Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Fifth Harmony e outros que perdem, mas ganham no final

15 de julho de 2013 6

Confesso: adoro reality show de música. Assisto religiosamente as temporadas de American Idol e The X Factor (ainda não me apeguei ao The Voice), aposto com o marido quem vai ganhar e fico de beiço quando meus preferidos não vão para a final. Ainda não me recuperei da injustiça danada que foi a eliminação da Pia Toscano em 2011 no American Idol, mas estou melhorando. Pelo menos já consegui terminar com o boicote que fiz até o final daquela temporada.

Linda e cantava como um anjo. Foi eliminada porque as pessoas acharam que ela estava garantida na final e nem se importaram em pegar o telefone e votar na moça. Tadinha. A cena da eliminação foi um choque. Gabrielis da vida quase enfartaram.

Na mesma intensidade que fico furiosa quando meu preferido não ganha, fico feliz quando quem eu gosto não ganha, mas faz mais sucesso que o vencedor. Tipo as gurias do Fifth Harmony, que ficaram em terceiro no The X Factor do ano passado.

A Ally, a baixinha da direita, era minha preferida desde os testes. Mas todas elas são fofas!

Além do grupinho de gurias, eu gostava da Carly Rose Sonenclar, a menininha de 13 anos que todo mundo tinha certeza que merecia ganhar. Todo mundo menos o público americano, que votou no Tate Stevens.

Eu gosto de música country. Eu simpatizei com o Tate. Mas perto da Carly Rose ele era cantor de chuveiro.

A Carly ficou em segundo, em outra daquelas eliminações que me deixaram furiosa, xingando a tevê e até assustando o meu marido.

Mas como nem sempre quem ganha se dá melhor na vida, a Carly está fazendo sucesso, o Fifth Harmony idem e o Tate Stevens anda meio esquecido. Me sinto vingada.

Hoje saiu o primeiro clipe das meninas do FH. É musiquinha de adolescente, aquela coisa, mas elas estão faceiras, bonitinhas e bem encaminhadas. Foram contratadas pela gravadora do L.A. Reid e têm a carreira gerenciada pelo Simon Cowell. Toma, Tate!

Só não curti que a Ally canta pouco nesse vídeo. Melhora isso, Simon, ou eu faço boicote de novo!

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (6)

  • Tassia diz: 15 de julho de 2013

    Lembrando do programa “Fama”, que passava na rede Globo e também era de música, o cantor Thiaguinho (ex exaltasamba) também não ganhou o programa, mas fez e faz muito mais sucesso que o vencedor.

  • Gabrieli Chanas diz: 15 de julho de 2013

    Ah, tá que o Thiaguinho participou do Fama? Sério?????

  • Tassia diz: 15 de julho de 2013

    Aham! Ñ sei se aparecem links, but http://www.terra.com.br/exclusivo/fama/2002/08/03/000.htm olha que novinho! Ele perdeu antes de ir p/ final e o cara que ganhou dele foi o vencedor daquele programa.

  • Adilson diz: 15 de julho de 2013

    É via de regra,o vencedor nem sempre é o melhor e quem fica pra trás tem mais chance de fazer sucesso futuramente.

  • Camila diz: 15 de julho de 2013

    bah compartilho muito isso contigo! meu trauma mais recente foi a Angie eliminada em terceiro lugar no American Idol desse ano….

  • Rafael diz: 16 de julho de 2013

    Concordo com você, a Carly é a pequena notável, o que me deixa curioso é que nenhuma gravadora se interessou por ela, assim como as excelentes meninas do Fifth Harmony, talvez, a proposta seja diferente, mas, como vc tbm citou, Tate quem? Quem se lembrará dele daqui alguns anos…

Envie seu Comentário