Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts na categoria "destaque"

Anderson Silva e Mauricio Shogun serão os treinadores do TUF Brasil 4

29 de outubro de 2014 1
reprodução instragram Dana White

reprodução instagram Dana White

 

Anderson Silva e Mauricio Shogun serão os treinadores da 4ª Temporada do TUF Brasil que iniciará em Março de 2014.

Anderson é o maior de todos os tempos do UFC e tem compromisso no UFC 183 no dia 31 de janeiro contra Nick Diaz.

Por outro lado, Shogun já foi campeão dos dois maiores torneios da história: Pride e UFC. Tem compromisso no UFC no dia 08 de novembro contra Ovince Saint Preux em Uberlândia, Minas Gerais.

Ao contrário do que sempre acontece, o duelo entre os treinadores poderá não ocorrer, tendo em vista que os atletas fazem parte de categorias diferentes.

O TUF Brasil 4 será todo gravado em Las Vegas e contará com atletas brasileiros que tentam uma vaga para a disputada Temporada que promete repetir o sucesso das três anteriores.

 

Bookmark and Share

José Aldo é suspenso por 60 dias após o UFC 179

28 de outubro de 2014 1
José Aldo tentando defender a queda de Chad Mendes foto divulgação inovafoto

José Aldo tentando defender a queda de Chad Mendes foto divulgação inovafoto

A 179ª edição do UFC se deu na madrugada desse Domingo, diretamente do Maracanãzinho no Rio de Janeiro.

Caju Freitas fez, como de costume, uma cobertura ao vivo.

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Na luta principal, o campeão dos penas José Aldo defendeu o seu título pela sétima vez em uma revanche contra o norte-americano Chad Mendes ao vencer por decisão unânime, na melhor luta do ano.

As Comissões Atléticas Americanas e a brasileira, com o intuito de preservar a saúde dos lutadores, sempre divulgam o período que cada atleta fica proibido de subir no octógono para evitar prejuízos, nos casos de lesões sofridas durante o UFC.

O UFC é totalmente profissional e obriga que o atleta entre para lutar somente quando ele estiver 100%, demonstrando a total seriedade do esporte.

Por óbvio, se o atleta provar que está totalmente recuperado, a comissão poderá diminuir a suspensão (que visa unicamente a saúde do lutador).

Confira os atletas que tiveram suspensões médicas (por precaução):

José Aldo: 60 dias.
Chad Mendes: 60 dias.

Phil Davis: 180 dias ou até que a sua mão direita fique recuperada.
Glover Teixeira: 45 dias.

Fabio Maldonado: 30 dias.
Hans Stringer: 45 dias.

Darren Elkins: 45 dias.
Lucas Martins: 45 dias.

Beneil Dariush: 45 dias.
Carlos Diego Ferreira: 45 dias.

Neil Magny: 30 dias.
William Macario: 45 dias.

Yan Cabral: 14 dias.
Naoyuki Kotani: 30 dias.

Wilson Reis: 14 dias.
Scott Jorgensen: 180 dias ou até mostrar estar recuperado de uma fissura na costela.

Andre Fili: 30 dias.
Felipe Arantes: 30 dias.

Gilbert Burns: 14 dias.

Christos Giagos: 30 dias.

Tony Martin: 14 dias.
Fabricio Morango: 30 dias.

Bookmark and Share

UFC confirma Chris Weidman vs. Vitor Belfort em fevereiro

27 de outubro de 2014 0
Weidman vs Belfort  foto reprodução instagram

Weidman vs Belfort foto reprodução instagramUFC

Aquilo falado por aqui na manhã dessa segunda-feira acaba de se confirmar.

O campeão dos médios Chris Weidman defenderá o seu título contra  Vitor Belfort no UFC 184 no dia 28 de fevereiro no Staples Center em Los Angeles (EUA).

Weidman se recupera de uma lesão na mão sofrida no mês passado, razão do adiamento do combate que – inicialmente – seria no UFC 181 dia 06 de dezembro.

Siga no instagram com os bastidores do UFC: cajufreitas

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às segundas no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

A galeria de fotos do UFC 179 com José Aldo e Chad Mendes

26 de outubro de 2014 0

A 179ª edição do UFC se deu na madrugada desse Domingo, diretamente do Maracanãzinho no Rio de Janeiro, marcando a quinta edição fluminense.

Caju Freitas fez, como de costume, uma cobertura ao vivo.

