Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

A polêmica da "festa 9090"

16 de julho de 2010 21

A Célia Ribeiro é uma das maiores especialistas em etiqueta do Rio Grande do Sul (e do Brasil) e em seu blog responde várias dúvidas enviadas por internautas. Hoje ela tratou de uma tema polêmico: posso convidar para minha festa e pedir que a pessoa pague pelo jantar? A resposta da Célia:

Você concorda? Vote na enquete abaixo e se quiser falar mais sobre o assunto registre sua opinião nos comentários.

Não entendeu o termo “festa 9090″? É uma brincadeira que rola por aí inspirada nos tipos de ligação telefônica. A festa 0800 é aquela onde o convidado não paga nada. Em uma festa 0300 você parte das despesas (só as bebidas, por exemplo). Já em uma festa 9090 o esquema é a cobrar: tudo fica por conta do convidado. Em enquete feita aqui no blog no começo do ano a maioria das leitoras disseram que farão festas de casamento em esquema 0800.

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (21)

  • Camila Kovalski diz: 16 de julho de 2010

    Podem não estranhar, mas que falam mal, ah falam!!

  • Juliana Wecki diz: 16 de julho de 2010

    É complicado né… Já fui em festa que a noiva era megalomaníaca, contratou "cuspidores de fogo" (hehehehe) e fez todo mundo pagar depois. Daí acho que ficou muito chato. Não era porque ela não tinha dinheiro, mas porque quis algo MUITO além das posses.

    Não acho feio a pessoa fazer uma recepção mais simples, em um restaurante, no esquema 9090… Mas se eu não tivesse dinheiro para dar uma festa, faria um bolo com champanhe por minha conta.

  • @lucianatschmidt diz: 16 de julho de 2010

    Olá! Não vou fazer festa 9090. No meu caso os convidados vão pagar sua bebida, mas não por falta de grana, mas pq eu conheço bem o meu eleitorado e não quero nenhum bebum estragando minha festa. Sei que se eles pagarem vão maneirar.
    Mas acho comum e não deixaria de ir a um casamento por ter que pagar minha janta. E se alguém fala é pq não gosta de ti de verdade. Nem deveria ser teu convidado.
    Eu vou pagar pra 100 convidados e minha lista está enxuta. Meus colegas sabem que vou casar pq me viram de aliança e me veem lendo o blog toda hora que tenho livre. Eu tive que dizer que será uma festa íntima. Muitos me proporam pagar sua janta pra poderem ir à festa. Então, quem gosta de ti não se importa e não vai falar mal.
    Bjo gente

  • Marcia Reis diz: 16 de julho de 2010

    Acho que depende muito do tipo de festa, para uma formatura até cabe, agora para um casamento, por exemplo, pega muito mal. Se não tem grana para fazer a festa, então tenta uma outra alternativa…

  • Celina diz: 16 de julho de 2010

    É… esse tipo de coisa é bem complicada é até delicada, mas depende da realidade de cada um não é mesmo?

    Se não pode bancar uma festa para todos os amigos, quem sabe apenas um drink com salgadinhos…

    Mas se o pessoal não se importar e realmente ficar difícil pagar para todos acho que vale um ’9090′… quem é amigo vai, com certeza…

    Claro, a camila tem razão.. o pessoal acaba sempre falando… hehehhe

  • Layne Cris diz: 16 de julho de 2010

    Concordo com a Camila, pdm achar até normal, mas vão falar mal depois.

    Penso que esse esquema só vale para festa de aniversários, agora formatura e casamento que são eventos mais importantes, têm que ser 0800. Não pd arcar com todas as despesas? Peça presentes em dinheiro, é simples.

  • Eline diz: 16 de julho de 2010

    depende da realidade do casal.
    Não acho deselegante, os noivos sempre querem comemorar o casamento com uma festa, mesmo que nao tenham condições, acho q pra um convidado não quebra o orçamento bancar seu jantar pra estar festejando com um amigo. Realmente só vai quem está disposto e valoriza o convite.
    Claro que no mundo ideal todos gostariam de poder fazer uma festa 0800 maravilhosa pros convidados.

  • Priscila diz: 16 de julho de 2010

    Acho que pra casamento fica péssimo tu “cobrar” pela festa. Uma colega de trabalho foi convidada pra um casamento onde tinha que pagar a janta e o pessoal ainda fez lista de presentes!! Achei o cúmulo do absurdo!!!!

    Acho que fazer a festa com as despesas (parciais ou totais) pagas pelos convidados é uma coisa chata, por isso só deve ser feita para pessoas mto íntimas, que entendam a real necessidade das pessoas e em eventos que não podem ser adiados pra qdo o homenageado tiver melhor financeiramente (formatura, aniversário).

    Como casamento (festa mesmo) não é uma coisa obrigatória, acho que deve ser programado pra qdo o casal ou os pais dos noivos, possam pagar por tudo!

  • Bia diz: 16 de julho de 2010

    "Como casamento (festa mesmo) não é uma coisa obrigatória, acho que deve ser programado pra qdo o casal ou os pais dos noivos, possam pagar por tudo!" Ah, eu tbm acho. Se quando eu casar não tiver dinheiro, pago bebida e bolo, mas pago.

  • Fernanda diz: 16 de julho de 2010

    Na minha opiniao eh muito chato! acho que todos tem o direito de ter o seu dia especial, mas e nao pode bancar jantar, entao faz um bolo so para comemoracao. Mas “convidar” e “pagar” pra mim, andam juntos!

  • Vivian diz: 17 de julho de 2010

    Concordo com a Priscila em tudo!

    E também acho que se os noivos ou formando (ou em qualquer outra ocasião), se não tem condições financeiras faça uma festa menor e com os convidados super intimos, mas que consiga pagar tudo da festa.

