clicRBS
Nova busca - outros
05 jun11:25

Mesmo com estiagem, RS tem 12,3% da produção agrícola do Brasil, diz IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou na manhã desta segunda-feira os resultados da safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas. Os dados indicam produção da ordem de 160,3 milhões de toneladas, superior em 0,1% à obtida em 2011 (160,1 milhões de toneladas) e 0,6% maior do que a estimativa de abril. É o que indica a quinta estimativa do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) em 2011.

A área a ser colhida em 2012, de 49,9 milhões de hectares, apresenta acréscimo de 2,5% frente à área colhida em 2011 e 0,7% menor frente ao mês anterior.

As três principais culturas (arroz, milho e soja), que somadas representam 91,0% da produção de cereais, leguminosas e oleaginosas respondem por 84,6% da área a ser colhida. Em relação ao ano anterior, o arroz apresenta uma redução na área de 11,9%, o milho, acréscimo de 12,4% e a soja, acréscimo de 3,3%. Em relação à produção, o arroz mostra redução de 13,5%, o milho, aumento de 21,7% e a soja, redução de 12,4%.

Comparativamente à safra passada, são constatados incrementos nas Regiões Norte de 4,6%, Sudeste de 8,2% e Centro-Oeste de 17,8% e decréscimos nas Regiões Sul de 16,0% e Nordeste de 3,5%. O Mato Grosso lidera como maior produtor nacional de grãos, com uma participação de 23,6%, seguido pelo Paraná, com 19,5% e Rio Grande do Sul, com 12,3%, estados estes que somados representam 55,4% do total nacional.

Estimativa de maio em relação à produção obtida em 2011

Entre os 26 produtos selecionados, 13 apresentam variação positiva na estimativa de produção em relação ao ano anterior: algodão herbáceo em caroço (4,6%), aveia em grão (10,7%), batata-inglesa 3ª safra (3,9%), café em grão – arábica (16,3%), café em grão – canephora (6,1%), cana-de-açúcar (4,2%), cebola (1,5%), cevada em grão (11,2%), feijão em grão 2ª safra (26,1%), laranja (0,1%),mandioca (1,2%), milho em grão 2ª safra (55,7%) e triticale em grão (5,6%).

Com variação negativa são 13 produtos: amendoim em casca 1ª safra (4,6%), amendoim em casca 2ª safra (6,0%), arroz em casca (13,5%), batata-inglesa 1ª safra (5,9%), batata-inglesa 2ª safra (3,2%), cacau em amêndoa (2,2%), feijão em grão 1ª safra (31,9%), feijão em grão 3ª safra (5,4%), mamona em baga (57,9%), milho em grão 1ª safra (0,2%), soja em grão (12,4%), sorgo em grão (7,2%) e trigo em grão (10,9%).

Os próximos levantamentos da produção agrícola trarão informações sobre as culturas permanentes e darão continuidade ao acompanhamento da colheita da safra de verão, ao desenvolvimento das 2ª e 3ª safras de alguns produtos, além das culturas anuais de inverno que, por força do calendário agrícola, têm parte de suas estimativas baseadas em projeções.

Para ler a matéria  completa clique aqui

Comente aqui
24 mar15:11

Com quebra na produção, abre oficialmente colheita de soja no Estado

Foto: Germano Rorato Neto, especial

Leandro Belles/ leandro.belles@diairosm.com.br

A colheita da soja no Estado foi aberta oficialmente na manhã deste sábado, em Tupanciretã, na região Central, com a presença do governador Tarso Genro. O município escolhido para a solenidade tem a maior área plantada do principal produto agrícola do Rio Grande do Sul: são 140 mil hectares de lavouras.

Tarso chegou à propriedade do produtor Dorival Terra, onde foi realizada a solenidade, pouco antes das 11h da manhã. Depois de participar da cerimônia e dar um breve passeio em cima de uma colheitadeira, ouviu as reivindicações de um grupo de produtores. Entre outros pedidos, foram solicitados mais atenção do governo para a programas de fomento à renovação das máquinas agrícolas e aumento de projetos de incentivo à irrigação.

Os agricultores também estenderam uma faixa com os dizeres: “os produtores rurais pedem socorro”. Em seu discurso, o governador prometeu empenho em atender os anseios do setor, castigado por uma das piores secas dos últimos anos:

- O governo gaúcho está pronto para atender os nossos agricultores. Estamos tomando medidas efetivas para solucionar os problemas.

A falta de chuva que marcou o verão gaúcho deve fazer com que os agricultores tenham perdas importantes. A Emater estima que a colheita de 2012 terá uma quebra de 30% em relação ao que era inicialmente estimado. No início do ano, esperava-se colher até 10,3 milhões de toneladas do grão, mas a falta de umidade no solo deve achatar a produção gaúcha para cerca de 7,1 milhões de toneladas.

