Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

As diferenças no adesivo do carro do rico e do pobre

22 de junho de 2011 53
The following two tabs change content below.

Clique na imagem para ampliar

Enviado por Thiago Guedes

>>Confira as histórias mais malucas no blog Mundoidão<<

Comentários facilitados: para quem ainda não percebeu, o blog não está mais exigindo cadastro para comentar. Deixe sua opinião!

Twitter: recebe as atualizações dos blogs. Sigam-nos os bons!
@crespani
@naocliqueaqui

Faça o seu comentário!

Comentários (53)

  • Almiro diz: 22 de junho de 2011

    Que coisa mais ridicula isso, só porque a pessoa é pobre quer falar que são tudo desse tipo?
    Tem filha p… tem pai bebado, tem filho drogado…
    Era melhor nem ter colocado essa coisa.

    Que coisa de mal gosto…

  • Rafael diz: 22 de junho de 2011

    Achei de muito mau gosto.

  • Édson diz: 22 de junho de 2011

    Não sei porque a discriminação com o chevette. No carro do rico não foi citado nenhum modelo de carro.

  • luiz carlos costa de moura diz: 22 de junho de 2011

    Nem todo pobre bebe e dirige. Família grande também é família feliz. Rico também bebe e dirige, não são todos.Família pequena também é feliz. Podem ser felizes as grandes e as pequenas famílias. Não gostei, achei preconceituoso.

  • Paulo nego bom diz: 22 de junho de 2011

    No meu tbm tem que ter umas três amantes e dois filhos com duas delas….podia ter uns bem esquisitos representando os amigos ….

  • daniel diz: 22 de junho de 2011

    você nao tem vergonha de publicar isso ai?
    alguma vez na vida ja teve contato com algum desses “pobres” da charge?
    mas é claro que não! o sistema ja te enfiou na cabeça que o pobre é assim mesmo,
    cheio de problemas, burro, e sem esperança no futuro, ai se conclui que ser pobre é ruim,
    e que explorar o pobre vai fazer pouca ou nenhuma diferença na sua vida ja que ele vive com problemas. o negócio é ser rico!

    Resposta: Oh, Daniel, tu por acaso já tiveste contato? Pois saiba que eu sim, venho de família pobre com pai alcoólatra, ok? E nem por isso deixo de preferir rir e fazer graça da vida, porque isso é OBVIAMENTE apenas uma brincadeira.

  • Camila diz: 22 de junho de 2011

    Que piada de mau gosto ZH! Cheia de esteriótipos. O pai alcoolatra e o filho adolescente fumante só acontece em família pobre?
    Esperava um pouco mais de bom senso do principal jornal do gaúchos.

  • Fernanda diz: 22 de junho de 2011

    Muito bom !

  • gil diz: 22 de junho de 2011

    que coisa mais preconceituosa e sem graça. Me admira este site permitir esse tipo de compração. Francamente!

  • Rene diz: 22 de junho de 2011

    Que lixo!

  • Roberto Moraes diz: 22 de junho de 2011

    Preconceituoso é pouco, mas vindo de onde vem não é de se admirar .. e se é pra fazer piada, faltou os olhos estalados de cheirador de cocaína do pai de família rica, não ?, e que tal o cachimbo de crack na mão do filho do mesmo ?
    Cada uma ..

  • Rodrigo diz: 22 de junho de 2011

    Para todos os que criticam: Já ouviram falar em humor?

  • Diogo Bueno diz: 22 de junho de 2011

    Como tem gente chata, já perceberam?
    Faz assim: troca o chevette pelo fuca, a filha p. por um filho gay, o marido bebado por drogado, o filho fumante (cigarro) por um cachimbo de crack, o irmão separado por uma vizinha fofoqueira. E os animais pode matar tudo.
    E na familia rica tu coloca esses hipócritas de plantão.

  • Jeh diz: 22 de junho de 2011

    Nossa, tá faltando senso de humor, piada é piada e pronto sem tem que ter ética ou ser correta, se fosse assim não sobraria nenhuma

  • Alberth diz: 22 de junho de 2011

    Heheheheh, esse debate está uma maravilha. como eu sou classe média, não tou nem aí. Quer dizer, não sou rico nem pobre, mas uma coisa é certa. As gozações com os pobres são bem assim mesmo, não se preocupem em fazer grandes explanações e teorias a respeito. Achei excelente essa brincadeira, não tem nada de mau gosto. Mau gosto é coisa muito pior do que isso. Relaxem, pois o ser humano brinca com a propria desgraça. E a vida segue.

  • tassi diz: 22 de junho de 2011

    eu gostei…é engraçado…que tal pararmos de nos fazer de vitima, se você é pobre caro amigo saiba que vcs não são os unicos, e que dar rizada disso não é preconceito…ok?

  • 0o diz: 22 de junho de 2011

    Povo ta certo que o conteúdo não foi favorável, mas piada é piada, sabemos dos problemas de todos que indifere da classe. Mas leva a coisa mais na boa. O culpado disso não é o cara da charge e sim o nosso governo que propicia isto hoje.

  • Fernando Guedes diz: 22 de junho de 2011

    Gente!! Tudo tree-legal. Naum vamus levar o humor tão a sério.
    Piada é piada. Senaum naum teim graça. Falou.

  • marcos m diz: 22 de junho de 2011

    uhauhauahauhauaha ótima piada porque é EXATAMENTE assim! nesse meio tempo é certo que a filha já tá gravida de novo…junto com a mãe hauahuahauhauha

  • T.A. Smith diz: 22 de junho de 2011

    Muito legal essa, heim!
    Tem gente que reclama até de si mesmo. Se nsoubessem ler adequadamente, notariam que se trata de um Blog de Humor…

  • leila diz: 22 de junho de 2011

    Resposta: Oh, Daniel, tu por acaso já tiveste contato? Pois saiba que eu sim, venho de família pobre com pai alcoólatra, ok? E nem por isso deixo de preferir rir e fazer graça da vida, porque isso é OBVIAMENTE apenas uma brincadeira.

    Adorei essa resposta, se essas coisas não existissem tudo e todos seriamos certinhos, mas acontece e dai…vamos ficar de mau com a vida por isso, não vai ser a primeira e nem a última vez que é feito piada como esta, preconcetuoso é aquele que não admite esse tipo de coisa..rsrsrs adorei o adesivo, se encotrasse adesivos bem legais como este colocaria no meu carro, e o meu marido nem é alcootra não bebe nada pelo contrario eu é que bebo e os meus filhos não são drogados, e não me considero pobre e nem rica tenho tudo que nescessito para viver bem……….

  • Carol diz: 22 de junho de 2011

    HAHAHAHAH
    ADOREI!!!!! ESSES ADESIVOS SÓ SERVE PRA MOSTRAR PRO BANDDO QUANTOS REFÉNS ELE VAI TER QUANDO ROUBAR O CARRO! SOU CONTRA ESSES ADESIVOS EM CARRO, MAS ESTE AÍ TA MUITO SHOWWWWWWW!!!!!

  • JULIO diz: 22 de junho de 2011

    PQ VC’S AI DA RBS NÃO COLOCAM PIADINHAS SOBRE ISRAEL????

    HAHAHAHAH BEM NA FERIDINHA NÉ…

  • Rodrigo diz: 22 de junho de 2011

    ahuaHUAuh boa, levem na esportiva, ta cheio desse tipo de comparação na net.

  • antonio diz: 22 de junho de 2011

    Tá escrito: Não clique aqui
    Os idiotas clicam e depois ficam reclamando.

