Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Crime e castigo

11 de setembro de 2008 1

Kiko Cabral, TV Globo

Quem não agüenta mais as maldades do vilãozinho já pode sossegar. Antes de Ciranda de Pedra ceder o horário das seis na Globo a Negócio da China – que tem estréia prevista para 6 de outubro –, Afonso (Caio Blat) será punido por todos os crimes que cometeu na trama de Alcides Nogueira.

Ele cairá na desgraça total, como Natércio (Daniel Dantas) e Frau Herta (Ana Beatriz Nogueira) – garante o autor, antes de jogar um balde de água fria em quem queria ver o golpista sofrer por longos capítulos. – Como é um bom malandro e muito inteligente, Afonso saberá dar a volta por cima.

Pelo menos, o canalha não levará a pobre esposa junto para o fundo do poço. Nogueira conta também que Bruna (Anna Sophia Folch) se cansará de ser humilhada e deixará o marido:

Ela descobrirá o caráter dele e vai se separar. Bruna terá um final só dela, sem qualquer relação com Afonso.

Intérprete do espertalhão, Caio Blat acredita que seu personagem perderá tudo o que ganhou com as armações.

O prestígio e as coisas que o Afonso conseguiu foram à base de golpes. Acho que terá de começar do zero – arrisca.

Gravando diariamente a novela e há seis semanas se dedicando a um estudo profundo da cultura indiana – Blat estará no elenco de Caminhos da Índia, próxima novela das oito da Globo –, o ator diz que a trama das seis foi marcante:

O personagem cresceu bastante e teve várias mudanças. Eu, a Ana Beatriz e o Daniel Dantas formamos um belo trio.

Postado por Segundo Caderno, ZH

Bookmark and Share

Comentários (1)

  • Ediane Porto diz: 11 de setembro de 2008

    Está na hora do autor começar a virar um pouco o jogo em Ciranda de Pedra. Ninguém aguenta assistir o tempo todas estas maldades. Já não chega a realidade? A novela serve pra isso, poder brincar de justiça. Chega de sacanagem, bastam aquelas q não podemos evitar e nem opinar. Cenografia, figurino, atores tudo maravilhoso, mas mude um pouco o rumo das falcatrua. Pelo menos dê uma mesclada nisso, senhor autor!

Envie seu Comentário