Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Anderson Silva se aposentará no peso médio do UFC

29 de junho de 2011 1


foto: divulgação UFC / Textual






O campeão Anderson Silva colocará o seu título dos médios do UFC em disputa contra o desafiante japonês Yushin Okami.

O duelo será a luta principal do UFC Rio ou UFC 134 no dia 27 de agosto de 2011 no Rio de Janeiro e valerá o título dos médios (até 84kg) do UFC, hoje nas mãos do brazuca.

Vale lembrar que Anderson foi Campeão do UFC 64 dos pesos médios (até 84kg) no dia 14 de outubro de 2006 nocauteando Rich Franklin aos 3 minutos do 1º round e permanece Campeão até hoje, vencendo todas as defesas de Cinturão (fez oitava).

“Aranha” (apelido dado ao brasileiro) é considerado com sendo o melhor lutador de MMA da atualidade e detém um invejável cartel com 28 vitórias e 4 derrotas, vindo de um incrível nocaute sobre Vitor Belfort no UFC 126 no dia 05 de fevereiro de 2011.

Na coletiva de imprensa do UFC Rio que ocorreu no dia 16 de junho no Rio de Janeiro, este colunista esteve presente e teve a oportunidade de perguntar ao campeão Anderson:

Caju Freitas: você está reinando absoluto na categoria dos médios. Na hipótese de vitória sobre Okami você pretende subir de categoria e qual o seu plano para o futuro ?

Anderson Silva: eu acho, ou melhor, tenho certeza: pretendo me manter na minha categoria!

Na categoria de cima, minha equipe tem o Minotouro, o Rafael Feijão e outros atletas da nossa equipe. E é uma coisa que a gente leva muito a sério isso. O respeito entre nosso time. A gente não tem a pretensão de um lutar na categoria do outro. Então, mantenho na minha categoria e espero me aposentar nela, com meus problemas até 84kg.

Siga também no twitter.

Aliás, a coletiva pode ser vista na íntegra abaixo, onde a pergunta desse colunista aparece aos 29’39″.


Bookmark and Share

Comentários (1)

  • Jonas diz: 30 de junho de 2011

    Problemas? O pedacinho que eu vi ele deu a entender que seria mais fácil lutar na categoria superior por causa das agilidade, o que é difícil de acreditar. Nos médios ele tem a vantagem do tamanho, tem braçoes longos e uma superioridade de alcance sobre todos os outros. Mas contra um Jon Jones ou um Ryan Bader teria muitas dificuldades…

Envie seu Comentário