Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Minhas impressões sobre o curso de noivos

22 de março de 2010 18

Neste fim de semana eu e o Marcelo fizemos o nosso curso de noivos. O encontro foi na Paróquia Nossa Senhora dos Anjos, em Gravataí. Fomos até lá por dois motivos: por eu ter uma ligação muito forte com essa igreja (foi onde fiz minha Primeira Comunhão e Crisma) e porque os horários dos cursos de Porto Alegre não cabiam no nosso cronograma.

O curso começou às 7h30 e terminou às 19h. Eu sei o que vocês devem estar pensando e concordo: é bem longo. Não vou ser hipócrita e dizer que não foi cansativo, mas digo também que a avaliação final do dia foi bem positiva.

Junto comigo e com meu noivo participaram outros 32 casais. Tivemos palestras sobre o cotidiano de uma relação, sobre aprender a perdoar, a importância do diálogo, sobre sexualidade. Essa última foi muito, mas muito legal. Eu imaginava que uma palestra sobre sexo dentro de um encontro da igreja católica seria bem fechada, mas a palestrante, a professora Rosângela, soube captar a nossa atenção falando de assuntos atuais e de coisas que funcionam ou não na relação a dois. Acreditem: até dicas de como manter o interesse do marido ou da esposa a gente recebeu. Nota 10! O curso de noivos terminou com uma missa onde nossas alianças foram abençoadas e, por consequência, nosso objetivo de casar e formar uma nova família.

Como vocês sabem, fazer o curso de noivos é uma exigência para quem quer casar na igreja católica. Sem entregar o certificado não é possível realizar a cerimônia. Se me permitem, dou um conselho: não deixem para fazer o curso muito perto do casamento. O objetivo final desse encontro é esclarecer dúvidas sobre a relação e, de certa forma, colocar à prova a intenção de um casal de ficar junto para sempre. Os palestrantes gostam de enfatizar que muita gente sai do curso e decide adiar ou cancelar o casamento.

Gostei muito de ter voltado à igreja que frequentei durante toda minha infância e adolescência e de ter encontrado leitoras do blog por lá. Trocamos informações muito preciosas e saí com ótimas dicas de quem está mais adiantado do que eu. Um beijo especial aos casais Lisane e Diogo e Marília e Carlos Eduardo.

Obrigada, de coração, a todos da Paróquia Nossa Senhora dos Anjos que nos doaram seu dia para promover o curso.

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (18)

  • Geisa diz: 22 de março de 2010

    Lindo depoimento. Eu farei meu curso de noivos no próximo sábado e domingo! Estou na expectativa, tomara que seja tão bom quanto o teu! Muito bacana!
    Beijos

  • Samara diz: 22 de março de 2010

    Oi Gabi! Nós tb estamos fazendo o curso de noivos.. Somos evangélicos e não é obrigatório o curso, e sim uma palestra cm o Pastor. Mas, como é sempre bom termos contatos com outros casais e outras experiencias, optamos por fazermos tb o curso de noivos. Nosso curso tem duração de 10 semanas, (domingos) e tem duração de 2 horas (10 hs as 12 hs). É muito bom, ele mexer com todos os sentimentos.. Infelizmente, alguns casais já desistiram tanto do curso quanto do relacionamento.. De qualquer maneira, nós indicamos o curso para todos os casais, vale a pena! :)))) beijo bem grande =*

  • Fernanda Couto diz: 22 de março de 2010

    Sabe que na cidade onde vou casar, Caçapava do Sul, eles não dão mais o curso de noivos. :| A única exigência para casar é apresentar o edital de proclamas. :S

  • Tati Klein diz: 22 de março de 2010

    Oi Gabi, só uma dúvida, ouvi dizer que o curso de noivos tem validade de 6 meses (até a data do casamento), então não dá pra fazer muito antes do casamento né?
    Beijos,
    Tati

  • gabichanas diz: 22 de março de 2010

    Tati, em Gravataí ele tem validade indefinida. Aproveita e faz lá na terra do noivo!

  • Bia diz: 22 de março de 2010

    Eu não sou noiva ainda, mas já estou fazendo um curso, pq o meu dura 6 meses então, vai que até o final do curso eu fico noiva, né? hehehe Beijos!

  • Aline Medeiros diz: 22 de março de 2010

    Gabi, tens algum contato com a igreja de gravataí?

