Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

O Filósofo da FIFA

06 de março de 2012 37

Terminei de ler o livro “Jogo Sujo: O Mundo Secreto da FIFA” do jornalista inglês Andrew Jennings, inimigo número um da FIFA.

Repórter investigativo há mais de 30 anos, barrado nas entrevistas coletivas da entidade, sua narrativa sobre a corrupção feita pelos cartolas que comandam o futebol mundial são de arrepiar.

No livro, Jennings fala sobre a relação entre o atual presidente da Federação Joseph Blatter com o seu antecessor João Havelange e o presidente da CBF Ricardo Teixeira, onde aponta as ligações suspeitas do suíço com os patrocinadores da entidade e de grandes clubes e seleções e revela esquemas de compras de votos e ingressos de Copas do Mundo, entre outras denúncias que são realmente surpreendentes.

No capítulo 26, o jornalista cita a relação de Blatter com Al-Saadi Gaddafi, filho do ditador da Líbia, Muammar Al-Gaddafi. Impressionante a riqueza de detalhes.

O jornalista inglês descreve o escândalo da compra de votos para a reeleição de Blatter, a tentativa da Federação inglesa de anular a eleição, o afastamento de sete presidentes de federações por corrupção e ainda o quanto Ricardo Teixeira levou no caso ISL. Mas tem muito mais.

Sobre o ídolo de alguns brasileiros, o filósofo Jérôme Valcke, o que ele fez com o Brasil não é novidade na sua desastrada e mal educada trajetória.

Ano passado ele já havia sugerido que o Catar teria “comprado” membros da Fifa para sediar a Copa de 2022 e depois recuou afirmando que foi mal interpretado.

“Gostaria de esclarecer que usei no e-mail uma linguagem mais informal, que não costumo usar nas correspondências. Quando me referi à Copa do Mundo de 2022, o que quis dizer foi que a candidatura vencedora usou o seu potencial financeiro para angariar apoio e fazer lobby”, explicou Valcke.

Pois agora, de novo, ele vem a público dizer que foi mal interpretado com relação ao Brasil e culpa a tradução, dizendo que não falou o que realmente falou, como se por aqui ninguém soubesse entender francês ou inglês, todos são ignorantes.

Pediu desculpas formalmente ao governo brasileiro, que não sei até que ponto serão aceitas, mas o homem é de uma prepotência digna de um dirigente da FIFA que se julga acima do bem e do mal.

No pedido de desculpas baixou a bola e disse que o Brasil “é e sempre será a única opção para sediar a Copa do Mundo de 2014”.

O povo brasileiro está atento a tudo o que está acontecendo, ninguém está batendo palmas para os acontecimentos referentes à Copa, todos sabemos de nossos problemas, mas não é um secretário de uma entidade recheada de denúncias de corrupção que vai mandar dar “chute em traseiro” de autoridades nacionais e muito menos chamar um ministro da república de “infantil”. Não um secretário da FIFA. Este é um assunto do Brasil.

Aceitamos críticas, mas que tenha nível, se este senhor não têm que siga seu caminho e passe a bola para outro.


Comments

comments

Comentários (37)

  • fdemis diz: 6 de março de 2012

    QUEM VALORIZA MUITO A FIFA, SAO OS VERMELINHOS.
    COLOCARAM ATÉ UMA CHANCELA LA NO FUTURO REMEN
    DO ” CAMPEAO DO MUNDO FIFA’ , DEPOIS PAGARAM UM MI
    CAO E TIVERAM QUE EXTIRPAR. MAS ESTA ENTIDADE E RE
    ALMENTE MUITO SÉRIA, HAJA VISTO, QUE O CURINTIA NUN
    CA GANHOU UMA LIBERTADORES E É CAMPEAO DO MUNDO FIFA
    FALA SÉRIO

  • jorge diz: 6 de março de 2012

    Donde se conclui que a parceria FIFA x Politicos Brasileiros e perfeita,

  • Gustavo – Fpolis diz: 6 de março de 2012

    bahhhh blogueiro, tudo bem que post não é matéria de jornal, mas erro de concordância é soda!!!!
    Pior que fizemos algumas matérias juntos na faculdade!!!