  • Jerusa diz: 18 de julho de 2010

    Acho extremamente deselegante. Num casamento, por exemplo, os convidados já tem muitos gastos com presente, roupa, cabelo… Me coloco no lugar dos convidados. Se é para fazer festa, que tenha como pagar. Já fui em festas que os convidados acharam ruim de pagar R$ 5,00 pela gravata do noivo (uma mera brincadeira que ajuda os noivos)… Imagine ter que pagar o jantar…

  • Luciene Soares diz: 26 de julho de 2010

    Tenho uma dúvida, quando o casamento e fora da cidade dos noivos as despesas de hospedagem ficam por conta dos convidados?

  • Patrícia Griep diz: 26 de julho de 2010

    Bom! Eu já penso assim: hj em dia sim é algo mais comum de se ver casamentos onde os convidados pagam a festa…

    Tive amigas que fizeram isso, e não vi problema nenhum em participar da alegria delas dessa forma, uma vez que de qualquer maneira eu iria comer e beber naquela noite, mesmo que não fosse ali, e pagaria por isso.

    Se os noivos podem pagar tudo beleza! Ótimo! todo mundo sai feliz! Mas e se não podem….. vão deixar de casar?

    A festa em si não é algo prioritário para um casamento (que resume-se à um contrato perante o Juiz e – pra mim o mais importante – a bênção de Deus ao casal), mas se os noivos querem mesmo comemorar com seus amigos essa alegria e só podem fazer isso dessa forma (cada um paga o seu) qual o problema? Vão agora deixar de compartilhar esse momento tão importante só pq algumas pessoas acham feio???? aaaa me poupe! :) Eu vou e pago sim :) pra mim o que importa é ver a alegria de meus amigos!

    Bjo!

    Patrícia Griep

    nossocartoon.com.br

  • Elisa diz: 15 de agosto de 2010

    Oi, eu casei só no civil e de supetao (já que moramos no exterior). Nós convidamos nossos amigos para um happy hour deixando claro que a bebida ficaria por nossa conta (quem quisesse poderia comer em casa e nao ter despesa nenhuma). Gostaria de tb ter tido um bolo, mas como foi tudo muito rápido e o restaurante nao permitia (afinal, eles tb tinham sobremesa…), acabamos só bebemorando mesmo. Ah, alguns convidados quase brigaram com a gente porque queriam pagar as bebidas consumidas e ganhamos presente (ou um dinheirinho) de tudo mundo. Mas os melhores presentes que ganhamos foram os cartoes com mensagens maravilhosas.

    Ainda planejamos uma festa de casamento no Brasil pra quando a situacao financeira ficar melhor, desta vez pagaremos a festa e o jantar. Só infelizmente nao poderemos pagar as passagens dos amigos daqui, mas pretendo alugar uma casa na praia ou algo parecido para prestigiarmos os amigos que se di$porem a viajar tanto.

    Nao acho ruim festa 9090, mas o convidado tem que saber exatamente quais serao as suas despesas.

  • Sonia Caruzo diz: 25 de setembro de 2012

    Gostaria de saber como redigir um convite de casamento que será realizado em um restaurante(incluindo cerimônia) sendo que cada um pagará o seu jantar.Tirei como ex. uma resposta que foi dada a uma pessoa que irá fazer formatura:¨Fulano e Fulana Terão grande alegria com sua presença na festa de ou do seu casamento, que se realizará no dia..mes..ano…ás…hs no retaurante… Está correto??? obrigada Sonia

  • Gabrieli Chanas diz: 25 de setembro de 2012

    Sonia, precisas deixar claro que o custo será do convidado. Não esquece de reforçar isso na entrega do convite. Beijos

  • Jo-ann Krugger diz: 26 de janeiro de 2013

    Sou a favor da festa 9090 e sinceramente, não me preocupo com essa essas regras de etiqueta e na opinião alheia, o que vale é a intenção.
    Moro no exterior e pretendo me casar no BR. Vamos casar no civil e depois vamos comemorar em um restaurante bacana, mas que atenda o bolso da dos convidados. Vamos oferecer o bolo e o champagnhe.
    Se eu tivesse condições eu concerteza faria uma super festa, mas nossa atual condição não permite.
    Aqueles que realmente são nossos amigos, irão entender e pra além disso, não vamos fazer lista de presentes, nosso maior presente será a presença dos nossos queridos amigos e familiares.

  • Tami diz: 17 de fevereiro de 2013

    Também vou casar no civil e não poderei bancar uma festa, chamei meus amigos e familiares mais chegados, para irmos em um restaurante onde cada um paga o seu e 85% já me confirmaram que vão. Não tenho condições financeiras e tbm não vou me privar de comemorar com quem realmente gosta de mim e do meu noivo… Acho que quem diz, não faça nada se não puder bancar, tem um pensamento materialista, pois quem realmente gosta, vai. E claro que não queremos presentes e sim a presença de quem gostamos comemorando conosco.

  • Vitoria diz: 2 de março de 2013

    Bom, fico triste em saber que na época em que vivemos as pessoas achem que os noivos tem que bancar tudo. Sou casada há 5 meses no civil e em julho casarei na igreja, minha festa será em um restaurante e conheço muita gente, para os mais íntimos irei pagar, os demais, cada um paga o seu. O importante do casamento é ser feliz e não fazer média com amigos e parentes. Não quero me casar e ficar anos com dívidas para agradar aos outros, quero ser feliz e quem gosta da gente de verdade vai entender.

  • jennifer ito diz: 6 de junho de 2013

    eu e meu noivo queremos abrir mao dos presentes
    e em vez dos presentes queremos cobrar os convites para ajudar no pagamento do buffet.Qual a melhor forma de se fazer isto? que tipo de convite devo usar?

Envie seu Comentário