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Na luta principal, o campeão dos penas José Aldo defendeu o seu título pela sétima vez em uma revanche contra o norte-americano Chad Mendes ao vencer por decisão unânime. Foi uma das melhores lutas dos últimos anos, em um embate emocionante e equilibrado. No primeiro encontro no UFC 142 em janeiro de 2012, Aldo também já tinha vencido.

Tudo sobre o UFC 179 aqui.

Confira a galeria de fotos:

José Aldo recebendo o seu Cinturão no UFC 179 foto divulgação inovafoto

José Aldo recebendo o seu Cinturão no UFC 179 foto divulgação inovafoto

:

José Aldo com o Cinturão após o UFC 179 foto divulgação inovafoto

José Aldo com o Cinturão após o UFC 179 foto divulgação inovafoto

Fabio Maldonado recebendo o apoio de Anderson Silva foto divulgação inovafoto

Fabio Maldonado recebendo o apoio de Anderson Silva foto divulgação inovafoto

Phil Davis (e) tentando derrubar Glover Teixeira foto inovafoto

Phil Davis (e) tentando derrubar Glover Teixeira foto inovafoto

José Aldo acertando Chad Mendes no UFC 179 foto Inovafoto divulgação

José Aldo acertando Chad Mendes no UFC 179 foto Inovafoto divulgação

José Aldo comemorando a vitória foto divulgação inovafoto

José Aldo comemorando a vitória foto divulgação inovafoto

José Aldo tentando defender a queda de Chad Mendes foto divulgação inovafoto

José Aldo tentando defender a queda de Chad Mendes foto divulgação inovafoto

 

Bookmark and Share

José Aldo vence Chad Mendes e mantém o Cinturão no UFC 179

26 de outubro de 2014 0
José Aldo com o seu cinturão foto wander roberto - ufc

José Aldo com o seu cinturão foto wander roberto – ufc

Aconteceu na madrugada desse Domingo o UFC 179, diretamente do Maracanãzinho no Rio de Janeiro, marcando a quinta edição  Carioca, com um ginásio completamente lotado, com cerca de 14 mil pessoas.

Caju Freitas fez, como de costume, uma cobertura ao vivo.

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Na luta principal, o campeão dos penas José Aldo defendeu o seu título pela sétima vez em uma revanche contra o norte-americano Chad Mendes. No primeiro encontro no UFC 142 em janeiro de 2012, Aldo venceu por nocaute.

O brasileiro entra e é ovacionado pelo público que lota a Arena, gritando o nome do campeão que entra completamente focado, com a sua tradicional equipe da Nova União, liderada por Dedé Pederneiras e Pedro Rizzo.

No 1º round, a luta começa em ritmo frenético com troca de golpes dos dois lados. Aldo acerta bons chutes baixos, enquanto Mendes trabalha golpes curtos com muita velocidade. Aldo acerta boa joelhada, com uma forte sequência e Mendes sente e cai. O brasileiro vai para cima, passa a guarda, monta e acerta golpes. O assalto acaba e Aldo acerta um jab e um direto mesmo assim e o americano quase é nocauteado.  10×9 Aldo.

No 2º round, Mendes troca a tática e agora tenta levar a luta para baixo. O Campeão mantém a distância na luta em pé, com bons jabs que afastam as investidas do desafiante.

No 3º round, a luta volta a ficar franca com golpes dos dois lados, com Aldo acertando bons chutes baixos. Mendes acerta dois bons ganchos. Assalto parelho.

No 4º round, o desafiante volta melhor, com boa movimentação, acertando bons cruzados que abrem um corte no olho esquerdo de Aldo. Mendes caminha dos maestria no octógono, apesar de estar perdendo o combate. Round de Chad Mendes.

No 5º round, Mendes encurta e consegue uma queda. O campeão consegue se levantar e a luta volta em pé. Aldo acerta uma joelhada e Mendes vai para trás, com o brasileiro tentando colocar os ganchos. O embate segue em pé. A trocação é franca e aberta. Que luta sensacional !!! Uma das melhores do ano. Aldo administra a luta.

No final, em uma das melhores lutas do ano (talvez a melhor), os jurados deram a vitória para José Aldo que Mantém o Cinturão dos penas do UFC pela sétima vez.

Futuro: José Aldo ainda não tem próximo desafiante definido.

Na segunda luta mais importante, o  brasileiro Glover Teixeira mediu forças com o norte-americano Phil Davis. O combate valeu pelos meio-pesados (até 93 kg), divisão liderada por Jon Jones.

