Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "José Aldo"

Exame mostra a lesão na costela que tirou José Aldo do UFC 189

02 de julho de 2015 1
costela_josé_aldo

Tomografia com imagens constatando a fratura. Foto: Reprodução

Desde o dia 23 de junho, dia em que se lesionou em um treino na preparação para enfrentar Conor McGregor no UFC 189, dia 11 de julho, o campeão peso-pena José Aldo estava em silêncio. Nesta quarta à noite, via assessoria de imprensa, o lutador divulgou um comunicado explicando a sua retirada da disputa de cinturão, detonando a disputa por um título interino e tirando sarro de uma possível vitória do irlandês em cima de Chad Mendes.

José Aldo está fora do UFC 189 e Chad Mendes disputa cinturão com McGregor

Confira a nota na íntegra:

“Durante três meses, diariamente, realizei três períodos de treinamento. Investi meu tempo e dinheiro, trazendo parceiros de treino, tanto do país quanto de fora, para realizar o melhor camp da minha vida e estar pronto para defender, pela oitava vez, o meu cinturão no dia 11 de julho. Infelizmente, sofri uma fratura na costela durante um treino, que está comprovada por laudo oficial, e apesar de fazer todo o possível para lutar, fui obrigado ao contrário e isso me entristeceu muito. Somente eu, minha família, treinadores e companheiros sabemos quanto eu me esforcei para representar o Brasil novamente.

lesão_josé_aldo

Ressonância comprova o derrame na região

A decisão foi tomada em respeito aos fãs e ao UFC, que hoje me consideram o melhor lutador peso-por-peso do mundo. Eu não poderia lutar sem ter 100% das minhas condições físicas e com uma fratura na costela que poderia se agravar caso sofresse um golpe no local. Muitas pessoas me disseram para lutar mesmo assim, por conta do dinheiro que poderia ganhar, mas não me venderia por quantia alguma, seja ela qual fosse. Luto por amor ao que eu faço e pelo meu país. O dinheiro, para mim, vem em segundo plano, é igual sombra: quando você tenta pegar, não consegue, mas quando você anda para frente, ele te segue. O dinheiro acaba em algum momento, mas o legado de conquistas ficará para a história, e é isso que mais valorizo.

Luta de José Aldo e Conor McGregor é mantida no UFC 189

Sou campeão do UFC desde abril de 2011, defendi meu cinturão sete vezes em quatro anos, e farei a oitava defesa ainda em 2015, uma média de duas lutas de título por ano. Isto sem contar o WEC, evento de propriedade da Zuffa, assim como o Ultimate, e do qual fui campeão em 2009 para depois colocar o cinturão em jogo por mais duas vezes em menos de um ano. Por isso, não posso concordar com a decisão do UFC em ter um campeão interino da minha categoria, justificando isso com as cinco oportunidades que não pude defender o cinturão.

Confira todas as lutas confirmadas no card do UFC 190

Caso essas lutas tivessem ocorrido, eu teria feito, apenas no UFC, 12 lutas de título em quatro anos, com uma média de três disputas por ano, uma média que nenhum campeão teve. Raramente algum fez três defesas em um ano. Então, esse não pode ser o motivo principal para ser dado um título interino, mas como o UFC é uma empresa privada da qual sou contratado, não posso reclamar das suas decisões, mas nem por isso posso dizer que concordo.

Announcer Junior Furtuoso é contratado pelo XFC

Com relação ao meu adversário, que falou para eu me apresentar para a luta como homem, não posso falar nada sobre um cara que imita na vida um personagem de série de TV (o ator Travis Fimmel, da série Vikings). Esse é realmente quem ele realmente queria ser, porque deve ter vergonha de ser quem é de verdade, tanto que imita as falas, jeito de ser e tatuagens desse ator. Ele é um artista, mas não das artes marciais, e sim de comédia barata. É até um desrespeito com o ator e, principalmente, com atletas de verdade. Ele deveria procurar um palco e não um octógono. O octógono é meu reino e lá só existe espaço para um rei, que sou eu, e se ele quiser participar, vai ter que ser como bobo da corte que já é.

UFC e Reebok lança o kit de luta oficial

Se vencer o Chad Mendes, a única coisa que ele terá será um cinturão de brinquedo para mostrar aos amigos, bêbado nos bares do país dele, porque é isso que um título interino representa para mim: um brinquedo. O campeão sou eu”.

