Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "ufc 145 como foi"

AO VIVO: a coletiva do UFC 146 deste sábado

24 de maio de 2012 0

Neste sábado ocorrerá o UFC 146, diretamente do MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos.

Acompanhe ao vivo por aqui, com os duelos preliminares começando por volta das 18:00hs (horário de Brasília).

>>> siga também no  twitter  <<<

Na luta principal do evento, Junior Cigano colocará pela primeira vez o seu cinturão dos pesados em disputa contra o perigoso americano Frank Mir.

O UFC 146 também contará com brasileiros Antônio Pezão, Edson Barboza, Glover Teixeira e Diego Brandão.

Todos os detalhes do UFC aqui.

Confira a coletiva do UFC (por volta das 15hs):


Bookmark and Share

Ingressos do UFC 147 no Brasil a partir de hoje

24 de maio de 2012 0

O UFC 147 será no  dia 23 de junho no Mineirinho, em Belo Horizonte e os ingressos estarão disponíveis a partir das 20hs desta quinta-feira através do site www.ticketsforfun.com.br.

Os ingressos estarão divididos pelos setores: arquibancada (R$ 220 / R$ 110 – meia-entrada), cadeira especial (R$ 450 / R$ 225 – meia-entrada), cadeira premium (R$ 700 / R$ 350 – meia-entrada), octógono (R$ 700 / R$ 350 – meia entrada) e octógono premium (R$ 1.200 / 600 – meia entrada).

Os fãs poderão comprar quatro ingressos por CPF, sendo somente um de meia-entrada. Haverá uma taxa de entrega de R$ 45 por compra – independente do número de ingressos adquiridos – caso deseje receber em casa.

Terão direito à meia-entrada todos os brasileiros estudantes (ensino fundamental, médio e superior da rede pública e particular), idosos com idade igual ou superior a 60 anos, professores da Rede Pública Estadual e Municipal, aposentados, menores de 21. No caso de estrangeiros, somente terão direito ao benefício da meia-entrada se estiverem matriculados em alguma instituição de ensino do Brasil.

Aliás, a edição marcará a quarta vez que o UFC pisará no País – UFC 17.5 em São Paulo dia 16 de outubro de 1998, UFC 134 no Rio de Janeiro em 27 de agosto de 2011 e o UFC 142 também no Rio no dia 14 de janeiro de 2012.

O Show  terá como luta principal a revanche entre Vitor Belfort e Wanderlei Silva, atuais técnicos do TUF Brasil, além das finais da temporada.

Siga no twitter @cajufreitas

Confira o card provisório do evento, sujeito a alterações:

-  Vitor Belfort vs. Wanderlei Silva;

- Fabricio Werdum vs. Mike Russow;

- Miltinho Vieira vs. Felipe Sertanejo;

- Yuri Marajó Alcantara vs. Hacran Dias;

- Finalista 1 x finalista 2 do peso médio TUF;

- Finalista 1 x finalista 2 do peso pena TUF.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

UFC 146: duelo Cain Velasquez vs. Antonio Pezão

23 de maio de 2012 0

Neste sábado ocorrerá o UFC 146, diretamente do MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos.

Acompanhe ao vivo por aqui, com os duelos preliminares começando por volta das 18:00hs (horário de Brasília).

>>> siga também no  twitter  <<<

Na luta principal do evento, Junior Cigano colocará pela primeira vez o seu cinturão dos pesados em disputa contra o perigoso americano Frank Mir.

O UFC 146 também contará com brasileiros Antônio Pezão, Edson Barboza, Glover Teixeira e Diego Brandão.

Acompanhe a análise dos principais combates por aqui até a data do evento.

Cain Velasquez vs. Antônio Pezão

Na segunda mais importante, Antônio Pezão duelará com o americano e ex-campeão Cain Velasquez, em outro combate válido pela categoria dos pesados.

Pezão ostenta 16 vitória e 3 derrotas, vindo de nocaute sofrido para o americano Daniel Cormier na semifinal torneio do Strikeforce no dia 10 de setembro de 2011.

