Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

EXCLUSIVO: Lyoto Machida não aceita lutar com Rashad Evans no UFC 133

13 de julho de 2011 4




divulgação ufc




O brasileiro Lyoto Machida foi especulado para encarar o norte-americano Rashad Evans na luta principal do UFC 133.

Ocorre que Phil Davis, original oponente de Evans, acabou sofrendo uma lesão no joelho ontem a noite durante o seu treinamento e acabou sendo retirado do card.

Falei com exclusividade com Fabyola, esposa de Lyoto Machida que afirmou:

” A luta está muito próxima e por questão de profissionalismo não podemos aceitar a luta. Queremos sempre fazer o melhor, mas faltam poucas semanas e não seria justo com os fãs um mau combate.”

A organização do UFC teria consultado também o norte-americano Tito Ortiz que também não aceitou o combate.

Machida leva um respeitável cartel com 17 triunfos e 2 derrotas, vindo de um espetacular nocaute sobre a lenda americana Randy Couture no UFC 129 no dia 30 de abril de 2011.

Por ironia, o único fracasso de Evans se deu exatamente para Lyoto, onde no UFC 98 no dia 23 de maio  de 2009 o brazuca nocauteou o americano e faturou o cinturão dos meio-pesados (até 93 kg) do UFC.

O UFC deverá se pronunciar ainda hoje para oficializar o substituto de Phil Davis.

O UFC 133 está agendado para o dia 06 de agosto de 2011 no Wells Fargo Center na Philadelphia, Estados Unidos.

Siga no twitter

Bookmark and Share

Comentários (4)

  • JORGE LUIS diz: 13 de julho de 2011

    Bem que o Lyoto poderia dar mais um nocaute neste louco, outro chutão na cara do Evans…

  • guilherme diz: 13 de julho de 2011
  • andre diz: 13 de julho de 2011

    Parabens caju por tua materia , continue fazendo esse otimo trabalho de cobertura sobre MMA , abs.

  • VÍDEO: Lyoto Machida deveria ter aceitado disputar o UFC 133 ? | No Mundo das Lutas diz: 15 de julho de 2011

    [...] noticiado aqui no blog, em primeira mão e com repercussão mundial, Machida não aceitou lutar com Rashad [...]

Envie seu Comentário