José Aldo está fora do UFC 189 e Chad Mendes disputa título interino com Conor McGregor

30 de junho de 2015 1

mendes_mcgregor. Foto: Reprodução
Já era previsto, mas só na noite desta terça-feira, no SportsCenter da ESPN, o presidente do Ultimate, Dana White, confirmou o brasileiro José Aldo fora do UFC 189, marcado para o dia 11 de julho, em Las Vegas.

UFC e Reebok lançam o kit de luta oficial do Ultimate

E como também já estava pré-definido, o norte-americano Chad Mendes, duas vezes derrotado por Aldo, será o desafiante do irlandês Conor McGregor na disputa pelo cinturão interino dos pesos-pena (66kg) da organização.

— André Pederneiras, seu treinador, ligou e basicamente disse que a lesão do Aldo na costela é muito dolorida e que ele não vai lutar. Então, Chad Mendes vai enfrentar Conor McGregor pelo cinturão interino. José Aldo já se retirou de cinco lutas que valiam cinturão. Conor está pronto para lutar. O cara número um no mundo, Chad Mendes, está pronto para lutar. Então, isso faz sentido. Eles vão lutar pelo título interino e, quando o José Aldo estiver pronto, faremos a luta pela unificação dos cinturões. É a decisão dele. Eu não me sinto muito bem com isso, gastamos muito dinheiro promovendo essa luta. Muitas pessoas estão empolgadas para essa luta, então definitivamente é algo decepcionante — disse Dana White.

:: Relembre
Luta de José Aldo e Conor McGregor é mantida no UFC 189
Confira algumas opções para substituir José Aldo

Card do UFC 189

Peso-pena: Chad Mendes x Conor McGregor
Peso-meio-médio: Robbie Lawler x Rory McDonald
Peso-pena: Dennis Bermudez x Jeremy Stephens
Peso-meio-médio: Gunnar Nelson x John Hathaway
Peso-galo: Thomas Almeida x Brad Pickett

Card preliminar
Peso-meio-médio: Matt Brown x Tim Means
Peso-meio-médio: Brandon Thatch x John Howard
Peso-meio-médio: Mike Swick x Alex Garcia
Peso-galo: Cody Garbrandt x Henry Briones
Peso-mosca: Neil Seery x Louis Smolka
Peso-leve: Yosdenis Cedeno x Cody Pfister

Parceiro de treino de José Aldo, Hacran Dias que brilhar no UFC Machida x Romero

27 de junho de 2015 0
Hacran fez a preparação junto com José Aldo. Foto: Felipe Fiorito/Garra Comunicação

Hacran fez a preparação junto com José Aldo. Foto: Felipe Fiorito/Garra Comunicação

Um dos parceiros de treino de José Aldo, o carioca Hacran Dias é um dos lutadores brasileiros confirmados no card do UFC Machida x Romero, neste sábado, em Hollywood (EUA). O atleta da Nova União vai enfrentar o norte-americano Levan Makashvili no card principal e está melhor do que nunca para buscar a segunda vitória seguida no Ultimate.

Confira o horário do UFC Machida x Romero

— Estou muito bem preparado, treinando forte desde o início do ano, só esperando um adversário. O que eu sei é que o Levan tem um estilo parecido com meu último adversário, tem o wrestling como ponto forte, vem da luta olímpica e o objetivo é tentar surpreendê-lo na área que ele se sente confortável, assim como fiz com o Elkins — disse o jogador via assessoria de imprensa.

Luta de José Aldo e Conor McGregor é mantida no UFC 189

Para o duelo contra Makashvili, Hacran Dias contou também com a ajuda de Pedro Rizzo e Alex Chadud no muay thai, Giovanni Diniz no boxe, e fez a preparação física com Orlando Folhes. Em termos de sparring, não poderia estar melhor servido, já que se preparou com o amigo José Aldo, num camp de alto nível.

— Meu camp foi muito bem feito, mas acho que o grande diferencial foi ter participado do camp do Junior (José Aldo). Eu nunca o vi tão motivado e tão bem físico e tecnicamente. Ele é um irmão para mim e já treinamos juntos há muito tempo, mas não me recordo a última vez que lutamos próximos um do outro, então essa carona no camp dele me faz sentir duplamente preparado para fazer meu trabalho no UFC.

Card do UFC Machida x Romero

Peso-médio: Lyoto Machida x Yoel Romero
Peso-meio-médio: Lorenz Larkin x Santiago Ponzinibbio
Peso-médio: Antônio Carlos Cara de Sapato x Eddie Gordon
Peso-médio: Thiago Marreta x Steve Bosse
Peso-pena: Hacran Dias x Levan Makashvili
Card preliminar
Peso-meio-médio: Alex Cowboy x Joe Merritt
Peso-leve: Leandro Buscapé x Lewis Gonzalez
Peso-meio-médio: Steve Montgomery x Tony Sims
Peso-galo: Danny Martinez x Sirwan Kakai

Luta de José Aldo e Conor McGregor é mantida no UFC 189

24 de junho de 2015 0

aldo_mcgregor
Após um dia de agonia e sem notícias, o Ultimate se pronunciou na noite desta quarta-feira e garantiu que o duelo principal do UFC 189, dia 11 de julho, em Las Vegas, está de pé. Sim, José Aldo e Conor McGregor vão se enfrentar.

Lesão pode tirar o campeão José Aldo do UFC 189
Confira opções para salvar o UFC 189 se José Aldo sair do card

Os exames médicos, segundo o UFC, mostram que Aldo teve um edema ósseo, e não uma fratura na costela. Mas caso o brasileiro fique impossibilitado de lutar, Chad Mendes irá substituí-lo e encarar McGregor na disputa pelo cinturão interino dos pesos-pena.

Confira o comunicado do UFC na íntegra

Por causa das recentes reportagens a respeito do estado de saúde do campeão peso-pena, José Aldo, o UFC recebeu confirmação médica de diferentes médicos que afirmaram que Aldo não quebrou a costela. Após uma revisão dos exames, foi determinado que o campeão sofreu um edema ósseo em sua costela e uma lesão na cartilagem durante o treino.

Com essa notícia, Aldo já expressou que tem toda a intenção de enfrentar Conor McGregor no UFC 189.

Enquanto ele já indicou que vai competir no dia 11 de julho, em Las Vegas, o UFC confirmou um plano de contingência. O desafiante número um da divisão peso-pena, Chad Mendes, vai enfrentar Conor McGregor pelo título interino dos pesos-penas no evento caso Aldo não possa competir.

O UFC mantém o compromisso de entregar as disputas de cinturão peso-pena e peso-meio-médio no UFC 189 durante a Semana Internacional da Luta em Las Vegas

Com a lesão de José Aldo, veja algumas opções para salvar o UFC 189

23 de junho de 2015 0

aldo_mcgregor_ufc189
A possível saída de José Aldo do card do UFC 189 é um problema sério para o Ultimate. A luta com o irlandês Conor McGregor, que foi muito bem promovida em todos os sentidos, é sucesso de público absoluto, mas a fratura na costela do brasileiro pode adiar esse combate.

Uma das opções do UFC está bem perto, já que o campeão Robbie Lawler e Rory McDonald o disputarão o cinturão dos meio-médios, seriam a penúltima luta do evento, e podem salvar o card. Outra sugestão, aí já contando com a manutenção de Conor McGregor, é o Ultimate chamar o ex-desafiante Chad Mendes, que perdeu duas vezes na carreira, ambas para José Aldo, e dar um cinturão interino ao vencedor, ou credenciá-lo para a próxima disputa de título.

Card do UFC 189

Peso-pena: José Aldo x Conor McGregor
Peso-meio-médio: Robbie Lawler x Rory McDonald
Peso-pena: Dennis Bermudez x Jeremy Stephens
Peso-meio-médio: Gunnar Nelson x John Hathaway
Peso-galo: Thomas Almeida x Brad Pickett

Card preliminar
Peso-meio-médio: Matt Brown x Tim Means
Peso-meio-médio: Brandon Thatch x John Howard
Peso-meio-médio: Mike Swick x Alex Garcia
Peso-galo: Cody Garbrandt x Henry Briones
Peso-mosca: Neil Seery x Louis Smolka
Peso-leve: Yosdenis Cedeno x Cody Pfister

Joe Rogan comenta disputa de cinturão no UFC 189

22 de junho de 2015 1

josé_aldo_mcgregor.jpg
Comentarista oficial do Ultimate, Joe Rogan faz uma análise sobre o duelo entre José Aldo e Conor McGregor, marcado para o UFC 189, dia 11 de julho, em Las Vegas, valendo o cinturão dos pesos-penas do show.