O brazuca já lutou e venceu grandes nomes como Andrei Arlovski, Fedor Emelianenko e Ricco Rodrigues. Aliás, as outras duas derrotas da carreira de Pezão aconteceram para Fabricio Werdum e Eric Pelé.

No outro lado, Velasquez perdeu o seu título no seu último compromisso, ao ser nocauteado por Cigano no dia 12 de novembro, conhecendo o sabor da primeira derrota da carreira que apresenta 9 ótimas vitórias.

O fator determinante da luta será o preparo físico de Velasquez. Ora, se o americano se mostrar totalmente recuperado tanto da derrota para Cigano, quanto da lesão no ombro poderá vencer o combate.

Velasquez possui uma trocação excelente, um wresting de altíssimo nível, mas um jiu-jitsu fraco.

Aliás, das 9 vitórias de Cain Velasquez, 8 foram por nocaute, excetuando-se o francês Cheick Kongo que aguentou até o final dos três rounds no UFC 99 no dia 13 de junho de 2009. A tática de Velasquez deverá ser o nocaute ou a tentativa de colocar Pezão para o solo, trabalhando golpes no famoso “ground-and-pound” que consiste em golpear de cima para baixo o oponente (basicamente da guarda).

Lembrando que a única queda que Velasquez levou no UFC ocorreu contra Brock Lesnar no UFC 121 em outubro de 2010, demonstrando uma tremenda qualidade de seu wresting.

Já Pezão é um lutador completo, mostrando um jiu-jitsu absoluto, uma trocação apurada, além de boas quedas.

Das 16 vitórias do tupiniquim, 11 se deram por nocaute, 3 por finalização e 2 por decisão.

O maior cuidado de Pezão será em não chutar o seu oponente, com o intuito de evitar possíveis quedas do excelente wrestrer que é Cain Velasquez.

No fim das contas, a luta deverá ser na trocação, mas se Pezão sentir que está levando desvantagem, terá a ingrata tarefa de levar a luta par ao solo.

Sendo assim, em um embate muito parelho, o condicioamento físico será o determinante, pois se Velasquez se apresentar 100% poderá vencer por nocaute.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Ingressos do UFC em BH nesta quinta-feira

23 de maio de 2012 0

O UFC 147 será no  dia 23 de junho no Mineirinho, em Belo Horizonte e os ingressos estarão disponíveis a partir das 20hs desta quinta-feira através do site www.ticketsforfun.com.br.

Os ingressos estarão divididos pelos setores: arquibancada (R$ 220 / R$ 110 – meia-entrada), cadeira especial (R$ 450 / R$ 225 – meia-entrada), cadeira premium (R$ 700 / R$ 350 – meia-entrada), octógono (R$ 700 / R$ 350 – meia entrada) e octógono premium (R$ 1.200 / 600 – meia entrada).

Os fãs poderão comprar quatro ingressos por CPF, sendo somente um de meia-entrada. Haverá uma taxa de entrega de R$ 45 por compra – independente do número de ingressos adquiridos – caso deseje receber em casa.

Terão direito à meia-entrada todos os brasileiros estudantes (ensino fundamental, médio e superior da rede pública e particular), idosos com idade igual ou superior a 60 anos, professores da Rede Pública Estadual e Municipal, aposentados, menores de 21. No caso de estrangeiros, somente terão direito ao benefício da meia-entrada se estiverem matriculados em alguma instituição de ensino do Brasil.

Aliás, a edição marcará a quarta vez que o UFC pisará no País – UFC 17.5 em São Paulo dia 16 de outubro de 1998, UFC 134 no Rio de Janeiro em 27 de agosto de 2011 e o UFC 142 também no Rio no dia 14 de janeiro de 2012.

O Show  terá como luta principal a revanche entre Vitor Belfort e Wanderlei Silva, atuais técnicos do TUF Brasil, além das finais da temporada.

