com um arm-lock no primeiro round
Lucas Amaral finalizou Joselanio Freire com um mata-leão no primeiro round
Jean Silva venceu Anderson Renan por nocaute técnico no segundo round
Márcio Ceará venceu Lucas Santana por nocaute técnico no primeiro round
Robson Pedra venceu André Dias por nocaute técnico no primeiro round

Márcio Lyoto vence na luta principal e os resultados do Aspera FC 50

19 de março de 2017 0

IMG-20170319-WA0078 Com públicona casa dos 2 mil pagantes o Aspera FC teve boas lutas e serviu também como comemoração aos 267 anos de São José, na Arena Multiuso. O evento consagrou Márcio Lyoto, que emplacou seu terceiro triunfo consecutivo ao vencer Marcos Tatu na luta principal.

Ricardo Tirloni, que não lutava desde 2015, retornou com uma vitória por finalização sobre Fabrício Alagoinhas.

Veja os resultados Márcio Lyoto venceu Marcos Tatu por decisão unânime

Ricardo Tirloni finalizou Fabricio Alagoinhas com um triângulo de mão no segundo round

Willian Lima venceu Alexandre Firmeza por nocaute técnico no primeiro round

Gisele Moreira venceu Karol Rosa por decisão majoritária (29 a 28, 28 a 28, 30 a 27)

Saimon Oliveira finalizou Luan Mão de Pedra com uma guilhotina no primeiro round

Giacomo Lemos venceu Helton Cruz por nocaute técnico no segundo round

Card preliminar

Lincoln Henrique venceu Marcio Muller por nocaute técnico no primeiro round

Marcelo Hulk finalizou Cosme Lima com um mata-leão no segundo round

Silvania Monteiro venceu Indianara India por nocaute técnico em poucos segundos do primeiro round

Matheus Lamarque finalizou Denilson Soneca com um arm-lock no primeiro round

Lucas Amaral finalizou Joselanio Freire com um mata-leão no primeiro round

Jean Silva venceu Anderson Renan por nocaute técnico no segundo round

Márcio Ceará venceu Lucas Santana por nocaute técnico no primeiro round

Robson Pedra venceu André Dias por nocaute técnico no primeiro round

Na luta principal do Aspera FC 50, Márcio Lyoto promete dar espetáculo

18 de março de 2017 0
Lyoto e Tatu fazem a luta principal. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

Lyoto e Tatu fazem a luta principal. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

O MMA catarinense volta a ficar em evidência neste sábado com o Aspera FC 50, que será realizado na Arena Multiuso de São José. E o esporte que tem o UFC como referência tem o seu representante local, o AFC, garantindo boas lutas, emoção e promessa de mais de 2 mil espectadores. Tudo isso para ver atletas que estão começando e outros que já brilharam internacionalmente. A parte da pesagem, em que os atletas sofrem, já passou. Agora é hora de sair na mão e bater no amiguinho, como os próprios lutadores falam.

O duelo principal conta com o atleta da casa, finalista do TUF Brasil e ex-UFC, Márcio Alexandre “Lyoto” Jr. contra Marcos Tatu, pela categoria dos médios (84kg). Lutar na sua cidade é uma emoção que Lyoto já experimentou, mas é algo que o motiva ainda mais nessa retomada da carreira.

– Eu quero nocautear, no primeiro ou segundo round, no mais tardar. Quero fazer uma boa luta e dar um espetáculo para o público de São José, que merece. Eu pretendo fazer o meu máximo para voltar para o UFC, eu sei que o meu lugar é lá. Por isso vou dar um show e vai ser a minha terceira vitória seguida pra voltar à maior organização do mundo – disse Lyoto, empolgado após sair da balança – o adversário teve duas horas a mais para perder os 500g que excederam na pesagem.

Como assistir o AFC 50

A venda de ingressos surpreendeu e um dos duelos que deve levar uma grande torcida é entre Gisele Moreira, atleta da casa que representa a Chute Boxe, e Karol Rosa, que vem do Espírito Santo. O Aspera FC 50 ainda terá lutas de jiu-jitsu e muay thai antes de iniciar com o MMA profissional, com início marcado para as 17h. Na hora os ingressos ficam na faixa de
R$ 30 a R$ 40 na bilheteria.

