Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Os salários do UFC "Cigano vs. Velasquez"

31 de dezembro de 2012 7

O UFC 155 aconteceu na madrugada deste domingo diretamente do MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos.  A Arena estava completamente lotada, com 20 mil pessoas, em mais uma edição de extremo sucesso do UFC. O número de brasileiros presentes no MGM realmente impressionou.

Caju Freitas fez, como de costume, uma cobertura ao vivo do UFC.

Siga no twitter @cajufreitas

Siga no Instagram: cajufreitas

Na luta principal da noite, o catarinense Junior Cigano colocou o seu título dos pesados em disputa em uma revanche contra o americano Cain Velasquez. Após cinco rounds de grande domínio, Cain Velasquez venceu por decisão unânime e recuperou o seu título.

A organização do UFC divulgou a importância que cada atleta recebeu para lutar no evento, lembrando que os atletas podem faturar ainda mais com valores de patrocinadores, bem como, em alguns casos, levar participação no PPV (pay-per-view) comercializado pelo UFC.

Confira o valor das bolsas (salientando que os valores abaixo são expressos em dólares):

– Cain Velasquez: $200,000.

- Junior Cigando dos Santos: $400,000

– Jim Miller: $147,000 (incluindo 65,000 da luta da noite).

- Joe Lauzon: $92,000 (incluindo 65,000 da luta da noite).

– Constantinos Philippou: $36,000.

- Tim Boetsch: $37,000.

- Yushin Okami: $84,000.

-  Alan Belcher: $37,000.

- Derek Brunson: $30,000.

- Chris Leben: $51,000.

– Eddie Wineland: $30,000.

- Brad Pickett: $17,000.

- Erik Perez: $20,000.

- Bryon Bloodworth $6,000.

- Jamie Varner: $24,000.

- Melvin Guillard: $42,000.

- Myles Jury: $16,000.

- Michael Johnson $14,000.

- Todd Duffee: $83,000 (incluindo $65,000 do melhor nocaute).

- Phil De Fries: $14,000.

- Max Holloway: $24,000.

- Leonard Garcia: $20,000.

- John Moraga: $87,000 (incluindo $65,000 da finalização da noite).

-  Chris Cariaso: $12,000.

Relembre a cobertura completa aqui.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas no jornal Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Comentários (7)

  • Ednei Ribeiro diz: 31 de dezembro de 2012

    Isso foi o que o cigano ganhou para PARTICIPAR DO EVENTO, gostaria de saber quanto ele ganhou para entregar a luta ou para não lutar, tanto faz. Por que foi uma vergonha, até eu faria mais.
    Um cara simples, parece ser gente boa, acreditava que ele pudesse ser diferente que a maioria (nao se vendesse), me decepcionei, o mundão ta perdido, ou melhor as pessoas estão perdidas.
    Caju, o que voce achou da luta, normal ou também acha que teve mutreta?

  • léia diz: 1 de janeiro de 2013

    Cajú vc é muito bairrista, já falei mais vc não posta meus comentarios.
    Sempre diz que os brasileiros vao ganhar e a maioria das vezes vc erra.
    Já cansei de sua frase “È o pelé das lutas” vc acha que brasileiro sempre ganha e termina quebrando a cara. Por favor aprenda mais um pouco Abraços Gabriel. P.D. Espero que poste meu comentario.

  • léia diz: 1 de janeiro de 2013

    Pelé das lutas vc se refere ao Anderson Silva Abraços Gabriel.

  • Vinicius diz: 1 de janeiro de 2013

    Minha humilde opinião é que o resultado dessa luta se resuma a uma palavra, “planejamento”. Cain Velasquez se preparou e atropelou o Cigano, diferentemente da última luta. Por ora, prefiro não acreditar em mutreta do Dana para uma revanche com maior ibope e lucratividade, afinal pelo ocorrido nessa luta, Cigano terá de enfrentar outro adversário para chegar em Velasquez. Abraço a todos!!

  • geraldo diz: 3 de janeiro de 2013

    Concordo com a falta de Planejamento. O Cigano chegou um dia atrasado no local da luta porque perdeu o avião. Isto é sinônimo de AMADORISMO. Deveria ter programado com mais antecedencia a viagem. Para atletas de alto rendimento chegar um dia atrasado é SIGNIFICATIVO.

Envie seu Comentário