  • Celito Sonza – Jaguari diz: 6 de março de 2012

    Nando! Claro que o senhor Jerone, secretário-geral da FIFA não tem autoridade moral, para dizer que as autoridades brasileiras precisam de um chute no traseiro para tocar as obras, nos estádios e infra-estrutura nas cidades sedes. Mas que está muito devagar, quase parando, muitas nem iniciaram, isto é verdade. Portanto, muitos precisam de um empurrão, para acordarem, pois 2014, está logo ali. Muitos dirão: Isto é Brasil!

  • George diz: 6 de março de 2012

    Já viu no Blog do Menon pq o Ricardo Teixeira aceitou ficar na CBF? Quem o convenceu?

  • João ( Ctba ) diz: 6 de março de 2012

    Quem deveria levar um chute no traseiro são esses dirigentes corruptos da Fifa, Blatter, Valcke e a corja toda. Ricardo Teixeira tem que ficar preso, sem regalias, por uns 30 anos, esse corrupto ladrão e safado, e o governo brasileiro deixou o cara ” fugir ” pros EUA. Isso é Brasil…. Bom né, pelo tipo de Presidenta que temos ai, não se pode esperar coisa melhor!

  • Eduardo Nunes diz: 6 de março de 2012

    É isso aí Nando, quem tem telhado de vidro não pode atirar pedra. Mas mesmo que não tivesse não poderiam ofender um um país dessa forma, tem muito ainda o que fazer, mas existem outras formas mais civilizadas de pressão. Abraço

  • Rogério Vieira diz: 6 de março de 2012

    Caro colunista;

    Sem querer desrespeitar a tua opinião, acredito que a atitude do Secretário da FIFA, que julgo injustificável, se deve simplesmente à imagem que o Brasil passa ao mundo.

    Uma nação que passa à comunidade mundial a idéia do “jeitinho”, do desleixo, do “oba oba”, do “aqui tudo pode”, da corrupção em todos os níveis, do povo despreocupado que só quer futebol e carnaval e de que suas mulheres são mercadoria ao turismo sexual, não tem muita moral para exigir tratamento respeitoso de quem que seja.

    Como podemos exigir respeito e seriedade de parte dos demais, se não nos respeitamos e tão pouco tratamos nossas coisas com seriedade?

    Um abraço

  • Marcio diz: 6 de março de 2012

    Olá Nando tudo bem?
    Cara leio sempre teu blog, gosto das tuas opiniões, as vezes concordo as vezes não mas é do jogo, enfim te acho um baita cara, desde que tu trabalhavas na band.
    Mas cara achei uma sacanagem o que fizerem com o inter no ultimo bate bola, aquele video foi uma coisa grotesca, sem graça nenhuma, um ultraje contra o inter e sua torcida, brincadeira tem limites, todos os colorados que eu tenho contato se sentiram ofendidos, e o presidente Luigi, pela educação que tem, pelo modo como trata a imprensa, não merecia uma sacanagem deste tamanho, depois a imprensa reclama quando os dirigentes metem o pau em voces. Enfim acho que tu não comcorda com este tipo de coisa, por isso resolvi escrever pelo teu blog, porque tenho certeza que em qualquer outro da casa miha manifestação não seria publicada, valeu Nando, um abraço, de um colorado indignado.

