Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Mãe de noiva

13 de fevereiro de 2009 14

Meryl Streep e Amanda Seyfried em Mamma Mia

Todo mundo já ouviu algum relato de problema envolvendo casamento e a mãe da noiva. Por algum motivo que Freud explica as mães podem pular do papel de fiéis escusdeiras para o de megeras dominadoras.

Um dia desses, quando comprava coisas para cozinha em uma loja de Porto Alegre, me deparei com uma mãe ajudando a filha a montar a lista de noiva. Nada do que a menina escolhia era aprovado pela mãe. A menina se irritou a tal ponto que foi embora e deixou a mãe sozinha escolhendo o restante dos itens. Eu, e o resto dos clientes, ficamos de queixo caído.

Por outro lado ouvi falar de uma mãe que entrou descalça em um casamento para emprestar os sapatos para a filha. Quando a menina desceu do carro quebrou um salto na calçada. Não tinha como arrumar, a cerimônia já estava atrasada e a pobre noiva quase chorando. A mãe, que usava sapatos bege bem clarinhos, não teve dúvida: tirou, passou para a filha e entrou descalça (felizmente o vestido era comprido). Virou uma grande história de família.

Que papel a mãe de vocês está desempenhando no casamento? Está complicando ou facilitando as coisas?

>>>> Leia aqui histórias cabeludas de parentes encrenqueiros

Postado por Gabi

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (14)

  • Alessandra diz: 13 de fevereiro de 2009

    Oi Gabi, a minha mãe tb não foi muito legal comigo, casei junho de 2003 e um dia antes ela disse que se caso eu me separasse que poderia voltar para casa, e no dia do casamento, quando estava me levando para o o salão onde eu fiz o dia da noiva, passei antes para buscar o buque e ela disse que ele estava horrível tb implicou com o meu vestido, disse que estava muito pobre, chorei horrores. Ela é sempre muito exagerada e eu sou sempre mais discreta, mas mesmo assim ela tinha que me respeitar.

  • dimona diz: 13 de fevereiro de 2009

    ah minha mãezinha, parece um bebezinho, um anjinho, uma bonequinha de tão linda, mto do que estou organizando no meu casamento é pensando nela, ela entende de costura e já trocou varias figurinhas com a estilista, sobre tipos de godê e eu fico so ouvindo, ia ser surpresa mas ela ja sabe, como vamos casar no msm dia q os meus pais casaram entao eles vao ter um bolinho com topo, 39 anos!!, e ultimamente estou tao sem paciencia q o convite foi ela msm q escolheu, eu keria c/ cor e ela branco……

  • dimona diz: 13 de fevereiro de 2009

    vcs vao ver a fofurinha de mãe qdo eu enviar as fotos pro blog!

  • Rafaella diz: 16 de fevereiro de 2009

    Oi Gabi! Minha mãe foi maravilhosa. Eu sou muito centralizadora, quis fazer tudo sozinha e ela respeitou. Quando solicitava, ela estava sempre ali. Meu pai em compensação, arranjou toda a confusão possível… Pai de noiva acho que fica bem mais mexido com o casamento…
    Mas no fim deu tudo certo. Sempre dá! Beijo

  • Jussara diz: 13 de fevereiro de 2009

    Não resisti… tive que ler!sou mãe de noiva tb! Mas organizei todo o casamento do meu filho, eles me deram carta branca e amaram a festa. Saí, na ultima hora pra comprar calcinhas e meias brancas pra minha nora, fui boazinha, né? Agora o assunto é outro com minha filha, ela Não aceita minha opinião e só diz que `nada tá no meu gosto`…dificil, pois organizo festas aqui… mas vamos ver no que dá!

