Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Campanha luta contra assédio sexual em lugares públicos

09 de setembro de 2013 0

ReproduçãoPouco tempo atrás, escrevi uma reportagem sobre a arte da cantada. Era uma tentativa de entender por que os homens tentam esse tipo de approach e se/quando/como funcionam. Descobri que não existe uma regra, e que fazer a mulher rir e se sentir única, pode ser uma solução. 

Mas existem homens que passam dos limites. Assim, achei válida a campanha da jornalista Juliana de Faria (com ilustrações da designer Gabriela Shigihara, na campanha Chega de Fiu-Fiu, que prevê o fim da violência contra as mulheres e chama a atenção para um problema coletivo — e não individual.

Na página, há uma seção com depoimentos de homens e mulheres que sofreram ou presenciaram assédio sexual na rua. Ela destaca que não quer acabar com as cantadas ou com o romance, mas evitar constrangimentos e até estupros. A campanha, por hora, só acontece virtualmente, mas está mais do que apoiada.

Envie seu Comentário