No 1º round, Glover acerta boas combinações com jabs e cruzados. Davis tenta quedas que são bem defendidas pelo brasileiro. O americano insiste e alcalça uma boa queda e domina a luta nas costas de Glover que se defende como pode. Round com vantagem de Davis.

No 2º round, Davis logo consegue uma queda. Glover consegue ficar em pé, tenta uma sequência, mas é levado novamente para o solo (mesmo tentando encaixar uma guilhotina). O brazuca tenta aumentar o ritmo para tentar o nocaute, mas leva nova queda. Mais um round de Davis.

No 3º round, Phil Davis segue com a estratégia de encurtar e levar par ao solo, conseguindo com sucesso levar o combate para o chão, repetindo os assaltos anteriores. No final, Phil Davis é declarado como vencedor por unanimidade.

No card preliminar, Gilbert Durinho deu uma verdadeira aula de jiu-jitsu e acabou finalizando Christos Giagos com um arm-lock no assalto inaugural. Valeu pelos leves. O brasileiro contou com Vitor Belfort no seu córner.

Ainda, Yan Cabral mostrou estar na ponta dos cascos ao imprimir um forte ritmo tanto na trocação como no solo até encaixar um justo mata-leão que obrigou o japonês Naoyuki Kotani a desistir no 2º round

O card está recheado de brasileiros, assinalados abaixo.

Confira os resultados completos:

- José Aldo venceu Chad Mendes por decisão unânime (Título Penas);
- Phil Davis venceu Glover Teixeira por decisão unânime;
- Fabio Maldonado nocauteou Hans Stringer no 2º round;

- Darren Elkins venceu Lucas Mineiro Martins por decisão dividida;

- Beneil Dariush venceu Carlos Diego Ferreira por decisão unânime;

Lutas Preliminares

- Neil Magny nocauteou William Patolino no 3º round;
- Yan Cabral finalizou Naoyuki Kotani com um mata-leão no 2º round;

- Wilson Reis finalizou Scott Jorgensen com um katagatame no 1º round;

- Andre Fili venceu Felipe Sertanejo por decisão unânime;

- Gilbert Durinho Burns finalizou Christos Giagos com um arm-lock no 1º round;

- Tony Martin finalizou Fabricio Morango Camões com uma kimura no 1º round.

Bookmark and Share

José Aldo vence Chad Mendes e mantém o Cinturão no UFC 179

25 de outubro de 2014 6

Jose Aldo (e) e Chad Mendes foto Alexandre Loureiro - Inovafoto                              José Aldo (e) e Chad Mendes foto: Alexandre Loureiro – Inovafoto

Aconteceu na madrugada desse Domingo o UFC 179, diretamente do Maracanãzinho no Rio de Janeiro, marcando a quinta edição  Carioca, com um ginásio completamente lotado, com cerca de 14 mil pessoas.

Caju Freitas fez, como de costume, uma cobertura ao vivo.

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Na luta principal, o campeão dos penas José Aldo defendeu o seu título pela sétima vez em uma revanche contra o norte-americano Chad Mendes. No primeiro encontro no UFC 142 em janeiro de 2012, Aldo venceu por nocaute.

O brasileiro entra e é ovacionado pelo público que lota a Arena, gritando o nome do campeão que entra completamente focado, com a sua tradicional equipe da Nova União, liderada por Dedé Pederneiras e Pedro Rizzo.

No 1º round, a luta começa em ritmo frenético com troca de golpes dos dois lados. Aldo acerta bons chutes baixos, enquanto Mendes trabalha golpes curtos com muita velocidade. Aldo acerta boa joelhada, com uma forte sequência e Mendes sente e cai. O brasileiro vai para cima, passa a guarda, monta e acerta golpes. O assalto acaba e Aldo acerta um jab e um direto mesmo assim e o americano quase é nocauteado.  10×9 Aldo.

No 2º round, Mendes troca a tática e agora tenta levar a luta para baixo. O Campeão mantém a distância na luta em pé, com bons jabs que afastam as investidas do desafiante.

No 3º round, a luta volta a ficar franca com golpes dos dois lados, com Aldo acertando bons chutes baixos. Mendes acerta dois bons ganchos. Assalto parelho.

No 4º round, o desafiante volta melhor, com boa movimentação, acertando bons cruzados que abrem um corte no olho esquerdo de Aldo. Mendes caminha dos maestria no octógono, apesar de estar perdendo o combate. Round de Chad Mendes.