  • Ana Cristina diz: 13 de fevereiro de 2009

    Gabi, Adorei o tema deste post.
    Eu casei em novembro de 2007 aqui em Porto Alegre. Minha familia toda mora em São Paulo. Mesmo estando longe, minha mãe ajudou muitooooo.
    No entanto uma das coisas que ela fez foi emocionante: Meu pai já faleceu faz 28 anos, então como ela sempre foi pai e mãe , foi ela quem me levou ao altar. Foi lin

  • Muriel diz: 13 de fevereiro de 2009

    Gabi, no caso da minha família a sogra do meu irmão e a minha mãe junto com a noiva e eu fizemos todo casamento em menos de 4 meses. Sem cerimonialista!!! Só no molejo. Resultado: uma festa linda e até 5h da matina. Só esquecemos na última hora de pegar as xícaras do café(e claro, eram 1h da manhã), mas o recepiente do café estava lá lindo!!! Então com mãe ou sem é bom fazer um check list antes do evento. *rs*

  • Rita diz: 16 de fevereiro de 2009

    A minha mãe é T U D O na minha vida. Me ajuda sempre em tudo o que eu preciso. Tem meu amor como um filho pra ela, esse mês ele fez aniversário e decidiu fazer uma festa, se não fosse a ajuda dela nós não teriamos conseguida dar conta de tudo. Tenho absoluta certeza que ela vai ajudar no que eu precisar e claro me acalmar nos momentos de puro stress. Quanto a história do sapato, não tenho dúvidas de que ela faria o mesmo por mim.

  • Ariele diz: 3 de março de 2009

    Olha, minha mãe vem sendo mais uma vez a melhor mãe do mundo! Me acompanha em todos os compromissos, me ajuda, dá dicas, opiniões, mas SEMPRE pergunta se é o que NÓS queremos!!! Super mãe!!!!

  • Adriana diz: 13 de fevereiro de 2009

    Infelizmente minha mãe mora muuuito longe de mim(interior de SP), mas veio para cá nas férias, somente para me ajudar a definir alguns detalhes, e tudo que ela vê por lá, me manda foto, telefona, pesquisa preço…..e ainda vai tirar mais 2 semanas de férias antes do casamento para ficar aqui comigo(minha irmã também), eu estou amando, pois nessas horas a família faz uma falta enorme!!!

  • Cíntia diz: 13 de fevereiro de 2009

    Olha, eu ainda não marquei a data (mas marquem ai, dezembro de 2010 é meu!), mas tenho certeza de que minha mãe me ajudaria muito no que eu precisasse. Mesmo sabendo que eu prefiro fazer as coisas sozinha, ela tá sempre disponível. É uma grande marca dela. Quando noivei, ela ficou toda emocionada, desejou felicidades pro noivo e que cuidasse bem de mim. Enfim, coisas de mãe.

  • Patrícia Eyng diz: 13 de fevereiro de 2009

    Olá Gabi. Tbm gostei mto deste post, pois minha mãe é uma pessoa mto especial e está dando mta força em todos os sentidos para a nossa festa. Como meu pai é falecido, é a minha mãe, com certeza, que entrará comigo na igreja, com o maior orgulho!

  • Débora diz: 14 de fevereiro de 2009

    Olha, eu não marquei a data ainda também, mais sei que é em abril de 2010, minha mãe me dá a maior força, ela é minha melhor amiga, ela sempre diz que não quer que eu passe nada do que ela passou, pois acreditem se quiser, meu avô(pai da noiva) não apareceu no casamento, ela teve que entrar com meu avô(pai do noivo)… Minha mãe é uma benção na minha vida, está sempre disposta a me ajudar em tudo.

  • Rossana Arriens diz: 13 de fevereiro de 2009

    Que linda a história dos sapatos! Me identifiquei muito, pois sei que a minha mãe faria isso por mim. Ela é a pessoa que mais me ajuda, que vai a todos os fornecedores comigo, que liga pros lugares, que vai pra rua procurar tudo o que eu não posso (por estar no trabalho). Ela tem sido uma “wedding planner com açúcar”, hehehe. E o bom é que ela faz tudo com muito amor e fica tão feliz quanto eu! Se eu não tivesse a ajuda dela, estaria enlouquecendo com tantos detalhes. Obrigada, mãe!!!

Envie seu Comentário