Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Luciana conta a Tereza como foi sua primeira noite de amor com Miguel

13 de abril de 2010 17

Renato Rocha Miranda, TV Globo

Nos próximos capítulos de Viver a Vida, Luciana (Alinne Moraes) contará a Tereza (Lilia Cabral) como foi sua primeira noite de amor com Miguel (Mateus Solano). Ela dirá que ficou com muito medo no início, mas que o namorado foi extremamente carinhoso. Além disso, Luciana dirá que o médico lhe disse uma das frases mais lindas que já ouviu na vida.

- Mãe, ele me disse que nunca tinha feito amor com tanto amor. Foi o que ele sentiu. E eu também.

Pelo visto o veneno da Ingrid (Natália do Vale) não afetará em nada este relacionamento. As informações são do blog da Patrícia Kogut.

Bookmark and Share

Comentários (17)

  • paula diz: 13 de abril de 2010

    Pessoas… uma novela dessa nem merecia um comentario de tão ruim que é.

  • Astrogildo diz: 13 de abril de 2010

    Uma tetraplégica, depois de namorar o irmão do atual namorado, tem uma noite de prazeres sexuais. Nunca vi uma tetraplégica largar o namorado depois da lesão, e começar a namorar o irmão gêmeo dele, e ainda ter prazer com sexo com o namorado. Esse Manoel Carlos é um verdadeiro animal, para não dizer coisas piores, que, com certeza vc’s não publicariam. E as crianças crescem vendo nas TV’s durante as noites as tele-novelas, um poço cultural e tanto.

  • marta diz: 13 de abril de 2010

    assiste quem gosta olha quem quer,a novela é muito boa mostra a realidade do dia dia que para muitas pessoas não interessa mas é a nossa realidade o nosso dia a dia a globo está de parabéns

  • Chris Fortes diz: 14 de abril de 2010

    A minha opinião é que a novela tem abordado muitíssimo bem este tema, que faz parte do nosso dia-a-dia, além do mais para montar esta personagem a Aline Moraes fez laboratório, onde pode saber com exatidão a vida de uma pessoa tetraplégica. E depois daquel capítulo do ônibus observei a reação dos cobradores aqui de Porto Alegre que agora começaram tomar consciência e se olhos até emocionados ao ajudar um cadeirante. Coisa que ninguém está livre nesta vida.

  • sith diz: 14 de abril de 2010

    assiste quem gosta olha quem quer,a novela é muito boa mostra a realidade do dia dia que para muitas pessoas não interessa mas é a nossa realidade o nosso dia a dia a globo está de parabéns {2}

  • Lu diz: 14 de abril de 2010

    Acho legal como ficção.Aliás, como ficção está emocionante e linda as cenas da personagem Luciana.
    Mas sempre fico me perguntando como fica realmente a vida sexual de uma mulher tetraplégica.Como fica o funcionamento dos seus órgãos genitais, sua função renal, função intestinal etc.É uma grande dúvida que tenho.O autor, por exemplo, ao tentar esclarecer sobre pessoas com tal tipo de lesão, nem sempre está deixando isso muito claro.O autor mostra tudo com muita ficção, muita riqueza nos recursos que a Luciana recebe dos pais para vencer suas limitações… Enfim, é muito luxo, muitos recursos, muitas saídas mágicas(porém CARÍSSIMAS) se compararmos com a média da nossa população que sofre e enfrenta um problema igual ao da Luciana na novela.O autor está exagerando ao mostrar uma Luciana rodeada de todos os recursos mais caros que se possa imaginar.Parece uma humilhação para com os tetraplégicos da real sociedade brasileira.

  • Juliana Patrícia diz: 14 de abril de 2010

    Engraçado, falam que a novela é ruim, criticam, mas não deixam de assistir..rsrsrs…
    Eu acho a novela muito boa, os temas são fantasticos, o Manéco tá de parabéns!!!!