No 5º round, Mendes encurta e consegue uma queda. O campeão consegue se levantar e a luta volta em pé. Aldo acerta uma joelhada e Mendes vai para trás, com o brasileiro tentando colocar os ganchos. O embate segue em pé. A trocação é franca e aberta. Que luta sensacional. Uma das melhores do ano ! Aldo administra a luta. No final, os jurados deram a vitória para José Aldo que Mantém o Cinturão dos penas do UFC pela sétima vez.

Na segunda luta mais importante, o  brasileiro Glover Teixeira mediu forças com o norte-americano Phil Davis. O combate valeu pelos meio-pesados (até 93 kg), divisão liderada por Jon Jones.

No 1º round, Glover acerta boas combinações com jabs e cruzados. Davis tenta quedas que são bem defendidas pelo brasileiro. O americano insiste e alcalça uma boa queda e domina a luta nas costas de Glover que se defende como pode. Round com vantagem de Davis.

No 2º round, Davis logo consegue uma queda. Glover consegue ficar em pé, tenta uma sequência, mas é levado novamente para o solo (mesmo tentando encaixar uma guilhotina). O brazuca tenta aumentar o ritmo para tentar o nocaute, mas leva nova queda. Mais um round de Davis.

No 3º round, Phil Davis segue com a estratégia de encurtar e levar par ao solo, conseguindo com sucesso levar o combate para o chão, repetindo os assaltos anteriores. No final, Phil Davis é declarado como vencedor por unanimidade.

No card preliminar, Gilbert Durinho deu uma verdadeira aula de jiu-jitsu e acabou finalizando Christos Giagos com um arm-lock no assalto inaugural. Valeu pelos leves. O brasileiro contou com Vitor Belfort no seu córner.

Ainda, Yan Cabral mostrou estar na ponta dos cascos ao imprimir um forte ritmo tanto na trocação como no solo até encaixar um justo mata-leão que obrigou o japonês Naoyuki Kotani a desistir no 2º round

.O card está recheado de brasileiros, assinalados abaixo.

Confira os resultados completos:

- José Aldo venceu Chad Mendes por decisão unânime (Título Penas);
- Phil Davis venceu Glover Teixeira por decisão unânime;
- Fabio Maldonado nocauteou Hans Stringer no 2º round;

- Darren Elkins venceu Lucas Mineiro Martins por decisão dividida;

- Beneil Dariush venceu Carlos Diego Ferreira por decisão unânime;

Lutas Preliminares

- Neil Magny nocauteou William Patolino no 3º round;
- Yan Cabral finalizou Naoyuki Kotani com um mata-leão no 2º round;

- Wilson Reis finalizou Scott Jorgensen com um katagatame no 1º round;

- Andre Fili venceu Felipe Sertanejo por decisão unânime;

- Gilbert Durinho Burns finalizou Christos Giagos com um arm-lock no 1º round;

- Tony Martin finalizou Fabricio Morango Camões com uma kimura no 1º round.

Bookmark and Share

UFC 179 ao vivo hoje com José Aldo vs. Chad Mendes 2

25 de outubro de 2014 0
divulgação

divulgação

O UFC 179 será neste sábado, diretamente do Maracanãzinho no Rio de Janeiro, marcando a quinta edição na Cidade Maravilhosa.

Acompanhe por aqui uma cobertura ao vivo, com os duelos preliminares iniciando por volta das 19:00hs (horário de Brasília).

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Na luta principal, o campeão dos penas José Aldo defenderá o seu título pela sétima vez em uma revanche contra o norte-americano Chad Mendes. No primeiro encontro no UFC 142 em janeiro de 2012, Aldo venceu por nocaute.

Aldo tem um cartel com 24 vitórias e uma derrota. Na sua última luta, no dia 01º de fevereiro de 2014 superou Ricardo Lamas por decisão unânime. Não perde desde o dia 26 de novembro de 2005.

Já Mendes carrega 16 vitórias e uma derrota (para Aldo) vindo de cinco êxitos consecutivos.

Na segunda luta mais importante, o  brasileiro Glover Teixeira medirá forças com o norte-americano Phil Davis. O combate valerá pelos meio-pesados (até 93 kg), divisão liderada por Jon Jones.

Glover tem 22 vitórias e 3 derrotas, vindo de revés para Jon Jones no UFc 172 no dia 26 de abril, ocasião em que detinha o posto de desafiante ao Cinturão.

Por outro lado, Davis ostenta 12 vitórias, 2 derrotas e um N/C (sem resultado). No último combate, o “Mr. Wonderful” foi superado por seu compatriota Anthony Johnson também no UFC 172.