O vídeo ainda traz as falas dos dois lutadores e outros momentos deles dentro do octógono e na promoção do evento, com direito ao roubo do cinturão de José Aldo. Assista:

José Aldo enfrenta Conor McGregor no UFC 189, em julho

30 de janeiro de 2015 0

aldo_mcgregos_ufc187
A grande luta entre o brasileiro José Aldo e o irlandês Conor McGregor foi confirmada para o UFC 189, marcado para o dia 11 de julho em Las Vegas, valendo o cinturão dos pesos-pena (66kg). O anúncio foi feito pelo Ultimate nesta sexta, dia da pesagem entre Anderson Silva e Nick Diaz.

::: Confira como foi a encarada de Anderson Silva e Nick Diaz
::: Luta entre Chris Weidman e Vitor Belfort é cancelada
::: Curta a página do Na Guarda no Facebook
::: Confira promoções de suplementos na Ready Nutri

Fotos: golpes de Chad Mendes castigaram o rosto de José Aldo no UFC 179

26 de outubro de 2014 1
1097_26.47.2014_80835_ef_20141026

Dedo no olho de Mendes, além de soco, castigaram o campeão. Foto: Alexandre Loureiro/Inovafoto

Não foi fácil para José Aldo manter o cinturão do UFC contra Chad Mendes. Dois dedos no olho durante a luta “ajudaram” o brasileiro a ficar com o rosto bastante machucado, além dos bons golpes do norte-americano que entraram limpos e chegaram a fazer o campeão bambear.

::: Confira os resultados do card preliminar do UFC 179
::: Participe e fature um kit de produtos da Integralmédica

josé_aLdo_pedro_rizzo

Pedro Rizzo postou foto com Aldo com a “lataria avariada”. Foto: Reprodução

1097_26.47.2014_80784_ef_20141026

Com o rosto ainda “quente” após receber o cinturão. Foto: Alexandre Loureiro/Inovafoto

Golpe de Mendes entrando no rosto de Aldo. Foto: Alexandre Loureiro/Inovafoto

Golpe de Mendes entrando no rosto de Aldo. Foto: Alexandre Loureiro/Inovafoto

Em luta espetacular, José Aldo vence Chad Mendes e mantém o cinturão do UFC

26 de outubro de 2014 2
Aldo fez a festa e Chad, ao fundo, foi consolado. Foto: Wander Roberto/Inovafoto

Aldo fez a festa e Chad, ao fundo, foi consolado. Foto: Wander Roberto/Inovafoto

O cinturão dos pesos-pena do Ultimate continua no Brasil, mas não foi fácil. José Aldo venceu o norte-americano Chad Mendes por decisão unânime, 49 a 46, em uma verdadeira batalha, onde os dois lutadores mostraram muita vontade de vencer durante os 25 minutos de combate, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro.

::: Participe e fature um kit de produtos da Integralmédica

Na sétima defesa do cinturão, Aldo não mostrou nada de conservadorismo no primeiro round, já que Chad Mendes foi pra cima e os dois fizeram uma trocação franca, frenética e assustadora. E assim o duelo foi durante dos cinco rounds, com Aldo colocando Mendes mais em perigo, inclusive com knockdowns, mas no quarto round, já mais cansado, por pouco o norte-americano não acaba com a luta após encaixar uma bela sequência e tontear o brasileiro.

No fim, de forma unânime e nada contestada, os árbitros deram quatro rounds a um para José Aldo, que segue como o único brasileiro detentor do cinturão do Ultimate.

Próximo desafiante

Na entrevista após a vitória, José Aldo imitou uma fala de Romário dos anos 90 a se referir a Conor McGregor, irlandês falastrão e bom de luta, que deve ser o próximo desafiante ao cinturão dos pesos-penas.

- Agora a corte está completa. Tem o rei, que sou eu, o príncipe, que é o Chad, e o bobo (McGregor).

Festa dos gringos

O card principal do UFC teve mais vitórias dos estrangeiros do que de brasileiros. Apenas José Aldo e Fábio Maldonado, em uma grande virada em cima do holandês Hans Stringer, saíram com a vitória do octógono.