>> Clique aqui para conferir a matéria na íntegra, em zerohora.com

Comente aqui
05 mar11:49

Sepultado em Santo Ângelo o corpo do escritor Léo Petersen Fett

Rafael Ristow | rafael.ristow@rbstv.com.br

Foi sepultado neste domingo (04/03), em Santo Ângelo, o corpo do escritor Léo Petersen Fett. Ele morreu no sábado, em Porto Alegre, onde estava internado há dois meses em função de uma cirurgia para retirada de um tumor no intestino.

Léo fett faria 89 anos na próxima sexta-feira. Membro da Academia Santo-Angelense de Letras e do Movimento Pró-Memória, em 2010 lançou a obra “Memórias Vivas”, com acontecimentos marcantes da história de Santo Ângelo no século XX.

Ele era conhecido por defender a história e o patrimônio cultural da cidade.

1 comentário
23 fev14:59

Morre Edelceu Verri, pai do ex-técnico da seleção Dunga

Morreu por volta das12h30min desta quinta-feira, 23, no Hospital da Unimed, em Ijuí, Edelceu Verri, 71 anos, pai do ex-técnico e jogador da Seleção Brasileira Dunga.

De acordo com o Hospital, a causa da morte foi  falência múltipla de órgãos em decorrência de sepse e obstrução intestinal. O paciente vinha em tratamento médico há vários anos. Edelceu Verri havia internado no Hospital Unimed na noite do último dia 18.

Edelceu Verri nasceu em Ijuí em 26 de agosto de 1940. Foi jogador de futebol entre 1958 e 1971. Começou no São Luiz e jogou também no Gaúcho (de Ijuí) e no Santo Ângelo.

Comente aqui
17 fev15:06

Falecimentos da semana

10/02 – Elly Adam, velada na Igreja Evangélica de Tuparendi e sepultada no cemitério municipal de Tuparendi

11/02 – Alcides Dias Assunção, velado na Júlio de Oliveira e sepultado no cemitério de Cruzeiro

14/02 – Juarez Rigo, velado na Igreja Testemunha de Jeová e sepultado no cemitério municipal de Santa Rosa

Informações: Funerária São José de Santa Rosa

Comente aqui
10 fev17:18

Obituário da semana

24/01 – Osvaldo Henrique, velado na Igreja Católica de Bela União e sepultado no cemitério da comunidade

25/01 – Gládis Jeske de Oliveira, velada no salão paroquial e sepultada no cemitério municipal de Santa Rosa

26/01 – Amanda Blondina Dorn, velada na capela 1 do crematório Dom José e sepultada no cemitério de Giruazinho

28/01 – Mônica Ingrid Weiss, velada na Igreja Assembleia de Deus Gidiões Missionários e sepultada no cemitério da linha 23 de Julho, em Ubiretama

28/01 – João Vani de Mattos, velado na Igreja São Jorge do Mauá e sepultado no cemitério da mesma localidade

29/01 – Vinicius Jaskowiak, velado na Capela Mortuária de Tucunduva e sepultado no cemitério da mesma localidade

29/01 – Senhorinha Bueno Pedroso, velada no salão paroquial e sepultada no cemitério de Cruzeiro

01/02 – Paulo Antonio Bortoldo, velado na Igreja Católica da vila Pratos e sepultado no cemitério da mesma localidade

01/02 – Antonio Carpenedo, velado no salão paroquial e sepultado do cemitério municipal

02/02 – Mauricio M. das Neves, velado na Assembleia de Deus da vila Nova e sepultado no cemitério municipal

02/02 – Luiza de Lourdes Amaral e sepultada cemitério municipal de Santa Rosa

02/02 – Odete de Fatima Sparemberg, velada na capela do Polivalente e sepultada no cemitério da Sede Nova

02/02 – Mariza da Silva Hadde, velada na capela do crematório Dom José e sepultada no cemitério municipal

05/02 – Sergio Nilton Padia, velado no salão paroquial e sepultado no cemitério municipal

06/02 – Pedro Cardoso, velado na Igreja Católica da vila Tbonéz e sepultado no cemitério municipal

07/02 – Dalila Ruttke, velada na Igreja Evangélica Congregacional e sepultada no cemitério da linha das Flores

07/02 – Elisabeth Roque dos Santos, velada na Igreja Católica da Sulina e sepultada no cemitério municipal

08/02 – Curt Albano Jahn, velado na capela do Crematório Dom José e sepultado no cemitério municipal

Informações: Funerária São José de Santa Rosa

Comente aqui
02 fev17:49

Nota de Falecimento: Diretora da Escola Polivalente morre em Santa Rosa

Morreu às 10h desta quinta-feira, dia 2, no hospital Vida e Saúde de Santa Rosa, a professora e diretora da Escola Polivalente Odete de Fátima Sparemberger.

