Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Se eu casasse hoje...

30 de julho de 2013 7

… o meu vestido seria assim. Ainda ajustado na cintura, ainda com tule, mas com decote V e uma leve manguinha. Esse aí é um Pronovias, coleção 2014, flagrado numa vitrine de Londres pela amiga Taís Andrade, que está por lá estudando maquiagem.

De vez em quando eu curto brincar de “se eu casasse hoje”. É bom para perceber que os gostos da gente estão sempre sujeitos a mudanças. Já fiz essa reflexão no ano passado e, na época, elegi um vestido bem diferente do que usei no meu casamento e diferente desse aí de cima também. Mas não vamos muito longe: em maio deste ano eu também brinquei de “se eu casasse hoje” e disse que usaria oooooutro modelo de vestido, de novo nada parecido com o da foto acima.

No começo do ano eu dei uma entrevista para uma revista de casamentos e a repórter me perguntou com quanto tempo de antecedência a noiva deveria começar a planejar seu casório. Respondi na lata: “um mês para não ter tempo de mudar de ideia”. Era uma brincadeira, claro, mas não faz sentido? Me conta aí, dona noiva: a senhora não mudou de ideia trocentas vezes sobre a decoração, as flores, o vestido, as lembrancinhas, a música da primeira dança? Mudou sim que eu sei!

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (7)

  • Cláudia Oliveira diz: 30 de julho de 2013

    Ai Gabi, nem me fala!! Estou organizando meu casamento pra dezembro e dá o maior medo de chegar na hora e querer mudar tudo. Na minha formatura, em 2011, escolhi a decoração quase um ano antes (rosa e marron: o mais pedido daquele ano!), mas como fiquei um ano inteirinho olhando coisas nessas cores, chegou perto e eu tava enjoada!! mas aí já era tarde né!! Por isso, para o meu casamento este ano estou apostando em cores mais clássicas, sem muito modernismo, mas, ainda assim, bate aquele medinho! Quanto ao vestido, fecho os olhando qnd vejo algum lindo de morrer, pq não dá mais tempo de mudar!! hehe! Beijão

  • Daniela Freitas diz: 30 de julho de 2013

    Morro de vontade de todo ano casar novamente – com o mesmo noivo!!! – só para sentir novamente toda aquela emoção, ousar, experimentar…

  • Patricia cardoso diz: 30 de julho de 2013

    sou de Criciúma SC ! e amooo teu blog gabi, acho que é pq amo tudo q se refere a casamento ! hehe e eu queria uma 2° opinião… amei de paixão esse vestido, e eu tenho quadris largo e cintura fina sabe… será que ficaria legal em min? hehehehe
    bjbj Deus abençoe

  • Simone diz: 30 de julho de 2013

    Nooosa!!Com certeza. Meu vestido tive dúvidas até a última semana quando fiz a prova e percebi que realmente ele era exatamente a minha cara. A decoração eu tinha muito medo de não ficar como eu queria. Mas, no dia, estava tudo do jeito que sempre sonhei!!

  • Espermatozoide Procura diz: 30 de julho de 2013

    Cara, casar duas vezes com a mesma mulher é o cúmulo da burrice. Só loco! Vade Retro Satanás!

  • Carol X. diz: 30 de julho de 2013

    Gabi! Vi numa vitrine de uma loja na Assis Brasil um vestido LINDO, todo bordado e de renda, sequinho…me apaixonei! Certo que “Se eu casasse hoje…”, era esse que eu ia querer!

  • Gabriela Lorenzet diz: 31 de julho de 2013

    Gabi, first of all: pronoviasrocks.
    Eu casei com um pronovias e até hoje sou apaixonada pelos vestidos.
    A minha mudança foi que me imaginava num vestido bem “armado”, estava encantada com o Bermeo. Uma vez eu o vi numa loja na Espanha e queria arrancar do manequim e trazer na mala. Quando fui provar os vestidos, na loja de São Paulo, os “armados” me deixavam com cara de “bolo de noiva”. Comecei a me desesperar e a chorar, achei que não tinha nascido para casar de vestido branco.
    Com muita calma comecei a provar os mais acinturados e foi um deles que escolhi.
    Mas acho que seria bom casar outras vezes para usar outros vestidos.

    Beijinhos.

Envie seu Comentário