  • LUCIANO – SL diz: 6 de março de 2012

    Sejamos francos: Se a FIFA é tão corrupta assim, está mantendo relações com o país certo, no momento. Afinal, de corrupção o Brasil entende.
    Soa absurdamente hipócrita o mimimi de algumas autoridades brasileiras, jornalistas e políticos quanto ao palavreado do dirigente da FIFA, que foi tão grosseiro quanto oportuno e coerente.
    O Brasil figura entre os países mais corruptos do mundo.
    Aliás, segundo o Wikeleaks (não sei se é assim a escrita, por isso perdoem algum equívoco), a revelação de correspondências eletrônicas mantidas entre autoridades americanas no caso da compra dos caças para a FAB reputam as autoridades brasileiras como extremamente corruptas, sendo que um dos americanos envolvidos “lamenta” não ter autorização do governo americano para “usar dos mesmos meios” de corrupção, pagando as autoridades para conseguir vender seus caças. Dando a entender que se pudesse, VENCERIA a licitação com folgas.
    Olha, Nando, deixemos de ser crianças. Ou melhor, hipócritas infantis.
    Esse país é uma piada. Pronta e acabada.
    Mas não me assusta o fato de ser um país corrupto. Isso, parece-me, já é da índole dessa nação. Assusta-me, sim, é a total incapacidade dos brasileiros reagirem a isso.
    Fazer piada sempre foi a válvula de escape de um povo indolente e incapaz de eleger a honestidade como o maior princípio.
    Lamentável.

  • Mauro diz: 6 de março de 2012

    Ótimo texto Nando. Como de costume, coerente e bem posicionado. Parabéns.

  • Gabriel Borba diz: 6 de março de 2012

    Bom dia Nando

    “Sobre o ídolo de alguns brasileiros, o filósofo Jerôme Valcke”… infelizmente é a realidade, há muitos brasileiros que acharam o máximo a declaração deste senhor.

    Temos que dar os parabéns ao Ministro Aldo Rebelo pela resposta polida e séria, demonstrando a maneira correta de agir em situações desta maneira.

    Um abraço.

  • Demian diz: 6 de março de 2012

    Resumindo, Nando, a Copa está sendo organizada por uma entidade e por um governo envolvidos em suspeitas de corrupção (não nos esqueçamos dos escândalos envolvendo o Ministério dos Esportes e o partido que o comanda!!). Que beleza!!!! Mas teremos o “legado” deixado pela Copa, em alguns poucos lugares do Brasil!!! Abraço.

  • Rogerio diz: 6 de março de 2012

    Como é duro ouvir a verdade,serve até dizer que não podem nos fazer critica somos acima do bem e do mau,essa copa do Mundo interressa a quem ? investir bilhões em futebol, esse que tu acabas de denunciar no teu blog,vale apena é correto? realmente enquanto vivemos num Páis cheio de deficiencias, especialmente na area da saúde,tem que meter o pé no trazeiro desses politicos e de quem apoia essa festa com dinheiro público.

  • George Cristiano diz: 6 de março de 2012

    E a carta do Brasil a FIFA também não teve linguagens desnecessarias? Na verdade juntou a fome com a vontade de comer, FIFA e politicagem brasileira, quem rouba mais? Brigas de ladrão, quem tem razão?
    Ouvi até que o brasil enviou a carta de pedido para o desligamento deste frances para o comite da olimpiada por engano, querendo mandar para a FIFA….uma varzea sem tamanho!!

  • silvio jaime fernandes diz: 6 de março de 2012

    Olá Nando:…Estou longe de ser um “nacionalista radical”, mas é imperdoável o pronunciamento deste sujeito em relação ao Brasil. Não votei na Dilma e muito menos voto no PT, mas sou obrigado a concordar com o Ministro dos Esportes sua solicitação para trocarem este cara.
    É verdade que aui, como na Fifa é um antro de corruptos. Mas cabe a nós brasileiros acabar-mos com isso. Estou me referindo ao Brasil.
    Esta Copa 2014, inventada pelo lulinha paz e amor, vai matar muitos doentes em portas de hospitais,vai matar muita gente inocente em latrocinios ,vai retardar o crescimento da Educação neste País e o novo Código Penal. O dinheiro público investido nesta Copa para dar pão, vinho e diversão ao povo é grana demais, que poderia ser canalizada para o beneficio de nossa gente.
    Futebol e Politica não deveriam se misturar, mas deixaram. A srª Presidente tem a obrigação de lidar com legado de seu antecessor e resolvê-lo. Quem sabe num lampejo de brasilidade os demais politicos não façam o mesmo?….Torço para que sim.