Siga no twitter @cajufreitas

Confira o card provisório do evento, sujeito a alterações:

-  Vitor Belfort vs. Wanderlei Silva;

- Fabricio Werdum vs. Mike Russow;

- Miltinho Vieira vs. Felipe Sertanejo;

- Yuri Marajó Alcantara vs. Hacran Dias;

- Finalista 1 x finalista 2 do peso médio TUF;

- Finalista 1 x finalista 2 do peso pena TUF.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

UFC 146 ao vivo sábado com Cigano defendendo título

23 de maio de 2012 0


Neste sábado ocorrerá o UFC 146, diretamente do MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos, com um brasileiro defendendo o seu reinado no maior show de lutas do Planeta.

Acompanhe aqui uma cobertura em tempo real, com os duelos preliminares começando por volta das 18:00hs (horário de Brasília).

>>> siga também no  twitter  <<<

Na luta principal do evento, Junior Cigano colocará pela primeira vez o seu cinturão dos pesos pesados em disputa contra o perigoso americano Frank Mir.

Cigano tem 14 êxitos e apenas uma derrota na carreira, vindo da conquista do título ao nocautear o americano Cain Velasquez no dia 12 de novembro.

Mir, por sua vez, também já foi campeão dos pesados no UFC 48 e no UFC 92 e apresenta 16 triunfos e 5 fracassos, vindo de finalização sobre Minotauro no UFC 140 em dezembro.

Cigano é um fenômeno e já lutou e venceu oito vezes no UFC, tendo o boxe como a principal arma. Tem uma excelente movimentação de pernas e a trocação mais temida do esporte. Mir, por outra lado, tem a luta de solo como principal especialidade, sendo faixa preta de jiu-jitsu. Aliás, todas as cinco derrotas de Mir foram por nocaute. Cigano é o favorito e deverá vencer por nocaute.

O UFC 146 também contará com brasileiros Antônio Pezão, Edson Barboza, Glover Teixeira e Diego Brandão.

Na segunda mais importante, Antônio Pezão duelará com o americano e ex-campeão Cain Velasquez, em outro combate válido pela categoria dos pesados.

Pezão ostenta 16 vitória e 3 derrotas, vindo de nocaute sofrido para o americano Daniel Cormier na semifinal torneio dos pesados do Strikeforce no dia 10 de setembro de 2011.

No outro lado, Velasquez perdeu o seu título no seu último compromisso, ao ser nocauteado por Cigano no dia 12 de novembro, conhecendo o sabor da primeira derrota da carreira que apresenta 9 ótimas vitórias.

Nas lutas preliminares, o tupiniquim e vencedor da 14ª temporada do reality show “the Ultimate Fighter” Diego Brandão – 14 vitórias e 7 derrotas -  duelará com o americano Darren Elkins – que tem 13 triunfos e 2 derrotas – pela categoria dos penas (até 66kg), onde José Aldo detém o cinturão.

Também nas preliminares, o verde-amarelo Glover Teixeira, um dos maiores trocadores do momento, agora fará sua estreia no UFC e pegará o americano Kyle Kingsbury pela categoria dos meio-pesados (até 93 kg), dominada hoje em dia por Jon Jones. Destaca-se a grande promessa que é Glover Teixeira que leva um respeitável cartel com 17 vitórias e duas derrotas, sendo que irá tentar a 16ª vitória consecutiva na carreira.

O quinto verde-amarelo será Edson Barboza que confrontará com o americano Jamie Varner na última batalha preliminar, válida pela divisão dos leves (até 70kg), onde o americano Ben Henderson  é o atual campeão. O brazuca está invicto no MMA com 10 triunfos e em seu último compromisso nocauteou o inglês Terry Etim com um espetacular chute rodado no UFC 142 no dia 14 de janeiro  de 2012.  Já Varner mostra um cartel com 19 vitórias, 6 fracassos, 1 empate e 2 N/C (sem resultado).

O UFC 146 será marcado como o primeiro da história a ter o card principal  somente com embates entre pesados.

