Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Vitor Belfort nocauteia Bisping e se consagra no UFC São Paulo

20 de janeiro de 2013 0

Aconteceu na madrugada deste domingo o UFC São Paulo diretamente do ginásio do Ibirapuera, em um show batizado de UFC on FX 7. Caju Freitas estava na arena, na cobertura de mais um UFC, a um metro do octógono.

Caju Freitas fez, como de costume,  uma cobertura ao vivo do UFC.

Siga no Instagram e Twitter: cajufreitas

O público lotou completamente o ginásio do Ibirapuera, com cerca de 15 mil espectadores. O UFC São Paulo foi marcado por excelentes combates, com uma organização impecável.

Pouco antes de abrirem os portões, a multidão já estava presente para presenciar a volta do UFC à capital paulista. Realmente, a estrutura impressiona pela grandiosidade e pela organização. O UFC demonstra novamente que o MMA é o segundo esporte no Planeta.

Foi a sexta vez em território tupiniquim e a segunda na capital paulista -recebeu a primeira edição do UFC no País em outubro de 1998, no ginásio da Portuguesa.

Vitor Belfort vs. Michael Bisping

Vitor belfort  fez a luta principal contra o inglês Michael Bisping, em um embate de médios (até 84 kg), onde reina Anderson Silva.

O primeiro a entrar é Michael Bisping que leva uma sonora vaia do público presente. O lutador parece que não se importa com os gritos e provocações do público. Logo em seguida, as luzes se apagam e Belfort é chamado para o delírio os fãs presentes na arena.

No 1º round, a luta começa estudada na trocação. Belfort tenta um gancho e aperta na trocação e quase nocauteia com uma sequência de gancho e cruzado.

No 2º round, a luta segue na trocação quando Vitor acerta um sensacional chute alto de esquerda e Bisping desaba, o brasileiro continua batendo até Dan Magliota interromper e decretar a vitória brasileira por nocaute. Após o espetacular triunfo, Vitor pediu uma revanche imediata com Jon Jones, campeão dos meio-pesados que enfrentará Sonnen em abril. Todavia, uma revanche contra Anderson Silva é o mais provável de ser anunciado.

Na segunda luta mais relevante, o brasileiro Daniel Sarafian mediu forças com o americano C.B. Dollaway também pelos médios. Sarafian foi finalista do TUF Brasil 1.

No 1º round, Sarafian joga muito bem nos contragolpes, quase levando o americano à lona com um potente cruzado. A luta se desenvolve toda em pé.

No 2º round, a luta permanece na trocação e equilibrada quando C. B. acerta um gancho de direita que quase leva o brasileiro a nocaute. Sarafian é salvo pelo final da etapa.

No 3º round, o americano leva vantagem na trocação, com Sarafian nitidamente cansado. C.B. consegue uma boa queda e golpeia da meia-guarda. Sarafian consegue inverter e agora está por cima golpeando, alcançando as costas. C.B. se recupera e cai por cima. Fim de luta. No final, C.B. Dollaway vence por decisão dividida.

Abrindo o card principal, o catarinense  Thiago Tavares não resistiu à impressionante trocação do russo Khabib Nurmagomedov  e foi nocauteado ainda no 1º round, em um duelo de leves.

No card preliminar, Ildemar Marajó – campeão dos médios do  Jungle Fight 47 em Porto Alegre dia 21 de dezembro – finalizou Wagner Caldeirão com uma chave de joelho reto, pelos meio-pesados, fazendo uma grande estreia no UFC.

A luta entre Iuri Marajó e Pedro Nobre pelos galos foi declarada sem resultado, em virtude de um golpes ilegal (soco na nuca) aplicado por Marajó.

Ainda, o gaúcho de Caxias do Sul Diego  Nunes mediu forças com o americano Nik Lentz, em um embate de penas (até 66 kg), onde reina José Aldo. O amerciano Nik Lentz conseguiu boas quedas, dominando as ações durante toda a luta. No final, Lentz venceu por decisão unânime.

Confira os resultados completos:

Vitor Belfort nocauteou Michael Bisping no 2º round;

– C.B. Dollaway venceu Daniel Sarafian por decisão dividida;

Gabriel Napão Gonzaga finalizou Ben Rothwell com uma guilhotina no 2º round ;

– Khabib Nurmagomedov nocauteou Thiago Tavares no 1º round;

Lutas preliminares

Godofredo Pepey venceu Miltinho Vieira por decisão dividida;

Ronny Markes venceu Andrew Craig por decisão unânime;

- Nik Lentz venceu Diego Nunes por decisão unânime;

- Edson Barboza nocauteou Lucas Mineiro Martins no 1º round;

Pedro Nobre vs. Iuri Marajó foi declarado N/C (sem resultado);

- Ildemar Marajó finalizou Wagner Caldeirão com uma chave de joelho reto no 2º round;

- Francisco Massaranduba finalizou C.J. Keith com um katagatame no 2º round.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às segundas no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário