Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Banco suíço proíbe saias justas e lingeries coloridas em funcionárias

17 de dezembro de 2010 0

Unhas coloridas, joias, tatuagens e roupas ajustadas acabam de ser banidas do código de vestuário das funcionárias do banco suíço UBS. O manual de estilo tem 43 páginas e estabelece, por exemplo, que a mulherada não pode vestir saias ajustadas na parte de trás.

Lingeries também aparecem no documento e precisam ser da cor da pele (quer algo mais sem graça do que calcinha e sutiã bege?) para não serem notadas. Sapatos não podem ser apertados, cabelos pintados com raízes crescidas são proibidos, bem como botões abertos de terninhos enquanto a funcionária estiver de pé.

Ficar sem casaquinho só em dias muito quentes e com a autorização da chefia, pode?

Homens não ficaram de fora: as gravatas precisam combinar com a “estrutura óssea” do rosto, blazers devem ser retos e com dois botões e as calças precisam compor um terno clássico. É proibido, ainda, deixar a barba por fazer e é recomendado ir ao cabeleireiro pelo menos uma vez por mês.

As medidas são usadas, segundo comunicado oficial do banco, para resgatar a credibilidade da instituição financeira, abalada pela crise de 2008.

Bom senso é fundamental na hora de escolher a roupa para trabalhar, mas precisar pedir a autorização para tirar o casaco? Aí já é demais!

Envie seu Comentário