  • Gaúcho da Fronteira diz: 22 de junho de 2011

    Tenho um chevette 1990, sou casado, não bebo , tenho dois filhos e estão estudando e quero vê-los formados na faculdade, pois não tive a oportunidade de estudar, pois sempre tive que trabalhar para sobreviver, comer e vestir; não tenho cachorro, pois moro em apto; meu chevete é QUITADO e não tenho carnê para pagar, pois tenho uma poupança onde economizo para trocar futuramente meu carro e dar estudo aos meus filhos e plano de sáude para a família; viajo por todo o Rio Grande do Sul com este carro, nunca tomei multa de trânsito e percebo uma enorme falta de compreensaõ, gratidão e respeito no trãnsito; e a falta de educação que aprendi na vida não está somente nos moldes e tipos de veículos e sim na cabecinha da pecinha que senta atrás do volante. A estampa de um adesivo no pára-choque de um veículo qualquer, não determina o verdadeiro currículo de um motorista. Atrás da porta o que vc faz…???

  • Olivia diz: 22 de junho de 2011

    Estava escrito: não clique aqui!
    Era só não ter clicado, seus mal-humorados…
    Tbm não me ofendi, pois sou classe média (ou seja, tem de tudo na família… hehehe)!

  • Nadja diz: 22 de junho de 2011

    Gente, isso é só uma brincadeira, quem se ofendeu tem algo a ver com este desenho!!!
    A vida é tão complicada que se preocupar com uma piada se torna até ridículo!

  • Renato diz: 22 de junho de 2011

    Faltou o adesivo do inter!!

  • Giovanni diz: 22 de junho de 2011

    Nunca sai nada que preste deste André Crespani… e ainda é pago pra ficar publicando essas coisas de mau gosto!

    Resposta: Ainda bem que tua opinião é minoria. Aliás, se não sai, não sei porque te presta a entrar no blog só para criticar. E, pensando bem, sei menos ainda porque eu me dou o trabalho de responder : P

  • joao carlos souza diz: 22 de junho de 2011

    bom dia

    é patetica esta materia.

    apesar de todas a dificuldades. do pobre este consegue ser feliz de verdade ao contrario do rico. da infelicidade e da imoralidade, sao procurados pelo que possam ter, e nao pelo ser humano que é.

    rico deve colocar as drogas que usa e trafica no vidro do carro. ai serao todos bem identificados.

    att

    joao

    Resposta: João, acho que tem gente feliz e infeliz tanto entre pobres quanto entre ricos. Não dá para generalizar, em nenhum extremo.

  • Welldone Canoas diz: 22 de junho de 2011

    MUITO BOM…. E PAREM OS MORALISTAS DE ENXERGAR CHIFRE EM CABEÇA DE CAVALO !! NÃO TEM SENSO DE HUMOR PRA RIR , ENTÃO NÃO LEIA !!! VÁ PRA CRÔNICA POLICIAL OU POLÍTICA SE ACHA DIVERTIDO !!!

  • Welldone Canoas diz: 22 de junho de 2011

    é mesmo…faltou o motora doidão da garrafa com a a camisa do inter !!!

  • Renato diz: 22 de junho de 2011

    O PIOR POBRE NÃO E AQUELE QUE NADA TEM PRA DIRIGIR,COMER,VESTIR,FUMAR,BEBER,E SIM O POBRE DE ESPIRITO,QUE ACHA QUE A FELICIDADE DELE DEPENDE SEMPRE DOS OUTROS,QUE QUALQUER COISA QUE SE FALA OU ESCREVE E PRA PREJUDICA-LO,ESSE POBRE,NÃO TEM CHANCE DE UM DIA CONSEGUIR ALGUMA COISA NA VIDA.

  • Renato diz: 22 de junho de 2011

    HAHAHAHAHAHA,TEM MAIS UM TIPO DE POBRE POR AQUI,AQUELE QUE COLOCA UM ASSUNTO DESSES PRA DISCUSSAO E FICA MODERANDO COMENTARIOS.

    Resposta: Isso é a mais pura verdade!

