Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Sem contar calorias e sem restrição alimentar: conheça a dieta que Hollywood ama

04 de janeiro de 2014 2

44 anos, dois filhos e este corpão. Além de um séquito de personal trainers e chefs particulares, um dos créditos da boa forma invejável de Jennifer Lopez iria para a Dieta do Metabolismo Rápido. Criada por uma nutricionista de Beverly Hills, a dieta vem chamando atenção por não proibir alimento algum. Dá para comer de tudo, desde que você obedeça os dias certos da semana.

Jen

Seja lá o que Jen faz, está dando certo!

A história dos dias da semana é bem isso que você imaginou: pode comer certas coisas na segunda, outras na terça, mais umas na quarta e assim por diante. Quem entra no regime não passa meses privado de um pãozinho, de queijo ou churrasco, alimentos que normalmente são culpados pelo aumento de peso. Hummm, interessante…

dieta

Essa é a Dra. Haylie Pomroi, a criadora do método. Ela diz que seguindo fielmente sua proposta, dá para perder até 9 quilos num mês. Uau!

O que diz a nossa amiga Haylie: essa dieta teria o poder de promover mudanças rápidas no seu metabolismo, fazendo com que você queime calorias mais rápido e, portanto, perca peso mais depressa. O segredo estaria no tipo de “combustível” que damos ao corpo:

De segunda a terça: comer apenas carboidratos e frutas

De quarta a quinta: comer apenas proteínas e vegetais

Sexta, sábado e domingo: dá para comer tudo o que está aí em cima, mas tem que incluir umas pitadas de gordura boa (castanhas, por exemplo).

Cada fase da dieta, diz Haylie, desempenha um papel diferente no seu organismo. A nutricionista brinca que o corpo fica tentando entender o que está acontecendo, e por isso age mais rápido. A mudança de cardápio estimularia a produção dos hormônios T3 eT4, que a médica chama de “superstars do metabolismo rápido”. Um ciclo completo, que levaria àquela perda de peso mágica e rapidíssima, dura 28 dias.

Nos Estados Unidos, a dieta é a querida da vez. Além de celebs como Jennifer Lopez, atletas também estariam aderindo a ela para perder rápido o peso ganho em períodos de folga ou férias. A criadora do método vai faturando com a popularidade. Já lançou site, livro de receitas, dá palestras por todo país e cobra uma boa bolada por consultas particulares.

fast-metabolism-diet

Acima, um dos livros de Haylie, que tem na capa a apelativa linha de apoio “coma mais e perca mais peso”. Além deste livro que explica a dieta ela tem outro, só de receitas. E tem também um aplicativo que ajuda a controlar o que comer no dia, as porções e quanta água você deve tomar.

Mas e daí? Será que funciona mesmo? Enfim acharam o pote de ouro no fim do arco-íris e dá para se jogar no sanduba sem medo? Segundo os testemunhos no site da nutricionista, sim. E colegas da Dra. Haylie também estão dando selo de aprovação para o regime. A avaliação é que a dieta incentiva a comer uma boa variedade de alimentos e que, ao não proibir quase nada (repare que frituras, doces, processados e carnes gordas não fazem parte da lista), acaba deixando o paciente mais satisfeito. Outro segredo da Dieta do Metabolismo Rápido é o incentivo a tomar muita, muita água, especialmente antes das refeições. Isso daria uma sensação de saciedade maior. Quando chega a hora de comer, a fome desesperadora é menor.

O livro que explica detalhes sobre a dieta ainda não chegou por aqui. Querendo comprar a versão em inglês, dá para encomendar pela Amazon, que entrega no Brasil (custa US$ 22 sem taxas de entrega). Já o aplicativo, criado para acompanhar o livro, está na Apple Store por US$ 2,99 (não tem para Android ainda).

Estou baixando o app para dar uma espiada. Na próxima consulta com o nutricionista, vou mostrar e ver o que ele acha da dieta do momento. Será que ele vai gostar tanto quanto a Jennifer Lopez adora? Acho que sim. Eu não como nada, nada, nada de frutas e legumes. Talvez seguindo essa proposta, me acostumasse com uma variedade maior de alimentos. Entendi o mote, Dra. Haylie!

jen

Looking good, Jennifer!

The following two tabs change content below.

Gabi Chanas

Ótima amiga, péssima cozinheira. Adoro cachorros (tenho um vira-lata charmoso chamado Dunga), Friends, casamentos, decoração. Além do bloguinho, dou dicas todos os domingos na revista Donna, do jornal Zero Hora, e nos sábados na Almanaque, do jornal Pioneiro. Curto muito fazer novos amigos virtuais, por isso recadinhos são sempre bem-vindos!

Latest posts by Gabi Chanas (see all)

Comments pelo FB

Comments pelo FB

Comentários (2)

  • Casemiro – O sábio diz: 4 de janeiro de 2014

    Ora amigos, as leis da física não mentem: primeira lei da termogênese, se você conserva mais calorias do que gasta, então terá acumulo de energia e engordará.

    Além disso, não se trata apenas de calorias, mas principalmente de quantidade de carboidratos: quando ingerimos açucares, pães, massas e outro tipo de carboidratos, nosso nível de insulina aumenta e o que ingerimos entra na nossa corrente sanguínea em formato de glucose. O nível de açúcar no sangue aumenta e o corpo secreta mais insulina.

    O que nos engorda: tudo que facilita o transporte de ácidos graxos para dentro de nossas células de gordura.
    O problema é que a insulina é o maior regulador de LPL (lipase lipropoteica) que é um componente que fica ao redor das nossas células de gordura.

    Em resumo: quanto mais carboidrato, maior a insulina e mais a LPL fica ativa dentro das nossas células.

    Não existe nada fácil, sem esforço. Quer emagrecer, coma menos e faça mais exercícios (nem precisa ser intenso). Coma menos carboidratos e açucares refinados (massas, pães, batatas) e opte por carboidratos com baixo índice glicêmico, que são os que mais demoram a digerir (frutas, pães integrais, etc). Cuidado para não exagerar, pois os integrais também engordam.

    http://blog.massivehealth.com/infographics/Carbs_are_killing_you/

  • Nelson diz: 5 de janeiro de 2014

    O problema é que muita gente não sabe o que deve comer.
    Não adianta falar em carboidratos e proteinas se não derem exemplos desses alimentos.

    Por exemplo: segunda-feira carboidratos e frutas significa o que?
    Pão, massas, uva, banana, maçã?
    E quarta-feira proteínas e verduras, seriam carnes, hamburger, frango, churrasco, cenoura, milho?
    E chocolate podemos comer quando? Nunca?

    É muito complicado, principalmente para nós homens que não sabemos EXATAMENTE o que comer naquele dia e no dia seguinte.

    Será que vou encontrar esses alimentos no restaurante a quilo ali da esquina?
    E nos mercados da cidade?
    O bom mesmo seria se vendessem kits com tudo pronto para aquele dia, tudo sem complicação e com preço acessível.

Envie seu Comentário