Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Dan Henderson deveria disputar o título do UFC

10 de março de 2012 0

O fenômeno norte-americano Dan Henderson vem de uma impressionante vitória sobre Mauricio Shogun no UFC 139 no dia 19 de novembro de 2011, triunfo alcançado após cinco disputados rounds.

Aos 41 anos, Henderson espera pela definição do seu próximo oponente no UFC, aguardando uma chance para a disputa do título dos meio-pesados, atualmente nas mãos de Jon Jones.

Neste cenário, o campeão Jon Jones colocará o seu cinturão em disputa contra o seu compatriota e ex-colega de treino Rashad Evans, duelo que ocorrerá no UFC 145 no dia 21 de abril em Atlanta.

O mais justo seria a presença de Dan Henderson no lugar de Rashad Evans, uma vez que Hendo vem de vitórias mais consistentes.

Dan Henderson leva na bagagem 29 vitórias e 9 derrotas, figurando entre os Tops desde os tempos do Pride (extinto evento de MMA japonês, comprado pelo UFC em 2007), sendo o atual campeão dos meio-pesados (até 93kg) do Strikeforce.

Diga-se de passagem que Dan Henderson também duelou na divisão dos médios (até 84kg) e dos pesos-pesados (acima de 93kg), todas com extremo sucesso, sendo campeão ou disputado título em todas as organizações em que passou.

Curiosamente, “Hendo” é um dos raros atletas que saiu do UFC por vontade própria, pois após o seu devastador nocaute sobre o inglês Michael Bisping no UFC 100 no dia 11 de julho de 2009, Henderson não renovou o seu contrato com a maior organização de lutas do Mundo.

Meses após, fechou contrato com o Strikeforce. Atualmente, como o UFC comprou o Strikeforce, a volta do norte-americano ao UFC se tornou inevitável.

Henderson é um dos mais experientes atletas em atividade no esporte (nasceu no dia 24 de agosto de 1970) , sendo que já lutou com 18 brasileiros, vencendo nomes como: Crezio de Souza, Allan Goes, Minotauro (lutou 2 vezes, perdendo uma e vencendo outra), Renato Babalu, Renzo Gracie, Murilo Ninja, Murilo Bustamante, Vitor Belfort, Wanderlei Silva (lutaram duas vezes, com uma vitória para cada), Rousimar Toquinho e Rafael Feijão.

Henderson é um excelente trocador (principalmente o seu conhecido cruzado de direita), tendo um wresting de nível olímpico e poderá, sim, tornar-se o novo campeão de sua categoria no UFC.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário