Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Indianos dizem que novela está atrasada no tempo

26 de fevereiro de 2009 37

Divulgação/TV Globo

Em Caminho das Índias, os intocáveis – que não pertencem a nenhuma casta na sociedade indiana – estão buscando um lugar na sociedade e querem tratamento igual aos “superiores”. De acordo com indianos que vivem no Brasil, entretanto, isso só mostra que a obra de Gloria Perez está culturalmente equivocada e atrasada no tempo, conforme mostra o site Yahoo.

- Os dalits não são mais pessoas discriminadas na Índia. A autora precisa atualizar essa novela, tudo o que vejo lá é de, pelo menos, 60 anos atrás – critica Dinesh Rajput, de 36 anos, que vive no Brasil há 11 anos.

Outro erro apontado por Dinesh são as expressões usadas pelos personagens:

- Nós indianos ficamos aflitos em ouvir as gírias erradas. `Badi`, por exemplo, que é usada em referência ao pai, está errada. `Badi significa balde, `Babadi` que significa pai – diz.

As cenas com relação sexual entre os protagonistas Maya (Juliana Paes) e Bahuan (Márcio Garcia) também chocaram os indianos. Segundo Bianca Shiva Nandini, monja e presidente da Associação Cultural Brasil Índia, há uma cultura muito forte quanto à família e ao casamento naquele país:

- Maya seria expulsa da família e excomungada – revela.

Glória Perez e sua equipe, porém, continuam dizendo que a pesquisa realizada em sites de relacionamento e blogs é fiel à realidade atual da Índia.

Você concorda com as críticas feitas à novela?

Postado por Mariana Romais

Bookmark and Share

Comentários (37)

  • Fabio Seixas diz: 26 de fevereiro de 2009

    sim eu conocrdo com as criticas a Gloria Perez e muito fantasiosa.

  • Ju neguinha diz: 26 de fevereiro de 2009

    Novela é ficção. Tudo bem que incomode as palavras erradas… mas DUVIDO que nenhuma indiana, num país com BILHÕES de pessoas, nunca tenha transado antes de casar… fala sério. E quanto a questão das castas, ainda é muito forte na Índia, apesar de não serem mais legalmente instituídas. Enfim, tudo é FICÇÃO! Então, por favor, menos rigor nas críticas..não é um documentário.

  • gans diz: 26 de fevereiro de 2009

    Olha saber da cultura de outro país sempre é interessante,mas na minha opinião o nosso país tem muito mais a ser mostrado!

  • Ilesor xilef diz: 4 de março de 2009

    Gente a novela é uma obra de ficção, não é um documentário.

  • lane diz: 2 de março de 2009

    bom na minha opinião os indianos devem conhecer melhor a Índia do que qualquer outras pessoas e se alguns deles falaram q as pronuncias estam erradas é porq devem esta!

  • Diego diz: 27 de fevereiro de 2009

    Acho que não tem nada a ver.
    Se não tivesse os “intocáveis”,a novela não teria moral,perderia o motivo de existir.
    E outra,novela não é a realidade absoluta,mesmo coisas do Brasil eles forçam as vezes pra dar emoção a trama.

  • Bruna diz: 27 de fevereiro de 2009

    sim é bem ridicula!

  • Claudio diz: 27 de fevereiro de 2009

    E aqueles dalits que protestavam contra a discriminação nas ruas aqui de Porto Alegre, no tempo do saudoso Fórum Social Mundial? Já faz algum tempo, mas com certeza menos de 60 anos…

  • Lucas Souza diz: 27 de fevereiro de 2009

    Pior, imagina se fosse uma novela gaucha da gloria perez. Homens vestiriam bombachas vermelhas fofas (como akela vista na novela Senhora do Destino, qdo a nazaré mucho loka aparece aki em Porto Alegre), falariamos dakele jeito q horroroso como nos imitam, gurias de vestido de prenda… seria uma coisa mal feita mesmo!

  • lucia diz: 4 de março de 2009

    acho a novela lindissima. a india e um pais grande.
    Acredito que iso aconteca ate hoje.
    abraco

  • Marcelino diz: 27 de fevereiro de 2009

    Como sempre, ela deveria ter ido passar um tempo na índia antes de pensar em escrever esta novela, está tudo errado, a começar pelos atores no elenco que podem ser tudo , menos lembrar INDIANOS…digo isso pois sou filho de Indiano com Judeu e a cor do meu pai eos hábitos d emeus avós não tem nada haver com o que rola na novel..PÔ Glorinha..te atualizaaaa!!!que mico!!

  • Grecekely diz: 4 de março de 2009

    Acredito q deveriamos observar qual é o periodo q a novela ocorre.Pelo fato de estarmos axando isso,ou aquilo.
    talves a intenção da autora pode ser d informação,mais também pode ter a intenção d ensinar uma nova cultura q independentetimente se está acontecendo ou não na atualidade faz parte da historia.
    Adoro a trama por trazer um mundo totalmente desconhecidoo que a cada dia que passa nos traz mais informações. Sobre o dia-a-dia, costumes, e principalmente sobre as crenças.

  • siglia diz: 26 de fevereiro de 2009

    quando se preocupam demais em desmentir alguma coisa é porque é pura verdade,esses indianos no minimo se contra disseram ,primeiro disem que a novela ta errada atrasada no minimo 60anos que na india as coisas que passam na novela não acontece mais, ai vem os mesmos indianos e disem que acena entre os protagonistas namorados seria caso pra expulção excomungar a namorada, como sempre a mulher se lasca,ai vem diser que a novela que ta atrasada me poupe sera que a cultura deles ta atrasada mesmo.

  • Gostosa diz: 27 de fevereiro de 2009

    claro que sim ..Gandhi foi o que mais lutou e conseguiu essa diferença .. tanto que eles tem uma mulher dirigindo o pais

  • mara lucia bohrer reinaldo diz: 3 de março de 2009

    se um indiano falou que a globo está atrasada no tempo,sobre os costumes da índia,não tem como não acreditar, pois ninguém melhor que eles para saberem.

  • De diz: 27 de fevereiro de 2009

    Essa novela é uma chatice e essas roupas indianas bregas demais.

  • Day diz: 27 de fevereiro de 2009

    Concordo com as críticas. Mas tenho uma dúvida que me consome. Seria correto dizer Mamaji ou Mataji? Que eu sempre soube seria Mataji, pois significa mamãezinha, e não Mamaji, como é falado na novela.

  • Rodrigo diz: 27 de fevereiro de 2009

    Estive na India 15 vezes nos ultims 5 anos e a situação dos excluidos existe sim e é bem clara no país. Neste ponto a novela é bem real.

  • Pedro diz: 27 de fevereiro de 2009

    Fico imaginando que se Gloria Perez, com TODAS as suas pesquisas em blogs da internet, fizesse uma novela baseada aqui no Rio Grande do Sul, iria nos colocar todo o tempo fantasiados de gauchos e prendas e só comendo churrasco. Ah, claro que nas nossas festas só dançaríamos chula… hehehehe… (vou terminar porque o meu fogo de chão apagou e está esfriando o meu chimarrão).

  • ANGEL diz: 27 de fevereiro de 2009

    COM QUE NOVELA? CLONE II – A MISSÃO?
    FALA SÉRIO!
    TÔ ME CANDIDATANDO PARA ESCREVER UMA NOVELA QUE PRESTE!

  • Paula Teixeira diz: 27 de fevereiro de 2009

    Olha … eu não concordo com a parte sobre a relação sexual entre Maya e Bahuan. Quem já viu os filmes da Mira Nair, especialmente Um Casamento à Indiana, tem plena consciência que os jovens indianos que convivem com outras culturas ou quem nem mesmo saem da Índia, têm relacionamentos amorosos antes do casamento. no filme, a jovem noive é amante de um homem casado e seu noivo também tinha se envolvido com uma norte-americana. Só dar um look no jovens indianos no orkut, igual a gente.

  • Matheus Beltrame diz: 28 de fevereiro de 2009

    Olha. PoR mais que toda a trama seja ficação ou seja, nem tudo que é mostrado corresponde a realidade, não acredito que uma autora experiente como a Gloria Peres, iria enganar a população, com fatos da india que não são verdadeiros. A começar pelo fato de que uma equipe da novela e ela visitaram a India para saber a vida no país e as tradições do seu povo. Já quanto a Maya e Bahuan muitos criticavam o Marcio e a Juliana, por isso foi esquentada a relação entre os dois para melhora da audiencia.