  • Felipe C. diz: 6 de março de 2012

    E um post sobre futebol / tática Nando?
    Agora é só denúncia da CBF, AG, crítica dos que criticam a Dilma, crítica da frase desse e daquele…
    Gostaria de falar sobre tática, sobre futebol, escalações, times.
    Sobre o retorno dos 3 volantes ao futebol mundial, etc.
    Boca Jrs invicto e Grêmio no Gre-Nal com 3 em losango, Santos de Ganso e Neymar contra o Inter.
    Abraço

  • Isento diz: 6 de março de 2012

    Nando, essa copa tá indo de mal a pior. Fora as melhorias de infraestrutura que vão ocorrer (apesar dos superfaturamentos, etc), a imagem do país (que até vem melhorando), com toda essa bagunça, pode sair bastante arranhada. Por aqui, depois de todo o imbróglio envolvendo SCI e AG, penso que a única forma de ainda tentar salvar o tal “espiríto de copa” é realizar um plebiscito, nas eleições de outubro, deixando que o povo gaúcho, democraticamente, escolha em qual dos dois estádios deseja que a Copa de 2014 seja realizada: Beira-Rio ou Arena do Grêmio? É bom frisar que não haveria qualquer interrupção das obras de mobilidade urbana no entorno dos dois estádios, bem como outras relacionadas ao evento, até porque essas obras são boas para todos. Acho que seria a melhor solução; talvez a única capaz de unir o Estado, pois quem perder não poderá reclamar, tendo em vista que terá realizada a vontade da maioria. PLEBISCITO JÁ!

  • valdemir diz: 6 de março de 2012

    E ainda tem uns otários que enchem a boca pra falar: “campeão do mundo fifa”…hahaha…manés!!!

  • Cezar diz: 6 de março de 2012

    Como há piadistas por aqui! O tal de “isento” sugere até plebiscito! É de uma demagogia e de uma falta de noção do tamanho de sua, digamos… isenção!!! Mas a minha torcida é a de que o País acabe por não concretizar a realização da Copa por aqui. Briga daqui e acolá os interesses dos países desenvolvidos, com infraestrutura pronta, começam a rondar e seus efeitos ecoam na FIFA. Pensando assim é claro que jamais haveria eventos desses em países sub e/ou emergentes pois sabidamente governos desses não investem e nunca investirão em infraestrutura (viárias, hotéis, saúde, educação…). Então o imbrólio, palavrinha muito em uso atualmente, está aí. A oposição política no BR adorou a resvalada diplomática desse cidadão e os interesses bastante patriotas de outros abutres também afloram. Com ou sem plebiscito o estádio escolhido para a Copa foi o Beira Rio. Onde se pratica o futebol na capital de todos os gaúchos, de resto são campinhos destinados a treinamento ou, até, para palcos de outras modalidades futuras talvez… MMA?!?! Missa do Pe Rossi ou congressos religiosos?!?! Festival de Axé ou de música sertaneja?!?! Bem, o fato é a de que a OAS não abrirá mão de explorar qualquer evento em SUA arena nos próximas curtos 30 anos! Fui!!!!

  • Marco diz: 6 de março de 2012

    … o Rogério Vieira , que postou sua opinião logo acima , pode não gostar que lhe respeitem , achando que no nosso país , conforme dita , ” é oba oba , país do jeitinho , tudo se pode . e nos preocupamos com carnaval , futebol , e nossas mulheres são todas umas prostitutas , produtos de exportação” – mas eu adoro o RESPEITO ,e me faço respeitar ; oSr , pelo jeito , gosta de ser tripudiado.
    Deveria lembrá-lo que o futebol e o carnaval , são dois dos melhores produtos que temos , inclusive para exporttação ; como não exaltá-lo. Sobre a prostituíção , ela existe em qualquer lugar do mundo.
    O Brasil merece o respeito sim! – não é um Cretino da FIFA , que irá nos desmerecer.
    Talvez o sr não saiba que somos a 6ª economia mundial.
    Temos problemas? 1 milhão de problemas! – mas se não mantivermos a nossa auto-estima estamos danados .Me parece que o Sr. perdeu a sua!

