Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Padres russos lançam calendário-delícia com fotos eróticas

05 de dezembro de 2014 1

Orthodox-Calendar, divulgação

Padres ortodoxos russos resolveram tirar a roupa e posar para uma sessão de fotos erótica para promover os direitos dos homossexuais. A polêmica é certa, já que as fotografias também foram tiradas em igrejas de Moscou.

Vale lembrar que a Rússia tem uma lei que proíbe divulgação de qualquer conteúdo homossexual na presença de menores.

As fotos estão interessantes (cheias de padres gostosões), e dá para adquirir a folhinha aqui. No site, a entidade diz que “essas imagens certamente vão levar esperança, alegria e conforto a vocês”.

Tá bom?

Orthodox-Calendar, reprodução

Todo mundo é gay

01 de dezembro de 2014 0

YouTube, reprodução

Essa é a ideia do comercial criado para divulgar o Festival Mix Brasil desse ano (realizado entre 13 e 23 de novembro, em SP), mostrando a que ponto chegou o preconceito com a questão de gênero na sociedade.

Somos todos gays ganhou destaque no Best Ads on TV, site que compila comerciais que tenham se diferenciado ao redor do mundo.

O retrato sobre a nossa percepção, muitas vezes ridícula, é bem interessante.

Monja Coen dissemina a cultura de paz

29 de novembro de 2014 0

Felipe Nyland, divulgação

Monja Coen, 67 anos, é possivelmente a budista mais pop do país. Mas ela rejeita o rótulo: simplifica dizendo que é a monja que tem mais tempo de estudo e, por isso, pode dirigir mosteiros e treinar monges e leigos. E aproveita todos os meios disponíveis para difundir a filosofia de vida que adotou há 31 anos.

Hoje se ocupa, essencialmente, da promoção da cultura de paz. Atua, também, de forma segmentada, aplicando preceitos do budismo ao mundo dos negócios, por exemplo.

Ela esteve em Caxias pela primeira vez na quinta-feira, à convite da Inovação T & D, para falar sobre como ampliar o significado dos resultados no trabalho.

Para isso, defende que as pessoas precisam ter metas e limites – o desafio é reconhecer a linha tênue que separa os interesses de cada indivíduo, e instrui os ouvintes a se auto-observarem em profundidade.

– O importante é pensar ‘como falo?’, ‘como toco nos objetos?’. Não podemos ser passivos, precisamos responder ao mundo fazendo escolhas – diz.

A delicadeza é, portanto, um treino, assim como o aprendizado para lidar com dores e frustrações.

– Cria-se uma ideia de felicidade que não é real, de que a felicidade está na casa, na roupa, no emprego, mas é mais íntimo. Aí a pessoa conquista isso tudo e percebe que, sim, são coisas boas, mas não são suficientes – explica.

A mudança proposta pela monja diz respeito a uma interação entre “você e você”. A saúde pressupõe realização de atividade física, alimentação saudável e cuidado com a mente.

– Às vezes, é preciso enterrar algum sonho e pensar: como vou seguir adiante? – explica.

Uma das possibilidades apontadas está no de “olhar mais apreciativo da realidade”:

– Temos o vício da crítica, só olhamos o que não está bom.

O segredo, segundo a monja, é perceber que não se pode mudar os outros:

– Para evitar o amargor, seja doce.

As desculpas mais comuns das brasileiras para recusar sexo com o marido

21 de novembro de 2014 0

Stockxchng, divulgação

Pode-se dar um desconto, porque o levantamento é do site Victoria Milan, especialista em promover encontros extraconjugais. Ele parte da premissa de que, sobretudo, homens descontentes com o sexo caseiro, decidem pular a cerca.

As cinco frases listadas abaixo são as que esses ‘entrevistado’s garantem ouvir com frequência das mulheres — 71,4% estão cansados de ouvir desculpas da parceira para evitar sexo.

Confere?

:: As crianças podem nos ouvir

:: Estou muito estressada, tive um dia difícil

:: Preciso levantar cedo amanhã

:: Estou com dor de cabeça

:: Estou com menstruada

Ler é tão prazeroso quanto fazer sexo. É sério?

19 de novembro de 2014 0

Mollye Chudacoff, reprodução

Acho que não há muito cabimento em comparar algumas situações, mas como se trata de uma pesquisa publicada na revista Current Biology trago a discussão para esse espaço.

Os cientistas alemães e espanhóis constataram que o prazer de descobrir novidades a cada virada de página de um livro pode ser comparado à uma noitada de sexo. Isso porque, ao aprender uma nova palavra, o cérebro desperta as mesmas áreas de prazer de um encontro.

