Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Destination wedding: preciso pagar as despesas dos convidados?

18 de junho de 2012 7

É pergunta frequente aqui no blog desde que a gente começou a falar sem parar sobre destination wedding: eu preciso pagar as despesas de viagem de todos os meus convidados? Aqui no blog a gente ama de paixão a ideia de viajar para casar, mas não adora ver o orçamento do casamento virar motivo de desespero. Os noivos não precisam, não, pagar a conta de todo mundo. Se fosse assim, só festas caríssimas poderiam ser realizadas nesta modalidade.

Recapitulando essa moda para quem acabou de noivar (parabéns!) e recém começou a pensar em casamento: destination wedding é uma mistura de casamento com viagem. Você convida os amigos e a família normalmente para sua cerimônia e recepção, mas ao invés de realizá-las na sua cidade, escolhe um destino turístico e chama todo mundo para viajar. O que seria apenas uma festa se transforma num fim de semana de relax e diversão com todo mundo reunido. No exterior, os destinos procurados são as praias do Caribe. Aqui no Brasil, para nossa alegria (quem aí leu isso e pensou no famoso vídeo da internet?), são as cidades da Serra gaúcha.

Para responder dúvidas frequentes sobre o assunto eu resgato momentos do Villa Noiva.com by Casabranca, evento do blog que teve destination como tema. Um dos workshops teve a participação da Vanessa Borochedes, da Casabranca, que é um dos espaços mais procurados da Serra para este tipo de festa, e da Luiza Brocker Boeira e Priscila Madeira, da Brocker Turismo.

A Vanessa nos contou o perfil do casal que procura o destination: além dos noivos que curtem muito essa união de festa + viagem, vários têm convidados espalhados pelo Brasil. Sabe quando a noiva é de uma cidade e o noivo de outra? Para acabar de vez com a dúvida de onde trocar alianças, eles optam por casar numa num terceiro local. Confesso: acho fofo, pois não privilegia apenas a cidade natal dela ou dele.

Sim! A não ser que os noivos estejam super bem de grana e queiram custear a viagem, fica por conta do convidado pagar as passagens e sua hospedagem. Por isso, noivos, é que o destination é um dos formatos de casamento que mais exige planejamento. Tem que avisar todo mundo com bastante antecedência, um mínimo dos mínimos de 6 meses. Isso permite programar férias e parcelar a viagem.

Uma dica legal que a Luiza nos deu: você pode não pagar a viagem, mas pode facilitá-la para o convidado. Ao decidirem casar fora, procurem uma agência de viagens e informem-se sobre valores de hotéis, passagens. Repassem tudo picadinho para o convidado para minimizar seu estresse de planejamento. É bacaníssimo dar contatos de um agente de turismo que saiba tudo sobre datas, locais e itinerários do casamento para que o convidado se sinta mimado e amparado.

Você conhece seus convidados melhor do que ninguém. Não invente de fazer festa em Fiji se sabe que ninguém da sua família teria condições de viajar para lá. Que tal ficar dentro do Brasil ou, no máximo, dar uma escapadinha até o Caribe? Reforçamos a dica: quanto mais cedo você avisar sobre a festa fora da sua cidade, mais chances tem dos amigos se programarem para estar lá com você.

Nos últimos dias eu contei muitos detalhes sobre o Villa Noiva.com by Casabranca (e ainda tenho muitos mais para mostrar). Clica aqui para ler todos os posts e, para começar bem a semana, jogue-se nas inspirações da galeria abaixo, que traz todas as fotos do evento, clicadas pelo Nattan Carvalho.

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (7)

  • Dani Guimaraes diz: 18 de junho de 2012

    Realmente fazer destination wedding é um sonho.
    Parabéns as dicas do evento na Casabranca estavam otimas.

  • Francisco diz: 18 de junho de 2012

    Gabi, eu vou te dizer uma coisa: Hoje os noivos estão extremamente preocupados com os convidados e não a sua satisfação. As festas de casamento são uma competição de quem pode mais e , na maioria das vezes, não duram mais de 5 anos.
    Casamento, para mim, é simplicidade e beleza: Uma cerimônia religiosa , “buffet” de qualidade em local acolhedor e bonito e,……..só.
    Amanhã é outro dia, com os noivos em “lua de mel” e os convidados em suas casas confortávelmente, descansando da festa.
    É apenas um dia! Festas reais é sómente para quem pode, não teço nenhum crítica neste sentido!.
    Até porque , atualmente, é só uma confirmação, pois 100% dos noivos já , práticamente, vivem juntos.

  • Patrícia diz: 18 de junho de 2012

    Adorei as novas fotos, estão divinas!

  • Gabriela Schneider Macedo diz: 18 de junho de 2012

    Gabi,tu poderia me ajudar me dizendo o nome e, se possível, algum contato do senhor que tocou harpa?
    Desde já muito obrigada!

  • Gabrieli Chanas diz: 18 de junho de 2012

    Gabriela, vou atrás pra ti!

  • Gabriela Schneider Macedo diz: 18 de junho de 2012

    Obrigada Gabi!!! Tua gentileza e prontidão sempre me comovem, muito, muito, muito obrigada!

  • Gabriela Schneider Macedo diz: 19 de junho de 2012

    Gabi, já consegui o contato do harpista. Muito obrigada! Beijos,Gabi.

Envie seu Comentário