  • Alberto/colorado diz: 6 de março de 2012

    Nós brasileiros merecemos mesmo um belo CHUTE NO TRASEIRO! Quando alguém fala algumas VERDADES todos se mostram indignados mas com os 85 BILHÕES quem nos ROUBAM TODOS OS ANOS EM CORRUPÇÃO? E os SUPERFATURAMENTOS em obras EM NOME da Copa 2014? Onde está a REVOLTA? E o Rebelo do PCdoB? Que MORAL tem para criticar pessoas? CORRUPÇÃO atinge GREMISTAS e COLORADOS! Se liguem, pois é o POVO que vai PAGAR A CONTA no final de tudo…

  • leonardo diz: 6 de março de 2012

    Faço as palavras do comentário transcrito como minhas:

    Rogério Vieira diz: 6 de março de 2012

    Caro colunista;

    Sem querer desrespeitar a tua opinião, acredito que a atitude do Secretário da FIFA, que julgo injustificável, se deve simplesmente à imagem que o Brasil passa ao mundo.

    Uma nação que passa à comunidade mundial a idéia do \”jeitinho\”, do desleixo, do \”oba oba\”, do \”aqui tudo pode\”, da corrupção em todos os níveis, do povo despreocupado que só quer futebol e carnaval e de que suas mulheres são mercadoria ao turismo sexual, não tem muita moral para exigir tratamento respeitoso de quem que seja.

    Como podemos exigir respeito e seriedade de parte dos demais, se não nos respeitamos e tão pouco tratamos nossas coisas com seriedade?

  • Rogério Vieira diz: 6 de março de 2012

    Caro Sr. Marco;

    Repeti meu comentário abaixo e destaquei em CAIXA ALTA algo que acredito o Sr não leu. Peço que o leia novamente:
    —————————————————————————————————-
    “Sem querer desrespeitar a tua opinião, acredito que a atitude do Secretário da FIFA, QUE JULGO INJUSTIFICÁVEL, se deve simplesmente à IMAGEM que o Brasil PASSA AO MUNDO.

    Uma nação que PASSA à comunidade mundial A IDÉIA do \”jeitinho\”, do desleixo, do \”oba oba\”, do \”aqui tudo pode\”, da corrupção em todos os níveis, do povo despreocupado que só quer futebol e carnaval e de que suas mulheres são mercadoria ao turismo sexual, não tem muita moral para exigir tratamento respeitoso de quem que seja.

    Como podemos exigir respeito e seriedade de parte dos demais, se não nos respeitamos e tão pouco tratamos nossas coisas com seriedade?”
    ——————————————————————————————————

    Sr Marco, não gosto de ser tripudiado, aliás não tripudio nem deixo que me tripudiem, gostaria de lembrá-lo que temos produtos de exportação bem mais importantes que o futebol e o carnaval, informe-se a respeito.

    Sobre sermos a 6ª economia mundial, peço que informe-se sobre a nossa colocação no ranking da DISTRIBUIÇÃO DE RENDA, da EDUCAÇÃO e do IDH, o Sr descobrirá que esta 6ª colocação pouco significa…

    Em momento nenhum afirmei que o Brasil “É” ou “NÃO É”, afirmei sim que “PASSA A IMAGEM”. Também não disse que as brasileiras “são todas umas prostitutas “, o Sr foi quem afirmou, eu disse que o Brasil PASSA ESSA IMAGEM AO MUNDO.