Confira o card do evento, sujeito a alterações:

Junior Cigano dos Santos vs. Frank Mir (pelo título dos pesados);

- Antonio Pezão Silva vs. Cain Velasquez;

- Dave Herman vs. Roy Nelson;

- Shane Del Rosario vs. Stipe Miocic;

- Mark Hunt vs. Stefan Struve;

Lutas Preliminares

Diego Brandão vs. Darren Elkins;

- Edson Barboza vs. Jamie Varner;

- C.B. Dollaway vs. Jason Miller;

- Paul Sass vs. Jacob Volkmann;

- Dan Hardy vs. Duane Ludwig

- Kyle Kingsbury vs. Glover Teixeira;

- Mike Brown vs. Daniel Pineda.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.


Bookmark and Share

UFC 146: duelo Edson Barboza vs. Jamie Varner

22 de maio de 2012 0

Neste sábado ocorrerá o UFC 146, diretamente do MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos.

Acompanhe ao vivo por aqui aqui, com os duelos preliminares começando por volta das 18:00hs (horário de Brasília).

>>> siga também no  twitter  <<<

Na luta principal do evento, Junior Cigano colocará pela primeira vez o seu cinturão dos pesos pesados em disputa contra o perigoso americano Frank Mir.

O UFC 146 também contará com brasileiros Antônio Pezão, Edson Barboza, Glover Teixeira e Diego Brandão.

Acompanhe a análise dos principais combates por aqui até a data do evento.

Edson Barboza vs. Jamie Varner

Edson Barboza confrontará com o americano Jamie Varner, em uma batalha válida pela divisão dos leves (até 70kg), onde o americano Ben Henderson  é o atual campeão.

O brazuca está invicto no MMA com 10 triunfos e em seu último compromisso nocauteou o inglês Terry Etim com um espetacular chute rodado no UFC 142 no dia 14 de janeiro  de 2012.

Já Varner mostra um cartel com 19 vitórias, 6 fracassos, 1 empate e 2 N/C (sem resultado).

A vantagem é completa do brasileiro que é uma grande aposta na divisão dos leves.

Ora, Edson Barboza é um maiores nomes do Muay Thai no MMA no momento, com mãos rápidas, chutes potentes e joelhadas avassaladoras, sendo que irá fazer o seu quinto combate no UFC.

Barboza leva como principal arma o seu chute baixo com a perna direita, temido por seus oponentes.

Jamie, por outro lado, agora volta ao UFC, após uma rápida passagem em 2007. Posteriormente, lutou no WEC e em eventos de menor quilate, mas apresenta um wresting de alto nível e um boxe alinhado.

Se a luta se desenvolver em pé, o brasileiro deverá conseguir o nocaute. A tática do americano deverá consistir em fintar uma trocação e tentar levar a luta para o solo e tentar vencer com golpes da guarda ou da meia-guarda, quem sabe até mesmo por pontos. A grande curiosidade se prende ao fato de Jamie nunca ter sido nocauteado.

A estratégia de Barboza deverá consistir em manter a luta em pé, onde é tremendamente superior.

Sendo assim, o americano terá a ingrata e árdua tarefa de tentar levar a luta para o chão, onde conhece razoavelmente bem o jiu-jitsu, tendo em vista que se a luta se mantiver em pé, a vantagem será completamente de Edson Barboza.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Os treinos de Cigano para sábado no UFC 146

22 de maio de 2012 2

O UFC 146 será no sábado no MGM Grand Garden Arena em Las Vegas e a luta principal será a disputa do cinturão dos pesados, onde o brasileiro campeão Junior Cigano lutará contra o desafiante Frank Mir.

O Brasil ainda estará representado por Antônio Pezão, Edson Barboza, Glover Teixeira e Diego Brandão.

Tudo sobre o UFC 146 aqui.