  • gabichanas diz: 22 de março de 2010

    34881738!

  • Rita diz: 22 de março de 2010

    Gabi, a minha dúvida é a mesma da Tati… o curso não “expira” em 6 meses???

    Por mim eu já faria agora, pois é uma coisa a menos para me preocupar perto do casamento (que ainda falta um ano e oito meses).

    Sabe me dizer se eu fizer com muita antecedência o curso não será validado??

    Beijo

  • gabichanas diz: 22 de março de 2010

    Rita, depende de onde farás. Em Gravataí é ilimitado, por isso muita gente vai para lá!

  • Daniel Kist diz: 22 de março de 2010

    Como eu disse para minha noiva: É uma cilada bino!

  • Fernanda Ribas diz: 22 de março de 2010

    Gabi, meu noivo é de Cachoeirinha e eu de POA e assim como tu e o Marcelo, vamos nos casar em Porto Alegre. Existe algum problema se fizermos o curso de noivos em alguma paróquia de Cachoeirinha?
    Bjoka

  • gabichanas diz: 22 de março de 2010

    Não tem, querida!

  • camila diz: 23 de março de 2010

    Me casei há 2 anos e também fiz meu curso de noivos em Gravataí, já que, assim como a Gabi, também é minha cidade natal. Meu marido e eu adoramos o curso, mesmo sendo cansativo, foi um dia super bacana, conhecemos outros casais, ouvimos opiniões, refletimos sobre o casamento e relembramos a importância da benção de Deus e da oração para o casal. Foi um dia que lembraremos pra sempre e com muito carinho.

  • Anne Coltro diz: 23 de março de 2010

    Olá Gabi!

    Me casarei no dia 08 de maio e assim como vocês, fizemos o curso de noivos nesse final de semana. O curso foi no sábado à tarde e no domingo o dia inteiro, incluindo café da manhã e almoço. Foi bem desgastante, mas também foi muito bom.
    É realmente muita doação e amor pelo próximo. Os casais da igreja realmente se dedicaram em fazer o melhor. Confesso que não esperava tanto. Gente muito empenhada para que os noivos se sentissem bem acolhidos. Em vários momentos me emocionei no curso, aliás ando muito chorona e emotiva. Aposto que ficarei com a maquiagem toda borrada na cerimônia religiosa. Aliás, bem que você poderia dar umas dicas de maquiagem para as choronas de plantão! rs

  • Anne Coltro diz: 23 de março de 2010

    2ª parte…
    Muitos casais que estavam no curso nem marcaram a data do casório e muitos irão se casar em outra paróquia. Lá ninguém comentou sobre o prazo de validade do curso, mas acho que não vale spi por seis meses, pq alguns casais marcara, o csório só para o ano que vem. Concordo com você, o curso antes do noivado pode ajudar os casais a se decidirem sobre o que realmente desejam!

    Parabéns pela sua dedicação. As noivinhas agradecem!
    Não deixo de ler os seus posts diariamente. Adoroooo!
    Suas dicas são ótimas. Ah se eu tivesse descoberto tudo isso antes antes… Teria feito várias coisas diferentes! :(

    Tenho acompanhado os preparativos do seu casamento. Estou achando tudo muito maravilhoso. Você realmente tem muito bom gosto! Parabéns!!!

  • Alessandra diz: 23 de março de 2010

    Como irei me casar em dezembro, a secretária da igreja onde vou casar me disse para fazer o curso a partir de junho, pois tem validade de 6 meses.

  • Deonira La Rosa diz: 15 de novembro de 2012

    Queridas jovens, o “encontro de noivos” (curso de noivos) não perde a validade em 6 meses. Sou coordenadora voluntária de grupos de noivos no Movimento Familiar Cristão, à rua Dr Timóteo, 421, Porto Alegre (fone 32224853). Usamos metodologia que permite a participação de todos em pequenos grupos, a turma faz o encontro, sob nossa coordenação, e o certificado é válido, depois de 6 meses, sim. Atuamos com pessoas de qualquer paróquia, até de outras cidades ou estados. Mutos já vieram de outros estados. Sempre avaliam positivamente o encontro que trata da relação marido-mulher e todo seu entorno, além do sentido do casamento na Igreja e das questões da fé, nos dias de hoje.

Envie seu Comentário