    Se NÓS, povo brasileiro, verdadeiramente tivéssemos preocupados com o Brasil, garanto que não deixaríamos esta Copa do Mundo acontecer aqui e os recursos que nela serão gastos, seriam aplicados em setores onde realmente serão úteis e necessários.

    Uma prova de que estamos atrasados no quesito EDUCAÇÃO é o fato de Sr não ter sido capaz de fazer uma leitura correta do meu comentário.

  • Mauro diz: 6 de março de 2012

    O livro do Jennings é que nem o do Amaury Ribeiro: os fatos estão postos. Difícil negá-los. Por isso, muitos preferem desqualificar os autores. Gostaria de ver jornalista brasileiro questionando o sr. Valcke sobre as denúncias que estão no livro do Jennings. Assim como gostaria de ver jornalista brasileiro questionando os privatas denunciados. Mas, os jornalistas também têm patrões. Precisam do emprego. Então, nenhuma das duas coisas deve acontecer.

  • Gilson Alves diz: 6 de março de 2012

    Pelos demais comentários que a este antecederam, noto aquilo que eu já sabia, ou seja, uma admiração irracional pelo que é de outros povos e um complexo de “vira lata” típico do brasileiro. Por isso e por outras auto degradações costumeiras, acho até explicável a coragem que outros povos tem de, de vez em quando, nos darem um chute no trazeiro, tal como se faz com vira-latas. Se constantemente vivemos nos desvalorizando, o que nos sos sobra senão belos chutes no trazeiro? Afinal de contas vira-latas são entre coisas, também passíveis deste tipo de tratamento.

  • maurino diz: 6 de março de 2012

    Gustavo,vai lambe sabão.

  • Jarbas Colorado diz: 6 de março de 2012

    Concordo que a expressão utilizada pelo Jerôme é esdruxula e não cabe numa discussão entre homens tão importantes e esclarecidos.Porem alguém tinha que dizer o que o nobre secretário disse.
    O Brasil está brincando com coisa séria,está esperando chegar o final do prazo pra fazer tudo na correria,as pressas e como sempre sem licitações,privilegiando os seus compadres de sempre.
    Enquanto o inventor dessa copa é atendido no melhor hospital do país,outros brasileiros com o mesmo problema que ele morrem a espera de atendimento.
    O Brasil é um país naturalmente rico,com uma bio diversidade fantástica,mas merecia um povo melhor.
    Um país em que o povo vota em ladrão,só porque torce pro mesmo time que ele,não tem muito futuro.
    Um povo que diz não votar mais num político só porque ele torce pro rival,não merece um país melhor que esse.
    Não adianta culpar os políticos.O principal culpado pelo Brasil ser o que é são os brasileiros,alienados,desinteressados,que só olham para o próprio umbigo.

  • THAIS TRENTINI diz: 6 de março de 2012

    Gostei muito da matéria Nando.
    Não dá bola pra críticas não, é fácil falar…
    Gostei da idéia do plebiscito que o ISENTO falou…
    Quem ganharia esse Grenal?
    Ainda acho que a torcida do Grêmio é mais forte!
    Abraço Nando! Paz e sucesso!

  • marcelo monteiro diz: 6 de março de 2012

    caro jornalista como cidadão gostaria que tu ou outro qualquer fizesse um livro sobre a sujeira, que rola só aqui na nossa terrinha, onde meu time mesmo já ganhou varias vezes no apito dos pobres times do interior, desde 1981 que eu acompanho futebol o Grêmio deve ter ganho uns 5 gauchão no apito , e eles uns 10, sem contar a maior vergonha dos últimos anos o jogo entre eles e PAISANDU, sinceramente não entendi tua surpresa quanto a sujeira e corrupção na FIFA se aqui rola no nariz da imprensa e ninguém fala nada. Porque será né?

