clicRBS
Nova busca - outros
21 jan15:39

Maquinário da prefeitura de Três de Maio se concentra na abertura de bebedouros e valas de silagem

A escassez de água para consumo humano e para a criação de animais, além do montante estimado de R$ 18 milhões de prejuízo no setor primário, levou o prefeito Olívio José Casali a anunciar o decreto de situação de emergência em Três de Maio na semana passada. Desde então diversas estratégias são adotadas para amenizar os efeitos da seca no município.

A Secretaria de Obras, Transporte e Viação de Três de Maio, paralisou temporariamente as atividades de recuperação das estradas no interior para ceder o maquinário à Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, que está realizando serviços emergenciais para os agricultores, como abertura de bebedouros e valas para silagem.

Segundo o secretário de Agricultura Valdir Ortiz até o momento foram realizadas cerca de 200 valas e abertos mais de 120 bebedouros para animais. O caminhão pipa da prefeitura está realizando o abastecimento de água de moradores nos distritos de Progresso e Barrinha.

Por

Comentários