Card do Aspera FC 50 (sujeito a alteração)
Sábado, 18h, na Arena Multiuso de São José
Na TV: o canal Esporte Interativo transmite a partir das 21h

Márcio Lyoto x Marcus Tatu
Ricardo Tirloni x Fabrício Alagoinhas
William Lima x Alexandre Firmeza
Gisele Moreira x Karol Rosa
Lincoln Henrique x Marcio Muller
Giacomo Lemos x Helton Cruz
Saimon Oliveira x Matheus Belas
Marcelo Hulk x Cosme Lima
Silvania Monteiro x Indianara Índia
Mateus Lamarque x Denilson Soneca
Jean Bueno x Francisco Saldarriaga
Joselanio Freire x Lucas Amaral
Jean Silva x Anderson Renan
Lucas Santana x Márcio Ceará
Leo Augusto x Cleiton Butiski
Robson Pedra x André Bull

*A cobertura do Aspera FC conta com o apoio da Bad Boy Floripa

De volta após tempo sem lutar, Ricardo Tirloni mira a vitória no Aspera FC 50

18 de março de 2017 0
Tirloni e Alagoinhas na encarada. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

Tirloni e Alagoinhas na encarada. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

Sem ter lutado nenhuma vez em 2016 por conta de lesão, Ricardo Tirloni, de Balneário Camboriú, foi escalado para substituir o amigo Thiago Tavares no co-main evento do Aspera FC 50, neste sábado, na Arena Multiuso de São José, contra Fabrício Alagoinhas. Aos 34 anos, ele planeja um ano de mais lutas e vitórias, já que possui 18 triunfos e seis derrotas na carreira.

— Quero fazer quatro lutas neste ano, já que em 2016 eu não fiz nenhuma. É um evento bom, com repercussão nacional, um adversário bom, então quero fazer quatro lutas pra compensar o ano passado. Já não tenho mais muito tempo de carreira e ficar esperando não ajuda. Pretendo com certeza atuar fora do Brasil, esse ano deve ter Argentina, Japão e Europa, mas primeiro vamos começar por São José — garantiu.

A experiência de Tirloni conta, mas ele não acredita em favoritismo, mesmo tendo aceito o combate com poucos dias e vindo de um longo tempo de inatividade.

— Não me coloca nenhuma pressão ser favorito, já que sempre entro pra fazer o meu melhor e mostrar porque alcancei os resultados e rankings que cheguei na minha carreira. Eu sempre entro com a pressão minha pra não dar nada errado. Favoritismo não existe depois que fecha a grade, o que conta é o momento de cada um e o quanto cada um quer.

Card do Aspera FC 50
Sábado, 18h, na Arena Multiuso de São José
Na TV: o canal Esporte Interativo transmite a partir das 21h

Márcio Lyoto x Marcus Tatu
Ricardo Tirloni x Fabrício Alagoinhas
William Lima x Alexandre Firmeza
Gisele Moreira x Karol Rosa
Lincoln Henrique x Marcio Muller
Giacomo Lemos x Helton Cruz
Saimon Oliveira x Matheus Belas
Marcelo Hulk x Cosme Lima
Silvania Monteiro x Indianara Índia
Mateus Lamarque x Denilson Soneca
Jean Bueno x Francisco Saldarriaga
Joselanio Freire x Lucas Amaral
Jean Silva x Anderson Renan
Lucas Santana x Márcio Ceará
Leo Augusto x Cleiton Butiski
Robson Pedra x André Bull

*A cobertura do Aspera FC conta com o apoio da Bad Boy Floripa

No UFC Londres, Vicente Luque busca quinta vitória consecutiva

18 de março de 2017 0

vicente_luque
A fase de Vicente Luque é espetacular. Em seus últimos quatro compromissos no octógono, ele não deu chances aos oponentes e nocauteou ou finalizou todos. Assim, embalado, ele está em Londres, na Inglaterra, para entrar em ação no card preliminar do UFC Fight Night 107 neste sábado, dia 18 de março.

Natan Schulte estreia nos Estados Unidos contra russo no WSOF 35

O desafio da vez será contra Leon Edwards, inglês e que contará com grande parte da torcida presente na O2 Arena, palco do show. Mas nada tira o foco do brasileiro: ele quer a vitória para, enfim, figurar no top 15 da categoria meio-médio (até 77,1 kg). O Combate transmite, ao vivo, todas as lutas do card a partir das 14h25min (horário de Brasília).