Faz sentido? Acho que perdi alguma coisa…  ;-)

Christian Grey numa versão esportista

18 de novembro de 2014 0

The Observer, reproduçãoEis Jamie Dornan, o escolhido para dar vida à versão cinematográfica de Christian Grey, está provocando a maior curiosidade sobre o desempenho que terá nas telonas. No segundo trailer divulgado, ele até aparece um pouco mais quente, mostrando um pouquinho do universo sadomasoquista.

Enquanto o filme não estreia – a previsão é para fevereiro de 2015 -, aproveito pra mostrar umas fotos de um ensaio que ele fez para a revista The Observer.

>> O que Christian Grey pode ensinar aos homens?

Nessa versão esportista, ele parece bem sexy, não?

The Observer, reprodução

Mulheres com muitos amigos fazem mais sexo com o parceiro

14 de novembro de 2014 0

Warner, divulgação

Vejam que pesquisa interessante (e curiosa): estudiosos da Universidade de Oakland descobriram que mulheres com muitos amigos, colegas de trabalho e familiares homens tendem a fazer mais sexo com o namorado/marido do que aquelas com amizades predominantemente femininas.

A explicação estaria na “competição do esperma”, competitividade biológica que seria transportada à vida real e estimularia o parceiro da mulher cheia de amigos a querer fazer mais sexo com ela.

Isso ocorre, também, segundo os pesquisadores, quando um homem assiste a um pornô com dois homens fazendo sexo com uma mulher. Excitado, ele produz mais esperma do que se visse duas atrizes transando com um ator. Tudo graças à concorrência.

Essa mesma teoria se aplicaria ao dia a dia. E isso nem tem a ver com uma pseudo-impressão de infidelidade do seu parceiro: eles só desejam (inconscientemente) fazer sexo com ela para entrar na competição. Nada mau.

Fotógrafa mostra como as pessoas têm preconceito com mulheres acima do peso

12 de novembro de 2014 3

Haley Morris-Cafiero, reprodução

Passeando pela Times Square, em Nova York, quatro anos atrás, a fotógrafa norte-americana Haley Morris-Cafiero percebeu que, apesar de todos os atrativos ao seu redor, chamava atenção das pessoas que passavam por ela, por causa do peso.

Em 2013, teve a ideia, então, de criar uma série de fotografias para discutir o padrão de beleza e mostrar como a gordura alheia provoca estranhamento. As publicações bombaram, e ela ganhou reconhecimento internacional.

Agora, prepara-se para lançar um livro, chamado The Watchers, mostrando imagens dela em atividades cotidianas, como um passeio, uma ida à praia ou uma sessão de compras, acompanhadas dos comentários negativos que recebeu.

— Meu papel é mostrar como recebo olhares críticos quanto tento ‘melhorar’ a mim mesma para estar dentro dos padrões da sociedade — declarou ao site do The Huffington Post.

Dá para ter uma noção apenas olhando para o rosto dos observadores…

Haley Morris-Cafiero, reprodução

Maquiador gaúcho faz sucesso com noivas do Rio de Janeiro

09 de novembro de 2014 0

Georgeana Godinho, divulgaçãoConhecido como “ divo das divas”, o maquiador gaúcho Eduardo Jônata, 34 anos, é um dos favoritos das noivas do Rio de Janeiro, onde vive há 14 anos.

Para se ter uma ideia, ele já está agendando clientes para 2016.

– As mulheres costumam marcar comigo assim que ficam noivas, um ano e meio, dois antes – conta, por telefone.

Nascido em Jaquirana, viveu em Caxias até o início da adolescência, quando se mudou para Maceió e, posteriormente, ao Rio.
Cursou Artes Cênicas e Moda, mas conquistou reconhecimento profissional ao virar assistente de Marcelo Hicho.

Hoje em carreira solo, tem quatro equipes e atende apenas uma cliente, a quem chama de “ diva”, por dia.

Jônata lançou o Minimanual da Noiva Diva, em que reúne dicas para o dia do sim. Segundo ele, é imprescindível que as noivas usem olhos mais marcados, para que apareçam mais – sem atenção quase exclusiva ao vestido.

Outra observação fundamental: elas devem se reconhecer maquiadas, ou seja, não devem usar batom vermelho no casório se nunca o usaram antes.

No verão, ao se escolher a tonalidade da base, o maquiador sugere que se opte por uma cor próxima à do colo, para evitar o contraste, especialmente se a pessoa estiver bronzeada.

George Clooney e Jean Dujardin juntos (e tomando café! Hum...)

05 de novembro de 2014 0

Nespresso, divulgação

O romântico Lago de Como, na Itália, serviu de cenário para o novo comercial da Nespresso. Nele, o embaixador da marca, George Clooney (que tem uma casa por lá), recebe o charmoso ator francês Jean Dujardin numa espécie de disputa pela cápsula da bebida. A campanha é intitulada How Far (Até onde você iria por um Nespresso?)

O comercial é divertidinho — e vale mais pela versão molhada do francês. Tem como não gostar (mais) de café?