Siga no twitter @cajufreitas

Confira abaixo a primeira parte dos bastidores do treinamento de Cigano até chegar ao cinturão:

Bookmark and Share

Barão poderá ser o 11º brasileiro a vencer o UFC

22 de maio de 2012 0

O brasileiro Renan Barão foi confirmado na disputa do título interino dos galos (até 61kg), em uma luta contra o americano Urijah Faber no UFC 148 no dia 07 de julho.

Vale lembar que o atual campeão da divisão é o americano Dominick Cruz que colocaria o seu cinturão em disputa no mesmo UFC 148. Todavia, lesionou o seu joelho e foi retirado do evento.

De mais a mais, Renan Barão terá a chance de se tornar o 11º brasileiro a conquistar o cinturão do UFC.

Em todas as edições do UFC que teve sua estreia no dia 12 de novembro de 1993, em Denver, Colorado, Estados Unidos somente dez brasileiros alcançaram oficialmente o título do evento.

O UFC detém oito categorias de peso (até 57kg, até 61 kg, até 66kg, até 70kg, até 77kg, até 84 kg, até 93kg e acima de 93kg). O Brasil detém três campeões atualmente: Anderson Silva (até 84kg), José Aldo (até 66kg) e Junior Cigano (acima de 93 kg).

Siga no twitter @cajufreitas

Agora conheça os componentes do seleto grupo dos brazucas que são ou já foram donos do cinturão do UFC (na ordem):

1- ROYCE GRACIE

- Campeão do UFC 1 (lutou 3 vezes na mesma noite);

- Campeão do UFC 2, em 11 de março de 1994 (lutou 4 vezes na mesma noite);

- Campeão do UFC 4, em 16 de dezembro de 1994 (lutou 3 vezes na mesma noite, sendo que na final finalizou com um trângulo o lendário Dan Severn, com pouco menos de 16 min de luta).

2 – MARCO RUAS

- Campeão do UFC 7, em 08 de setembro de 1995 (foram 3 combates no mesmo dia, sendo que naquela época as lutas não tinham tempo definido, tampouco categoria de peso);

3- VITOR BELFORT

- Campeão do UFC 12 dos pesos pesados (acima de 93 kg), em 07 de fevereiro de 1997 (duelou em 2 oportunidades naquela noite; todavia, já existia categoria de peso);

- Campeão do UFC 46 dos meio pesados (até 93kg), em 31 de janeiro de 2004 vencendo Randy Couture por interrupção médica (corte no olho) no final do 1º round;

4- MURILO BUSTAMANTE

- Campeão do UFC 35 dos pesos médios (até 84kg), em 11 de janeiro de 2002 derrotando Dave Menne por nocaute aos 44 segundos do 2º round;

5- ANDERSON SILVA

- Campeão do UFC 64 dos pesos médios (até 84kg), em 14 de outubro de 2006 nocauteando Rich Franklin aos 3 min do 1º round;

Observa-se que Anderson permanece Campeão da categoria até 84kg até hoje vencendo todas as defesas de Cinturão, sendo difícil conseguir adversário para o brasileiro, tamanha a sua supremacia.

6- RODRIGO MINOTAURO NOGUEIRA

- Campeão interino no UFC 81 dos pesos pesados (acima de 93kg), em 02 de fevereiro de 2008, finalizando o gigante Tim Sylvia com uma gilhotina no 3º round;

7- LYOTO MACHIDA

- Campeão do UFC 98 dos meio pesados (até 93kg). em 23 de maio de 2009, nocauteando Rashad Evans do 2º round;

8 – MAURICIO SHOGUN RUA

- Campeão do UFC 113 dos meio pesados (até 93 kg), no dia 08 de maio de 2010, nocauteando o brasileiro Lyoto Machida no 1º round.

9 – JOSÉ ALDO

– É Campeão do peso pena do extinto WEC que se uniu ao UFC, com todos os atletas fazendo parte do maior evento de MMA do Mundo. Com a união, o brasileiro passou a ser campeão da nova categoria até 66kg  do UFC.

O WEC (World Extreme Cagefighting) era o maior evento do mundo no que se referia a lutadores com peso igual ou inferior a 70kg.