O card está recheado de brasileiros, assinalados abaixo.

Vídeo com a análise das lutas aqui.

Confira o card, sujeito a alterações:

- José Aldo vs. Chad Mendes (Título Penas);
- Phil Davis vs. Glover Teixeira;
- Fabio Maldonado vs. Hans Stringer;

- Darren Elkins vs. Lucas Mineiro Martins;

- Beneil Dariush vs. Carlos Diego Ferreira;

Lutas Preliminares

- William Patolino vs. Neil Magny;
- Yan Cabral vs. Naoyuki Kotani;

- Scott Jorgensen vs. Wilson Reis;

- Felipe Sertanejo Arantes vs. Andre Fili;

- Gilbert Durinho Burns vs. Christos Giagos;

- Fabricio Morango Camões vs. Tony Martin.

 

 

Bookmark and Share

Divulgado o novo cartaz do UFC 180 com Werdum vs. Hunt

24 de outubro de 2014 0
divulgação

divulgação

O UFC 180 acaba de divulgar o seu novo pôster, no show que será no dia 15 de novembro na Arena México na cidade do México.

Na luta principal, Fabricio Werdum medirá forças com o neozelandês Mark Hunt, em um confronto que valerá o Cinturão Interino dos pesos pesados. O vencedor enfrentará Cain Velasquez, real campeão que se recupera de uma lesão no joelho sofrida na última terça.

Aliás, Diego Sanchez também machucou o joelho e a luta com Joe Lauzon – que seria no card principal – acabou sendo cancelada.

Bookmark and Share

Conheça a ordem as lutas do UFC no Rio de Janeiro deste sabado

22 de outubro de 2014 0
Jose Aldo e Chad Mendes  na luta do ufc 142 foto foto wander roberto - ufc

Jose Aldo e Chad Mendes na luta do ufc 142 foto foto wander roberto – ufc

O UFC 179 será neste sábado, diretamente do Maracanãzinho no Rio de Janeiro.

Acompanhe por aqui uma cobertura ao vivo, com os duelos preliminares iniciando por volta das 19:00hs (horário de Brasília).

Siga também no Instagram e Twitter: cajufreitas

Na luta principal, o campeão dos penas José Aldo defenderá o seu título pela sétima vez em uma revanche contra o norte-americano Chad Mendes. No primeiro encontro no UFC 142 em janeiro de 2012, Aldo venceu por nocaute.

Na segunda luta mais importante, o  brasileiro Glover Teixeira medirá forças com o norte-americano Phil Davis. O combate valerá pelos meio-pesados (até 93 kg), divisão liderada por Jon Jones.

Acaba de ser confirmada a ordem as lutas, confira abaixo.

Confira o card, sujeito a alterações:

- José Aldo vs. Chad Mendes (Título Penas);
- Phil Davis vs. Glover Teixeira;
- Fabio Maldonado vs. Hans Stringer;

- Darren Elkins vs. Lucas Mineiro Martins;

- Beneil Dariush vs. Carlos Diego Ferreira;

Lutas Preliminares

- William Patolino vs. Neil Magny;
- Yan Cabral vs. Naoyuki Kotani;

- Scott Jorgensen vs. Wilson Reis;

- Felipe Sertanejo Arantes vs. Andre Fili;

- Gilbert Durinho Burns vs. Christos Giagos;

- Fabricio Morango Camões vs. Josh Shockley.

Bookmark and Share

BOMBA: Cain Velasquez se machuca e Werdum tem novo adversário

21 de outubro de 2014 6
Werdum tem novo oponente no UFC 180 foto: Gaspar Nóbrega UFC

Werdum tem novo oponente no UFC 180 foto: Gaspar Nóbrega UFC

O campeão Cain Velasquez machucou o joelho nessa terça-feira e foi retirado do UFC 180 no dia 15 de novembro, onde defenderia o seu título contra o desafiante Fabricio Werdum.

Agora, o neozelandês Mark Hunt substitui o campeão e encara o gaúcho pelo título interino dos pesados.

O UFC 180 será no dia 15 de novembro na Cidade do México, marcando a primeira edição em solo mexicano.

O título dos pesados fica muito mais perto do Brasil, já que não se compara a qualidade do espetacular Velasquez com a do irregular e bom trocador Mark Hunt (10 vitórias, 8 derrotas e 1 N/C).

Werdum tem tudo para utilizar o seu jiu-jitsu como caminho para a conquista do Cinturão.

Bookmark and Share