Julio Cesar Morceguinho e Marcel Adur lutam neste sábado no BRAVE 3

Atualmente, Luque é o lutador com maior sequência de vitórias fora da lista dos 15 melhores da divisão. Dentro do ranking, apenas três atletas ostentam números iguais ou superiores: Demian Maia (seis vitórias) e Santiago Ponzinibbio e Kamaru Usman (também com quatro triunfos). Um novo resultado positivo, muito provavelmente, deixará Luque no top 15, e essa possibilidade serve como motivação extra para o combate.

— Eu estou me sentindo muito bem com tudo o que vem acontecendo comigo nos últimos anos. Sem lesões, corpo bem, cabeça boa, evoluindo nos treinamentos, e isso tudo tem refletido em meus resultados. São quatro boas vitórias seguidas, mas quero mais. Quero engatar a quinta e aparecer entre os tops da categoria. Estou subindo degrau por degrau, e esse é o meu foco do momento — avisa o lutador que nasceu em New Jersey, nos Estados Unidos, e foi criado em Brasília.

Card UFC: Manuwa x Anderson
18 de março, em Londres (ING)

Peso-meio-pesado: Jimi Manuwa x Corey Anderson
Peso-meio-médio: Gunnar Nelson x Alan Jouban
Peso-galo: Brad Pickett x Marlon Vera
Peso-pena: Arnold Allen x Makwan Amirkhani

Card preliminar
Peso-leve: Joe Duffy x Reza Madadi
Peso-meio-pesado: Darren Stewart x Francimar Bodão
Peso-pesado: Daniel Omielanczuk x Tim Johnson
Peso-leve: Marc Diakiese x Teemu Packalen
Peso-médio: Tom Breese x Oluwale Bamgbose
Peso-meio-médio: Leon Edwards x Vicente Luque
Peso-galo: Ian Entwistle x Brett Johns
Peso-médio: Brad Scott x Scott Askham
Peso-galo: Lina Lansberg x Lucie Pudilova

*A cobertura do UFC conta com o apoio da Bad Boy Floripa

Julio Cesar Morceguinho e Marcel Adur lutam neste sábado no BRAVE 3

18 de março de 2017 0

O BRAVE desembarca no Brasil para o seu primeiro evento neste sábado, em São José dos Pinhais. De cara o tratamento dado aos atletas vem se mostrando diferenciado, a julgar também pelos eventos pré-luta e pelo card definido.

Os catarinenses Julio Cesar Morceguinho e Marcel Adur estão confirmados nesta primeira edição do evento, que será em São José dos Pinhais, no Paraná. Morceguinho vai encarar o paulista Fernando Colman, enquanto Adur encara o mexicano Ivan Lopez.

Confira as fotos da pesagem, que tem o ex-UFC Lucas Mineiro na luta principal contra Fabian Galvan, e que terá transmissão ao vivo do Canal Combate a partir das 20h30min deste sábado.

Card do BRAVE 3
18 de março – São José dos Pinhais, Paraná

CARD
Peso-pena: Lucas Mineiro (66,1kg) x Fabian Galvan (65kg)
Peso-meio-médio: Carlston Harris (77,2kg) x Thiago Monstro (77,4kg)
Peso-médio: Jeremy Smith (83,3kg) x Marco Pirata (84,3kg)
Peso-leve: Luan Santiago (70,6kg) x Ivan Castillo (70,6kg)
Peso-combinado: Julio Cesar Neves (66,4kg) x Fernando Colman (68,9kg)
Peso-galo: Walel Watson (61,4kg) x Felipe Efrain (61,3kg)
Peso-mosca: Ivan Lopez (57,1kg) x Marcel Adur (57,1kg)
Peso-pena: Rogério Bontorin (61,2kg) x Jon Olivar Jr. (61,1kg)
Peso-galo: Cristiano Souza (61,5kg) x Cristian Quiñonez (61,5kg)
Peso-pena: Bruno Roverso (66,1kg) x Max Lima (66,1kg)

*A cobertura do BRAVE conta com o apoio da Bad Boy Floripa

Card do Aspera FC 50, sábado, ao vivo no Esporte Interativo

17 de março de 2017 0
Alexandre Firmeza e William Lima na encara. Foto: Jorge Jr./Na Guarda

Alexandre Firmeza e William Lima na encara. Foto: Jorge Jr./Na Guarda


Card do Aspera FC 50 (sujeito a alteração)

Sábado, 18h, na Arena Multiuso de São José
Na TV: o canal Esporte Interativo transmite a partir das 21h

