Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Noticiamos com pesar o falecimento do empresário Alexandre Ticiano, o Alex de Verdades Secretas

26 de setembro de 2015 0
Isabella Pinheiro, GShow

Isabella Pinheiro, GShow

Vai deixar saudades… Até passar no Viva

 

* Por Cris Cordioli
A notícia da morte trágica do empresário Alexandre Ticiano, nesta sexta-feira, chocou o país. Empreendedor aclamado do ramo da moda, Alex, como era conhecido, fazia pedra virar ouro – ou melhor, joias, que comprava e comprava e comprava. Era proprietário de uma das maiores “poupanças” do país, patrimônio que quando divulgado pela imprensa, vez aumentar inúmeras ações Brasil afora. Um acidente em alto mar, enquanto levava a jovem enteada – que também perdeu a mãe há poucos meses – para dar uma volta e conhecer a costa brasileira em sua lancha teria sido o motivo da morte:

- Ele caiu, bateu a cabeça, foi tudo tão rápido, eu queria ajudá-lo, mas não deu tempo, ele afundou como uma pedra – disse Angel à polícia logo após ser resgata.

Recatado, era visto por muitos como uma pessoa séria e arrogante, mas quem conhecia Ticiano na intimidade chorou a perda e lamentou o desfecho trágico. Em seu currículo, Alex tinha o histórico de salvar mocinhas quando nem São Jorge conseguia o feito e de impressionar com mágicas dignas de um astro. Mas tudo muito velado, verdades secretas, já que a vida tinha colocado em seu caminho os negócios de suas empresas. Colecionava conquistas, todas registradas em books rosas – sua cor preferida -, mas foi com a última mulher, Carolina, que teria vivido os momentos mais intensos:

- Ele amava Carolina que, infelizmente, não está mais entre nós. Cuidava como uma rainha. Ela e a filha, Angel, que inclusive é modelo em minha agência, a Fanny Models. Alex, nossa, vai fazer muita falta. Era um homem adorável, que cuidava dos filhos, zelava pelos bons costumes, educado, gentil, lindo, nossa, como era lindo. E foi a perda da mulher amada, no meu ver, que tirou o equilíbrio do meu amigo, fazendo com que ele caísse no mar. Uma notícia “destruidora” – falou Fanny, uma das amigas mais próximas do empresário, ao blog Na Ponta da Língua.

Como o corpo não foi encontrado, uma missa foi realizada em memória. Os filhos não estavam presentes, a enteada também não, mas uma figura sentada na primeira fila chamou atenção: o autor de novelas Walcyr Carrasco. Com semblante visivelmente abalado, saiu despistando jornalistas e curiosos que estavam no local, sem comentar sua ligação com o empresário morto.

Em tempo 1: essa é uma homenagem de ficção, qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência
Em tempo 2: em função da morte do empresário, não teremos os resumos dos capítulos das novelas no blog neste sábado

 

Envie seu Comentário