  • Chicão diz: 22 de junho de 2011

    O Crespani não precisa que ninguém o defenda, ele é maior de idade, portanto, não serei eu a fazê-lo.
    Mas eu quero falar bem do Blog, um espaço democrático, aberto, sem as exigências de cadastro, então, um lugar apropriado para que as pessoas opinem sobre os assuntos em pauta.
    Vejo como de mau gosto as críticas ao blogueiro, ele não as merece, pois coloca os temas mais diversos à discussão, justamente para que as pessoas expressem seus pensamentos, suas idéias, enfim, que exteriorizem até mesmos seus preconceitos, pois todos nós temos uma certa aversão por comportamentos que não se coadunam com os nossos, com as nossas tradições, cultura, educação e formação.
    Mas isso não significa e nem autoriza que sejamos agressivos, mal educados, ríspidos, justamente com a pessoa que está nos dando uma oportunidade para que comentemos a respeito de situações que vemos diariamente nas ruas.
    O Giovanni e o Júlio extrapolaram, lamento.
    Mais piada de judeu, só as de papagaio e do joãozinho; quanto ao que ganha o André, é problema dele e não interessa a ninguém!
    Eu não entendo esta fuga do assunto proposto.
    Se gostamos ou não dos adesivos e seus significados comentemos sobre isso, mas não vamos ofender quem quer que seja, ainda mais o cara que possibilita que excelentes comentários sejam postados e os péssimos também, menos os de caráter pessoal, esses são de extremo mau gosto, repito, além de desnecessários.

  • Maurício diz: 22 de junho de 2011

    Achei muito bom, dei várias risadas, é assim mesmo……

  • Chicão diz: 22 de junho de 2011

    Aceito o adesivo do Inter no Chevette, sem problemas.
    Mas nos carrões, eu quero o adesivo da torcida Coligay, do Grêmio, e nos seus momentos de grande manifestação, na avalanche!

  • Ederson diz: 22 de junho de 2011

    concordo com o cara do comentário acima, sobre o chevete, tem gente que tem carrão, mulherão, e não tem um pingo de humildade, sem contar que 90% dos carros que circulam não estão quitados, e tem gente que tem chevete, que é pai de familia, dá estudos e educação para seus filhos, enquanto quem tem gente de carrão que passa a mão na cabeça de seus filhos, e ainda tem mais poder aquisitivo, são os mais drogados e cometem mais crimes de que um pobre que ganha sua vida humildemente..

    Oque se espera de um colunista da RBS? deveria expor um pouco mais de cultura ao invés de fazer comparações com pobres e ricos.

    Resposta: Concordo com a parte do Chevette. Sobre a expectativa, não, Ederson, aqui nesse espaço eu não deveria expor um pouco mais de cultura, porque aqui é um blog de humor, não de cultura (embora o humor também faça parte desta).

  • Jeh diz: 22 de junho de 2011

    kkkkkk
    Qual a parte do “este é um blog de HUMOR” que tem gnt que ainda não entendeu?

    Eu não gosto de funck, logo não frequênto bailes funck.
    Não gosto de sensacionalismo. então não olho determinados jornais.
    Detesto tragédia, sendo assim pulo a coluna policial.

    Humor não respeita credo, cor, religião, sexualidade ou seja lá o que for, não tm humor correto, ele serve para rir das desgraças mesmo, falar besteira e o que mais der na telha.

    #FICADICA: se não gosta, não procura.

  • Conservador diz: 22 de junho de 2011

    Eu não gosto desta implicância com o André porque ele trabalha na RBS.
    Isto está me cheirando mais a inveja do que se criticar os assuntos colocados à disposição.
    Por que esta agressão ao blogueiro com sabor de recalque?
    Eu não tenho nada contra esta organização jornalística, muito menos teria com seus trabalhadores, razão pela qual me causa espécie esta forma de dedo em riste, acusando-o injustamente de uma série de situações, Ederson.
    Existem outros espaços muito bem conceituados que abordam a cultura, os intelectuais e assuntos como a filosofia, sociologia, política, religião e economia.
    Ora, sendo este espaço destinado ao humor, destilar a própria bile é desnecessário, quanto mais julgar o Crespani pelas diferenças sociais existentes.
    Precisamos ter um certo cuidado com as generalizações, isso não é bom.
    Também temos de refletir a respeito do gosto (mau) que temos de rotular as pessoas, ora sendo honestas porque pobres ora sendo desonestas porque ricas, errado!
    Existem honestos ricos e pobres e desonestos e safados pobres e ricos.
    Não será um mero veículo que apontará as qualidades de uma pessoa ou seus defeitos, mas o comportamento, e ele pode ser facilmente dissimulado.
    Assim como trabalhar na RBS, que é uma empresa de renome, mas que não significa que ele seja melhor ou pior que uma mais modesta ou maior do que ela.
    Uma organização que deve tratar bem seus funcionários, haja vista o tempo de casa que eles têm, o que é bom para seus funcionários.
    E, nós, o que temos com isso?
    Tomara que o André se dê muito bem na vida, mérito dele, e pronto!
    Portanto, temos é que cuidar da nossa vida, do que gostamos ou não, do que aceitamos ou detestamos, do que serve e do que é dispensável.
    Exatamente como esses comentários desnecessários contra o André e a empresa que ele trabalha, pois nada disso tem a ver com os adesivos nos automóveis.