  • Adriano diz: 27 de fevereiro de 2009

    Meio contraditória as críticas, dizem que a realidade apresentada é de 60 anos atrás e que agora os dalits já não são mais discriminadas, por outro lado parece que em relação a liberdade sexual estão parados no tempo, pois as cenas da novela chocam os indianos.

  • magrão diz: 27 de fevereiro de 2009

    Não to gostando do Clone da Novela “O Clone”!!..muito sem graça e forçado!

  • Lucas Souza diz: 27 de fevereiro de 2009

    Vc já viu QUEM QUER SER UM MILIONÁRIO? – ganhador de 8 (OITO) oscars – mostra a realidade Indiana (as vzs muito parecida com a brasileira). A novela global é uma ficção com embasamento naquilo que interessa para o drama-perez e tornando-se ridicula pois ilude e engana pobres leigos brasileiros.

  • Ana diz: 27 de fevereiro de 2009

    Concordo sim! Acredito que ninguém melhor que um Indiano pra dizer o que está acontecendo. Acho que é uma coisa muito importante contar a história de um povo, de uma cultura. Deve-se pesquisar MUITO para não errar NUNCA!!! A Glória Peres deveia rever isso.

  • Gilson Garcia diz: 27 de fevereiro de 2009

    Concordo com as críticas! Quem melhor que os próprios nativos pra criticar tal folhetim???
    Eu que pouco conheço da cultura indiana já achava meio “carregado” os costumes “impostos” na novela.

  • joselaine diz: 27 de fevereiro de 2009

    sim concordo plenamente! acho muma tristeza oque estão mostrando uam descriminação com uma criança… Que absurdo.

  • Gustavo diz: 27 de fevereiro de 2009

    Se tá certo ou não eu não sei… só sei que se as indianas mostradas (Juliana Paes, por exemplo) são como as da realidade, eu já tô me mudando amanhã pra lá!

  • Leandro diz: 27 de fevereiro de 2009

    Nunca vi indiano com sotaque carioca, um dono de empresa “M-commerce” que não vai ao trabalho e só passa com cara de bunda pelos cantos. Sem falar que fica estranho um cruzamento dos núcleos indiano e brasileiro.. ou não.. afinal todo mundo fala português…mas cada um com suas gírias..

  • anderson diz: 26 de fevereiro de 2009

    Bem típico da rede glogo: maquiar e fabricar uma realidade para que o ingênuo povo brasileiro acredite.

  • A. Dias diz: 27 de fevereiro de 2009

    Essa Gloria e uma doida, basta olhar pra cara surrada dela.
    Nao precisa nem ser indiano pra se dar conta que a satira a cultura deles ta muito exagerada.
    Mal posso esperar pela turma do Caceta e Planeta pra ver a parodia da novela….

  • lu diz: 27 de fevereiro de 2009

    Ninguém melhor q os indianos pra criticar esta novela…com certeza conhecem a India melhor q qualquer brasileiro…

  • lessandra martins diz: 28 de fevereiro de 2009

    Eu estou criticando esta novela porque nao concordo com o jeito que eles maltratam os dalits . principalmente as crianças . esta novela esta incentivando a violencia .

  • Nelson Souza diz: 27 de fevereiro de 2009

    Outra coisa ridicula é os “indianos/abrasileirados” só falarem em indiano algumas palavras e girias. Outra coisa interessante é que para viajarem do Brasil pra India e vice-versa é quase tão fácil e comum como viajar de Santa Maria para Porto Alegre de onibus…FALA SÉRIO.

  • silvana diz: 4 de março de 2009

    eu adoro essa novela, mas se os proprios indianos estão falando que as girias estão errsdas é por que estão, eles não iriam
    mentir.

  • Adriana diz: 27 de fevereiro de 2009

    Partindo do princípio de que uma novela é uma ficção e não a reprodução fiel da realidade, não acho cabível as críticas feitas por Dinesh.

Envie seu Comentário