Phil Davis, com um wrestling justo, no maior estilo carrapato, conseguiu anular a mão pesada e o jogo de chão de Glover Teixeira, que emplacou a segunda derrota seguida – a anterior havia sido “só” para Jon Jones.

Prêmios de 50 mil dólares

José Aldo e Chad Mendes – cada um ganha por luta da noite
Fábio Maldonado e Gilbert Durinho – cada um ganha por performance da noite

Resultados do UFC 179

José Aldo derrotou Chad Mendes por decisão unânime dos jurados
Phil Davis derrotou Glover Teixeira por decisão unânime dos jurados
Fabio Maldonado derrotou Hans Stringer por nocaute técnico no segundo round
Darren Elkins derrotou Lucas Mineiro por decisão unânime dos jurados
Beneil Dariush derrotou Carlos Diego Ferreira por decisão unânime dos jurados

Card preliminar

Neil Magny derrotou William Patolino por nocaute técnico no terceiro round
Yan Cabral finalizou Naoyuki Kotani com um mata-leão no segundo round
Wilson Reis finalizou Scott Jorgensen com um kata-gatame no primeiro round
Andre Fili derrotou Felipe Sertanejo por decisão unânime dos jurados
Gilbert Durinho finalizou Christos Giagos com um arm-lock no primeiro round
Tony Martin finalizou Fabrício Morango com uma kimura no primeiro round

José Aldo tem a missão de manter o único cinturão do UFC do Brasil

25 de outubro de 2014 0
Ambos os lutadores confiam na vitória. Foto: William Lucas/Inovafoto

Ambos os lutadores confiam na vitória. Foto: William Lucas/Inovafoto

Sob a custódio de um brasileiro, o cinturão do UFC estará em jogo na madrugada deste domingo, no Maracanãzinho, Rio de Janeiro. José Aldo, invicto há 17 lutas, irá enfrentar o norte-americano Chad Mendes, que foi nocauteado pelo próprio Aldo em janeiro de 2012, também no Rio. Confiante, após ter que ficar nu para bater o limite da categoria na pesagem, José Aldo disse estar muito focado para fazer tudo aquilo que treinou.

::: Concorra a uma camisa do lutador José Aldo via Ready Nutri
::: Participe e fature um kit de produtos da Integralmédica

— Meu pensamento é de vitória. Estou bem treinado, bem condicionado fisicamente, e a cabeça está boa. Agora, é chegar lá dentro e fazer meu trabalho. Estão falando muito, mas eu não sou muito de falar: sou de fazer. Vou chegar lá e mostrar o que eu faço. Falar até papagaio fala. Não me preocupo com o que estão falando ou não

Daquela derrota no Rio pra cá, Mendes emendou uma sequência de cinco vitórias, sendo quatro por nocaute, e se mostra confiante para ser o novo campeão dos penas.

— Quero surpreendê-lo como o Dillashaw fez com o Barão. Sinto que tenho uma ótima estratégia. Melhorei uma tonelada. Vou surpreendê-lo e ele vai perder. Não vai ser uma luta, vai ser uma guerra

Interino

Só neste ano, Renan Barão perdeu o seu título para TJ Dillashaw e Lyoto Machida teve a chance, mas Chris Weidman o derrotou. A esperança é Fabrício Werdum, em novembro disputará o título interino dos pesos-pesados contra Mark Hunt.

Na TV

RBS TV transmite o UFC 179 ao vivo a partir da 1h15min de domingo.
Assista ao vivo no canal Combate o UFC 179, via pay-per-view, a partir das 21h.

Card do UFC 179

Peso-pena: José Aldo x Chad Mendes
Peso-meio-pesado: Glover Teixeira x Phil Davis
Peso-meio-pesado: Fábio Maldonado x Hans Stringer
Peso-pena: Darren Elkins x Lucas Mineiro
Peso-leve: Diego Ferreira x Beneil Dariush

Card preliminar
Peso-meio-médio: William Patolino x Neil Magny
Peso-leve: Yan Cabral x Naoyuki Kotani
Peso-mosca: Wilson Reis x Scott Jorgensen
Peso-pena: Felipe Sertanejo x Andre Fili
Peso-leve: Gilbert Durinho x Christos Giagos
Peso-leve: Fabrício Morango x Tony Martin