Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Casando em casa: como transformar uma residência em palco de festa

09 de janeiro de 2012 4

Mais cedo eu mostrei a primeira parte do Donna especial deste fim de semana, com fotos do casamento da Elisa e do Diego. Agora eu compartilho imagens de outra das reportagens especiais, dessa vez a que deu dicas para quem casar em casa. As fotos são do casamento da Mirian e do Guilherme, que aconteceu na casa do avô da noiva, de frente para o Guaíba.

Imagens: Silva’s Fotografias – Equipe Hunter

O primeiro passo para saber se uma residência pode receber a festa de casamento é determinar quais áreas serão usadas e se elas comportam o número de convidados planejado. Depois é preciso cuidar da estrutura para recepcionar os amigos, começando pela segurança. Se não houver estacionamento próximo, considere a contratação de manobristas para que os convidados não precisem andar muito. Seguranças para vigiar os carros que ficarem na rua são indispensáveis.

Antes de passar para a decoração, pense em como acomodar os profissionais que estarão trabalhando na festa. Se a cozinha for pequena, planeje onde será montada uma extensão dela. Cheque se há tomadas para instalar os freezers das bebidas e por onde os garçons irão circular. É importante cuidar da instalação elétrica. A rede de energia da casa pode não suportar toda a iluminação e o equipamento de som programados, portanto é prudente contratar um eletricista para fazer uma avaliação.

Não esqueça de avisar seus vizinhos com antecedência. Se eles forem pegos de surpresa com toda a movimentação, podem lhe causar dores de cabeça. Informe sobre montagens e desmontagens de material, atuação de seguranças e horários. Vale o lembrete: recepções em casa costumam começar mais cedo para não avançar madrugada adentro com som alto.

Ao planejar a decoração, use o estilo da casa como ponto de partida para ganhar tempo e economizar. Se o aspecto for rústico, com muita madeira, tons terrosos e belos gramados, siga essa linha. Caso algum ponto esteja em más condições, adote truques de profissionais para disfarçá-los, como folhagens altas para esconder uma parede descascada ou uma tapadeira de madeira forrada com tecido para bloquear um cômodo. Se o imóvel não for seu, peça um cronograma de horários e rotinas dos moradores. Será mais fácil pregar, cortar e serrar quando estiverem fora, em horário de trabalho.

Quem sonha com não só a festa, mas também com a cerimônia religiosa em casa, precisa checar se a igreja dá permissão. Nem todas as arquidioceses liberam padres para realizar casamentos fora de igrejas, por exemplo. Nesse caso, os noivos podem contratar um celebrante ou realizar apenas a cerimônia civil no local. Uma dica fundamental para quem vai usar a residência da família é não envolver demais os moradores na organização. Pais e irmãos devem aproveitar o dia sem se preocupar se as bebidas já gelaram ou se os doces chegaram. Também deixe-os de fora das tarefas de limpeza no dia seguinte. Conte com a ajuda de todos, mas permita que fiquem livres para curtir o casamento sem preocupações de profissional.

Dicas de especialista

A organizadora de eventos Xuxa Pires, que tem na bagagem dezenas de eventos realizados na casa dos clientes, dá dicas para tornar a festa em casa um sucesso.

- Ao definir o cardápio da noite, dê preferência a pratos que não exijam o uso de faca. Dependendo do tamanho do ambiente, nem sempre o jantar será servido à mesa.

- Quando definir as flores para a decoração, tome cuidado com aquelas que têm aroma muito forte. Em ambientes pequenos, o cheiro fica ainda mais forte, o que pode desencadear reações alérgicas. As rosas são perfeitas porque têm um perfume muito suave.

- Use móveis da casa para a mesa de doces ou de café. É uma forma de valorizar a decoração original da propriedade. Se for um móvel antigo, de família, fica ainda mais bonito.

-  Os convidados precisam estar confortáveis. É crucial não ter na festa mais pessoas do que a casa comporta.

- Várias famílias têm bares na sala de estar, sacada ou varanda. Use esse espaço para instalar uma ilha de caipirinhas ou de drinques internacionais. É fundamental que o lugar tenha boa circulação, pois certamente os convidados ficarão por ali, conversando, enquanto esperam a bebida ficar pronta.

- Não guarde porta-retratos nem quadros com fotos da família. São muito charmosos.

- Já que a festa está sendo realizada na casa da família, por que não incorporar receitas tradicionais ao cardápio da noite? Pense naquele famoso doce da avó e sirva como sobremesa. O mimo também pode ser a lembrancinha da comemoração. Não esqueça de incluir um cartão explicando por que o doce é tão especial e foi escolhido pelos noivos.

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (4)

  • Fabiane Cristina Sehnem diz: 23 de abril de 2012

    Estou a procura das coberturas usadas neste casamento para o meu casamento, qual o fornecedor??

  • Tati diz: 3 de julho de 2012

    Oi Gabi! Também estou procurando fornecedores de tendas e coberturas pra minha formatura. Sabe quem foi o responsável pelo material nesse casamento ou tem dicas de outras empresas que prestam esse tipo de serviço?

  • Gabrieli Chanas diz: 3 de julho de 2012

    Tati, tento quaaaaase certeza que foi a Lona Branca! Beijos!

  • Tati diz: 3 de julho de 2012

    Thanks!!!! :)

Envie seu Comentário