Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Direto de Las Vegas: Anderson Silva quebra a perna e Weidman mantém o Cinturão

29 de dezembro de 2013 8

Anderson Silva se lesionou e perdeu novamente para Weidman foto divulgação ufc

Las Vegas – Aconteceu na noite nos Estado Unidos, madrugada no Brasil o UFC 168 diretamente do MGM Grand Garden Arena em Las Vegas.

Caju Freitas fez a cobertura a pouco mais de 1 metro do octógono.

A Arena contou com milhares de brasileiros que empurram e participam de todos os momentos. Com ingressos esgotados, com cerca de 18 mil espectadores, o MGM Grand Garden Arena pareceu um estádio de futebol em uma grande final.

O Brasil estava representado por Anderson Silva, Fabricio Morango, Gleison Tibau, Diego Brandão e Willian Patolino.

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Anderson Silva vs. Chris Weidman

Na luta principal, o americano Chris Weidman defendeu o seu título dos médios (até 84 kg) pela primeira vez, em uma revanche contra o antigo campeão Anderson Silva.

No 1º round, Weidman mostrou uma impressionante trocação e acertou um cruzado que fez o brasileiro desabar. No solo, Weidman golpeou o Spider da guarda até o final do assalto. Domínio total do campeão.

No 2º round, Anderson voltou decidido ao nocaute com chutes baixos e cruzados. Contudo, ao tentar um chute baixo, Anderson quebrou a perna e caiu gritando até a interrupção do árbitro Herb Dean. Vitória de Weidman por nocaute que mantém o título pela primeira vez. Anderson saiu em uma maca e gritando de dor devido à lesão na perna. Uma fatalidade rara no MMA.

Futuro de Weidman: terá Vitor Belfort como próximo desafiante.

Futuro de Anderson: passará por imediata cirurgia para recuperar lesão na perna.

Ronda Rousey vs. Miesha Tate

Na segunda luta mais importante, a musa Ronda Rousey defendeu o seu título feminino dos galos contra a sua compatriota Miesha Tate, também de respeitável beleza. As lutadoras já se enfrentaram em no Strikeforce no dia 03 de março de 2012, quando Rousey venceu por finalização no 1º round.

Na melhor luta feminina da história, Ronda e Tate protagonizaram um duelo equilibrado e de tirar o fôlego.

Após dois assaltos da força e confiança de Tate contra as boas quedas de Ronda, a campeã conseguiu encaixar um belo arm-lock que determinou a desistência da desafiante na terceira etapa. Agora, Ronda ostenta a invencibilidade de 8 vitórias, todas com arm-lock.

Após a luta, Ronda foi muito vaiada, pois não quis cumprimentar a desafiante que estendeu o braço.

Futuro: Ronda terá Sara McMann como próxima desafiante e o combate está programado para o UFC 170 no dia 22 de fevereiro.

Confira os resultados completos: 

- Chris Weidman venceu Anderson Silva por nocaute no 2º round (Anderson quebrou a perna);

- Ronda Rousey finalizou Miesha Tate com um arm-lock no 3º round;

- Travis Browne nocauteou Josh Barnett no primeiro round com várias cotoveladas.

- Jim Miller finalizou Fabricio Morango com um arm-lock no primeiro round da luta.

- Brasileiro Diego Brandão foi nocauteado por Dustin Poirier no primeiro round.

Lutas preliminares

- Uriah Hall venceu Chris Leben por interrupção médica após o 1º round;

- Michael Johnson nocauteou Gleison Tibau no 2º round;

- Dennis Siver venceu Manny Gamburyan por decisão unânime;

- John Howard venceu Siyar Bahadurzada por decisão unânime;

William Patolino venceu Bobby Voelker por decisão unânime;

- Robert Peralta nocauteou Estevan Payan no 3º round.

 Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às segundas no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Comentários (8)

  • Márcio diz: 29 de dezembro de 2013

    Mais uma baixa no “esporte” de trogloditas!
    Poucas lutas antes o octógono já havia sido lavado com sangue.

    * Sempre que o post for alterado, o correto é colocar uma errata. Literalmente O PLANETA TERRA INTEIRO viu que a fratura foi na perna (antiga tíbia e perônio), e o texto original dizia que havia sido no pé. Mas aí é difícil né..

  • Takeda diz: 29 de dezembro de 2013

    Quem diria heim, eu contava com uma vitória relativamente fácil do Spider, mas o Weidman mostrou que não foi golpe de sorte na primeira luta, parece que o homem tem corpo fechado mesmo xD
    Vai ser bonito ele contra o Belfort, que também é duro na queda.

  • TANCREDO CORTAZZI diz: 29 de dezembro de 2013

    Que azarao mesmo, e agora. Qual o destino da carreira de Anderson Silva

  • Decio diz: 29 de dezembro de 2013

    Mesmo em um post de resumo das lutas, onde você deveria narrar os fatos, deixa transparecer a imparcialidade.
    Dizer que Anderson voltou ao segundo round disposto a “nocautear” o Weidman, deve ser brincadeira sua!
    Depois afirma que Ronda foi vaiada por não ter cumprimentado a desafiante. Até pode ser verdade, mas não vi você citar que por diversas vezes Anderson (o cara mais arrogante do UFC), inclusive nas 2 lutas, nunca estendeu o braço para cumprimentar o Weidman. Lamentável, a paixão cega!
    PS: Apesar de tudo, fiquei triste com a lesão dele!

  • Fabrício B. Aguirre diz: 29 de dezembro de 2013

    Caju, o Weidman manteve o título pela primeira vez, não ouve disputa antes da revanche.

  • Fabrício B. Aguirre diz: 29 de dezembro de 2013

    Concordo com o Decio que o Anderson não veio determinado a buscar o nocaute.

  • Wanderley Bricatte Barros diz: 29 de dezembro de 2013

    É lamentável, ninguém queria que isso ocorresse, mas temos que dar os Parabéns ao Danna White e a organização do UFC até mesmo a Rede Globo/Combate e imprensa geral, não esconderam os fatos agiram com profissionalismo mantendo o público bem informado e de forma real, em outros tempos outras organizações diriam que esta tudo bem e tentariam abafar o máximo possível – Parabéns Danna e Canal Combate. E para aqueles que ficaram chocados é bom lembrar que outros esportes são muito mais perigosos ex.: Ciclismo, Automobilismo, paraquedismo e vejam o que ocorreu com o Schumaquer esquiando fratura na cabeça.

  • Wanderley diz: 29 de dezembro de 2013

    O Weidman merece reconhecimento ninguém vence 11 lutas somente por sorte, houve um trabalho duro por trás. Uma coisa que pouca gente percebeu é que ele vem usando golpes traumáticos nos pontos vitais do Ninjitsu e Jiu Jitsu. Na primeira luta o técnico do Weidman disse para socar o peito do AS: “…vai lá e abra um buraco no peito dele…” soco forte no peito é técnica do Ninjitsu dispara o coração fazendo funcionar desalternado, a pessoa fica grogue o que da tempo para tentar um nocaute. Já na 2ª luta ele deu um surdão nos tímpanos do AS que apagou e voltou isso tb da tempo para um nocaute definitivo e por fim qd o AS fazia guarda ele puxou a cabeça do AS contra o peito (Jiu Jitsu, provavelmente Renzo Gracie), isso força a servical provocando muita dor e detonando a coluna vertebral. Os próximos brasileiros: Belfort, Jacaré e Lyoto devem ficar atentos a essas técnicas traumáticas em pontos vitais.

Envie seu Comentário