Márcio Lyoto x Marcus Tatu
Ricardo Tirloni x Fabrício Alagoinhas
William Lima x Alexandre Firmeza
Gisele Moreira x Karol Rosa
Lincoln Henrique x Marcio Muller
Giacomo Lemos x Helton Cruz
Saimon Oliveira x Matheus Belas
Marcelo Hulk x Cosme Lima
Silvania Monteiro x Indianara Índia
Mateus Lamarque x Denilson Soneca
Jean Bueno x Francisco Saldarriaga
Joselanio Freire x Lucas Amaral
Jean Silva x Anderson Renan
Lucas Santana x Márcio Ceará
Leo Augusto x Cleiton Butiski
Robson Pedra x André Bull

*A cobertura do Aspera FC conta com o apoio da Bad Boy Floripa

Natan Schulte estreia nos Estados Unidos contra russo no WSOF 35

17 de março de 2017 0

Com um cartel bem positivo e vindo de 10 vitórias seguidas, o joinvilense Natan Schulte estreia neste sábado, dia 18, no World Series Of Fighting. Ele vai enfrentar o russo Islam Mamedov. Morando nos Estados Unidos e treinando na American Top Team, Natan comentou sobre a sua adaptação ao novo país.

— A adaptação está sendo boa, não tive muita dificuldade e nos treinos também, já tinha vindo pra cá no ano passado e fiquei um mês, agora estou há quatro meses.

Campeão do GP do XFC em 2014, Natan lutou apenas duas vezes desde lá. Essa mudança para os EUA também ajudou para que a sua carreira internacional de fato fosse iniciada.

— No Brasil eu estava lutando nos eventos nacionais, mas como eu queria alavancar a minha carreira eu tinha que sair do país. Apareceu a oportunidade de lutar no WSOF e eu vim pra cá e foquei na preparação. Eu tenho que estar lutando bem aqui nos Estados Unidos, com grandes nomes para estar num cenário maior. Eu estando bem e lutando em alto nível, aqui vai ser muito bom para a minha carreira — comentou.

natan_schulte

Com um adversário duro pela frente, que tem três vitórias só no WSOF, Natan Schulte espera iniciar com o pé direito para cumprir a sua meta de combates no ano.

— Eu fiz poucas lutas nestes últimos dois anos e meio, e eu fazia três lutas em um ano e isso foi muito ruim pra mim. Por isso a minha meta é fazer três lutas neste ano no WSOF.

Sobre voltar para Joinville, onde morava e treinava, agora é só como visita.

— Não tem como voltar a morar no Brasil, eu amo de Joinville, mas agora é só pra passear. Não tem como eu querer lutar e estar treinando lá, o que muda muito é o treino que a gente tem aqui. Aqui a academia é cheia de wrestlers e só vai encontrar aqui. A minha sorte foi vir pra Flórida, que o clima é bem parecida, e agora até o fim da minha carreira eu pretendo ficar por aqui.

Card do WSOF 35

Blagoy Ivanov x Shawn Jordan
Lance Palmer x Andre Harrison
Bekbulat Magomedov x Donavon Frelow
Abubakar Nurmagomedov x Matt Secor
Tom Marcellino x Bill Jones
Hakeem Dawodu x Steven Siler
Islam Mamedov x Natan Schulte
Alexandre Almeida x Steven Rodriguez
Andrews Nakahara x Emmanuel Walo

*A cobertura do WSOF conta com o apoio da Bad Boy Floripa

Anderson Silva luta com Kelvin Gastelum no UFC 212

14 de março de 2017 0

anderson_gastelum

Nem bem esfriou o corpo após nocautear Vitor Belfort e Kelvin Gastelum já tem outra lenda brasileira para encarar. Após o lutador norte-americano confirmar no Revista Combate, o Ultimate anunciou que Gastelum irá enfrentar Anderson Silva no UFC 212, dia 3 de junho, no Rio de Janeiro.

Aos 25 anos, Gastelum está embalado em três vitórias seguidas. Já o ex-campeão peso-médio Anderson Silva, 41, vem de uma vitória não muito empolgante sobre Dereck Brunson.

Nazareno Malegarie conquista o cinturão do Pancrase
Vídeo: Vitor Belfort é nocauteado por Gastelum no UFC Fortaleza
Felipe Cruz conquista o cinturão do Noxii, o quinto da carreira

O card será liderado pela batalha entre José Aldo e Max Holloway, que será a unificação dos títulos peso-pena.

*A cobertura do UFC conta com o apoio da Bad Boy Floripa