  • KeLLy diz: 22 de junho de 2011

    Eu gostei desse também…o pessoal anda levando tudo a ponto de faca né!?
    Ai gente, um pouco de humor não faz mal a ninguém!

    =D

  • daniel diz: 22 de junho de 2011

    ora André, é claro que é uma brincadeira, mas nem por isso ela deixa de ser estúpida.

  • voce voce voce quer diz: 22 de junho de 2011

    Ué vocês não dão risada de piadas de loiras,portugueses e loucos?Pimenta nos olhos dos outros é refresco,né?

  • Amy diz: 22 de junho de 2011

    Eu morri rindo dessa piada antes mesmo de vê-la aqui porque já vi faz uns 15 dias em outro lugar que nem lembro onde! É fato: o pobre adoooora fazer filho! Eles se enchem de filhos muito mais do que podem sustentar e educar. Quantos filhos em média tem um casal rico e quantos tem um casal pobre? Deixem de ser hipócritas! Essa mulherada pobre e sem cultura tem um filho de cada “macho” mesmo. Aliás…elas não ficam sozinhas nunca!

  • Amy diz: 22 de junho de 2011

    Em tempo: o “filho da Djanira, vizinha da frente” tá genial! Não posso lembrar desse bonequinho sem rir…

  • joa antonio diz: 23 de junho de 2011

    muito boa piada, bem criativa, não sei porque ficaram irritadinhos os coitados ai…

  • Luiz H. S. Valente diz: 23 de junho de 2011

    Minha nossa! Quanta ignorância! Tão querendo o quê? A matéria foi boa! Se houver um exagero ou generalização, não existe a piada! A graça está no esteriótipo, que todo mundo conhece! Imaginem se todos os protagonistas reclamarem das piadas, acaba o humor! Portugueses, homossexuais, judeus, negros, turcos, gaúchos e até papagaios iriam reivindicar o direito de não serem temas de piadas! Estes que se incomodaram devem ter se identificado com os tipos retratados! Vão se catar! Uma piada não vai mudar a condição de vocês!

  • Thiago Guedes diz: 27 de junho de 2011

    Não sou rico mesmo assim achei engraçado, só não gosta do humor quem se identifica com ele.

  • euzinha diz: 15 de julho de 2011

    aaaaaameeeeeeeeeeeeeeeeeiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  • lucimar diz: 18 de julho de 2011

    acho toda essa discussao e troca de ofensas ridicula. Não podemos levar isso tão a serio.

  • Alissandra diz: 19 de agosto de 2011

    Gente! Isso é só uma brincadeira. Parece que tem até complexo de perseguição. Achei a brincadeira muito boa sim. É só para descontrair. E nos fazer rir nesse mundo de tanta desgraça. Arff, por tudo se faz uma confusão. DEIXEM DE SER BESTAS! A vida é bela porque ficar estressado por uma bobagem dessa. Sorriam e a vida lhe sorrirá de volta.

    Sejam felizes.

  • Márcia Lemos Santos diz: 14 de fevereiro de 2012

    Esta imagem é a mais pura realidade! Pior ainda é deixarem este povo sair dirigindo nas ruas e estradas!

Envie seu Comentário