O brazuca defendeu com sucesso o seu título no UFC 142 dia 14 de janeiro no Rio de Janeiro, onde nocauteou o norte-americano Chad Mendes no 1º round.

10 – JUNIOR CIGANO DOS SANTOS

- É o atual campeão dos pesados, título que conquistou ao nocauterar o americano Cain Velasquez em apenas 64 segundos no dia 12 de novembro de 2011 no UFC on Fox 1.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Os salários dos lutadores do Strikeforce

21 de maio de 2012 0

Aconteceu na madrugada do último domingo mais uma edição do Strikeforce, segundo maior do MMA, comprado pelo UFC em 2011.

O evento foi realizado no HP Pavilion em San Jose, Estados Unidos e teve a disputa de dois títulos.

Siga no twitter @cajufreitas

Na luta principal da noite, os americanos Josh Barnet e Daniel Cormier lutaram na grande final do torneio dos pesados (acima de 93 kg) e Cormier levou a melhor, faturando o título.

Na segunda luta mais importante, o americano Gilbert Melendez defendeu com sucesso o seu cinturão dos leves (até 70kg) ao vencer o seu compatriota Josh Thomson por decisão dividida.

O Brasil estava representado por Rafael Feijão, Guto Inocente, Gesias Cavalcante e Yuri Villeforte.

A organização do Strikeforce divulgou a importância que cada atleta recebeu para lutar no evento, lembrando que os atletas podem faturar ainda mais com valores de patrocinadores, bem como, em alguns casos, levar participação no PPV (pay-per-view) comercializado pelo UFC.

Confira o valor das bolsas (salientando que os valores abaixo são expressos em dólares):

- Daniel Cormier: $100,000.

- Josh Barnett: $200,000.

- Gilbert Melendez: $175,000.

- Josh Thomson: $90,000.

- Rafael “Feijão: $66,000.

- Mike Kyle: $25,000.

- Chris Spang: $12,000.

- Nah-Shon Burrell: $7,000.

- Isaac Vallie-Flagg: $6,000.

- Gesias Cavalcante: $18,000.

- Guto Inocente: $4,000.

- Virgil Zwicker: $3,000.

- Gian Villante: $24,000.

- Derrick Mehman: $3,000.

- Quinn Mulhern: $12,000.

- Yuri Villefort: $2,500.

- Bobby Green: $12,000.

-  James Terry: $9,000.

Relembre a cobertura completa aqui.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas na Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share

Cigano deverá manter o seu cinturão no sábado

21 de maio de 2012 0

No sábado, o catarinense Junior Cigano colocará o seu cinturão dos pesos pesados em disputa contra o perigoso americano Frank Mir. A batalha será a luta principal do UFC 146 no MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos.

Junior Cigano ostenta 14 êxitos e apenas uma derrota na carreira, vindo da conquista do título ao nocautear o americano Cain Velasquez no dia 12 de novembro, na maior audiência da história do MMA e do UFC.  Já Mir – que também já foi campeão do UFC – apresenta 16 triunfos e 5 fracassos, vindo de finalização com uma kimura sobre Minotauro no UFC 140 no dia 10 de dezembro de 2011.

Segundo a agência americana Betus, Cigano é o grande favorito.

De acordo com as apostas (que variam diariamente), o campeão está  “- 550 ″, ou seja, o apostador que acreditar no brazuca terá de dembolsar 550 dólares e no caso de vitória, receberá 100 dólares e mais os 550 dólares apostados.

Já Mir é  ” zebra” e está ” +375″ ou seja, o apostador que acreditar no ex-campeão do UFC receberá 375 dólares a cada 100 dólares apostados, em caso de vitória.

As apostas são feitas diariamente e poderão variar o favorito de cada luta.

” Acompanhe também Caju Freitas sempre às quintas no jornal Zero Hora, aos sábados 20hs na Rádio Atlântida e com drops diários, às terças no TVCom Esportes e aos sábados no RBS Esporte”.

Bookmark and Share