  • Neutro diz: 7 de março de 2012

    Concordo com o Isento. A única maneira de ainda \”salvar\” a Copa em POA/RS é realizar um PLEBISCITO. É muito melhor do que deixar a decisão não mão desses políticos que agem muito mais de acordo com suas conveniências e paixões clubísticas do que pensando no maior interesse público. Além do mais, isso não traria qualquer prejuízo para Porto Alegre e para o Estado, pois todas as obras seriam mantidas. Ao contrário, todos sairiam ganhando. Boa ideia. PLEBISCITO JÁ!

  • Ricardo diz: 7 de março de 2012

    Olha, estive lendo e assistindo ao noticiário estarrecido com isso tudo. Se o tal Jerome é corrupto, da Fifa ou do diabo a 4, isso não é o que importa. Repito a pergunta de forma mais “educada”: estamos ou não precisando dar um chute no traseiro desses nossos politicos amarrados, ladroes e que so pensam no interesse individual ao invés de pensar a coisa pública, que é o motivo pelo qual estão na cadeira onde estão? O tal Francês falou alguma coisa que não é verdade? É ou não é uma vergonha estarmos em março de 2012 e NADA em lugar algum ter evoluido no minimo razoavelmente? E não estou falando de estádios, estou falando de todo o resto: os aeroportos estão caóticos, transito cada vez maior sem alternativas viárias, onde estão os Hotéis pra absorver o tanto de gente? Enfim, está uma VERGONHA!
    Se a Fifa é corrupta ou não, não vem ao caso, mas que o Francês está certissimo, a isso ele está! Pior é ver os políticos esbravejando dizendo que isso é molecagem, que relações internacionais não podem ser levadas assim… pois que tratem de fazer a coisa certa que certamente nenhum francesinho arrogante viria aqui dizer que eles merecem levar um chute no traseiro. Tão simples quanto isso!

  • luiz diz: 7 de março de 2012

    Prezado colorado jornalista Nando Gross (tomando imparcial)
    Digo com autoridade de leitor que o Sr. NÃO está autorizado moralmente para comentar estes assuntos referentes à FIFA e seu secretário. Sua posição em relação ao que está aconmtecendo no RS, precisamente quanto às negociatas escusas que envolvem o remendo do Beira-Rio, já o desautorizaram a prestar qualuqer opinião de cunho moral sobre qualquer assunto. Apoiar a posição presidencial, do governador e de políticos escusos em relação à negociação do Inter com a AG, foi de um mau caratismo de 3º mundo. Contratos com parceiros ilegalmente instituidos e tráfico explicito de influência nestes casos e ler de você o apoio a estas coisas, foi trágico para nós leitores. Mais uma vez está provado que os “moralistas” só asim o são, quando se trata de assuntos dos outros. Quando les interessa, ou se claam ou tentar explicar o inexplicável. Tcahu, te larguei Nando Gross.

  • Adriano Cardoso diz: 7 de março de 2012

    Nando, acho que o Dorival entra dessa maneira pra sentir o Santos. Se ele notar que pode “espetar” mais o peixe no campo de ataque vai colocar força maxima no intervalo. Acredito que a grande preocupação é não tomar um ou dois gols antes dos 45 minutos, o que seria um desastre.
    Abraço!

  • Luiz diz: 11 de março de 2012

    Se um brasileiro tivesse dito isso a reação seria “alguém tinha mesmo que pôr o dedo na ferida”, “finalmente alguém falou a realidade” etc. Como é da FIFA, pau nele.

    Até a grama do Beira-Rio sabe que as obras estão um atraso geral, que há uma pasmaceira generalizada, a prefeitura não tem nenhuma obra em andamento, o estádio parece que foi bombardeado, o aeroporto (?) necas. Nas outras cidades, idem. Empresas investem bilhões mundo afora na Copa, o Estado brasileiro anda em marcha lenta parecendo que não está nem aí com a coisa, aí quando um cara importrante da instituição que põe o nome na Copa (FIFA World Cup) resove abrir o jogo a patriotada entra em cena. Aí temos que aguentar a nulidade do Aldo Rebelo!!!

Envie seu Comentário