O corpo está sendo velado na capela da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Polivalente), em Santa Rosa e será sepultado nesta sexta-feira, dia 3, no cemitério de Sede Nova.

Informações: Funerária São José de Santa Rosa

Comente aqui
24 jan15:02

Falecimentos de 18/01 a 22/01

Confira o obituário em Santa Rosa e região:

18/01 – Angélica de Barros, velada na Igreja Católica da Morada do Sol em Cruzeiro e sepultada no cemitério de Cruzeiro

19/01 – Armindo Abilio Eibel, velado na Igreja Católica de Baracão, interior de Tuparendi e sepultado no cemitério da mesma localidade

20/01 – Natalin Sidinei da Silva, velado na Igreja Católica do bairro Oliveira e sepultado no cemitério de Cruzeiro

21/01 – Hermeto André Parise, velado na Capela Mortuária Sagrado Coração de Jesus do centro e sepultado no cemitério municipal

22/01 – Amandio Quaresma da Rosa, velado na Igreja Católica de Bela União e sepultado no cemitério da mesma localidade

22/01 – Paulo Frederico Kulmann, velado na Capela Mortuária de Giruá e sepultado no cemitério municipal de Giruá

Informações: Funerária São José de Santa Rosa

Comente aqui
21 jan10:27

Empresário de Panambi morre em Santa Catarina

O gaúcho Idi José da Rosa, 54 anos, morreu nesta sexta-feira na praia de Itapoá (SC). Ele teve um infarto quando estava no mar, num local raso.

Natural de Cerro Grande, norte do Estado, era o filho do meio de uma família de oito irmãos. Ele morava em Panambi, no Noroeste, há pelo menos 20 anos. Administrador e proprietário de um Salão de Beleza, trabalhava com a mulher Maristela da Rosa, 49 anos, e mais quatro funcionários.

Empreendedor, começou a carreira como cobrador de ônibus, depois abriu um mercado e há cinco anos investia no ramo de estética e beleza. Estava em Santa Catarina a trabalho. Há um ano construía uma casa e um espaço para transferir o negócio da família para Joinville. Na praia, estava na companhia de um casal de amigos e da neta Helena, nove anos.

Extrovertido, se destacava na comunidade em Panambi pelo bom relacionamento com clientes e amigos. O corpo chegou ao município por volta das 9h e será tem enterro previsto para às 17h no Cemitério Municipal de Panambi.

Rosa deixa a mulher Maristela, os filhos Bruno e Michel e dois netos.

Comente aqui
17 jan14:59

Falecimentos de 10 a 16 de janeiro

10/01 – Moacir Luis Tonel, velado na sala São Camilo do bairro Cruzeiro e sepultado no cemitério de Cruzeiro

10/01 – Roberto Zientarski, velado na Igreja Evangélica Assembleia de Deus da Balneária e sepultado no cemitério de Cruzeiro

10/01 – Valdi Hahn, velado na Capela Mortuária de Cruzeiro e sepultado no cemitério de Cruzeiro

11/01 – Edmar Vogel, velado na Igreja Católica de Guia Lopes e sepultado no cemitério da mesma localidade de Santa Rosa

12/01 – Plimundo Buron, velado na Igreja Católica do bairro Sulina e sepultado no Memorial Crematório e cemitério Dom José

13/01 – Eduardo Eisenbraun, velado na comunidade Evangélica Luterana São João centro e sepultado no cemitério municipal de Santa rosa

14/01 – Vilson Irineu Weiss, velado na Igreja Católica da Balneária e sepultado no cemitério municipal de Santa Rosa

14/01 – Nelson do Carmo, velado na Associação dos Moradores do Cruzeiro do Sul e sepultado no cemitério municipal de Cruzeiro

14/01 – Erena Benetti, velada na Igreja Metodista de Porto Lucena e sepultada no cemitério da mesma localidade

14/01 – Luci Guilhermina Knispel, velada na Igreja Evangélica de linha 15 de Novembro e sepultada no cemitério da mesma localidade

15/01 – Osvaldo Martini, velado na sala São Camilo em Cruzeiro e sepultado no cemitério do Lajeado Ipê

15/01 – Ketlin Ribeiro dos Santos, velada na Igreja Católica do bairro Auxiliadora e sepultada no cemitério municipal de Santa Rosa

16/01 – Enio Sapper, velado na Igreja São José Operario e sepultado cemitério municipal de Santa Rosa

Informações: Funerária São José de Santa Rosa

Comente aqui