  • Fernanda diz: 14 de abril de 2010

    Astrogildo, animal és tu que tem a mente tão fechada para questões tão delicadas quanto as abordadas na novela Viver a Vida. Pq uma tatraplégica não pode sentir prazer? Qual o problema da troca de namorado? Já que tu não sabes, novelas são ficção onde enfatizam casos reais, mas de uma forma mais intença para que realmente toque e chame a atenção das pessoas para causas como essa representada pela Aline Moraes no papel de Luciana. Eu concordo que novelas não são fontes de cultura, mas acredito que as mesmas nem tem esta pretenção, as crianças crescem vendo TV, mas depende muito dos pais proporcionarem a elas outros meios de cultura, tais como: teatro, museus, cinema, livros, revistas, etc. Assim elas poderão assimilar que o que ocorre nas novelas é apenas uma forma de chamar a atenção das pessoas para um determinado assunto.
    Mas confesso que fiquei imaginando se tens filhos e que tipo de cultura estás passando a eles, já que tens um pensamento tão limitado e preconceituoso.

  • juliana diz: 14 de abril de 2010

    Cara, ninguém mais aguenta o enjoado do Matheus Solano no papel de Miguel…que cara mais purgante, execesso de bondade e carinho. É claro, sem falar da suprasumo da Aline Moraes como Luciana…pelamor…

  • monica diz: 14 de abril de 2010

    achei o fim ela comentar disso com a mãe ..

    ninguém fala disso com a mãe … é muito fora da realidade .

  • Astrogildo diz: 14 de abril de 2010

    Vejo aqui um bando de funcionários da Rede Globo, ou parentes do Maneco, cresci vendo novelas como “Vale Tudo” (uma realidade nua e crua do Brasil da época), entre outras com assuntos bem interessantes, até mesmo “A Favorita” da atualidade mostrou-se uma trama e tanto. Entretanto esta novela de quinta categoria aborda questões completamente fora da realidade, como desavenças entre irmãos gêmeos por causa de namorada, inveja exarcebada entre irmãs, crianças que são vilãs, e ainda tentam dar moral. Acredito que a limitação de conhecimento faz com que todos vocês assistam uma novelinha fajuta e ponham no pedestal. O cérebro de vocês talvez suporte apenas uma novela do Manoel Carlos do que um debate como o Conversas Cruzadas da TVCom. E Fernanda, lembro que tenho filhos e eu como pai sei como educá-los, mas infelizmente, pode fugir do nosso controle que se assistam programas que podem influenciá-los negativamente. E ainda bem que minhas crianças são pequenas o suficiente para entendê-las. Espero que as próximas novelas tenham assuntos mais a ver com a realidade social de nosso país. E Juliana, eu não assisto esta novela, não tenho estômago, acompanho esporadicamente pelas colunas.

  • Manu diz: 14 de abril de 2010

    Paula, então porque comentas?

  • Ana Teresa Teixeira diz: 14 de abril de 2010

    Olá pessoas!!!

    Isso para as pessoas verem que amor não está em possições ou formas de fazer sexo, mas a forma que os exo é feito, carinho, amor, compreensão e não o fazendo esperando decepção mas esperando que o amor seja verdadeiramente sentido com o sentimento e não apenas na carne…

  • Marcia diz: 14 de abril de 2010

    Nao avisaram estas pessoas que falam maL das telenovelas que a Televisao tem um botaozinho simples que se chama Liga/Desliga, ou até On/Off ?!? Este é o botao que eu uso quando começam os jogos de futebol de ma qualidade que o BrasiL tem apresentado nos ultimos anos! Isso tudo so mostra que a estatistica que aponta o brasileiro como um péssimo leitor (média anual de menos de um livro por ano por habitante) é mais do que verdadeira!
    As historias e/ou estorias das novelas estao ai para quem quer assitir!
    Ja convivi com portadores de necessidades especiais e as dificuldades sao muito maiores ainda do que a novela apresenta, isso tudo so porque o Maneco ainda tem que manerar para nao criar caso a toa com muita gente grande por aih que so olha para o seu umbiguinho!!
    Como diziam os filosofos mamonas assassinas… “Abra sua mente…!!!!”

  • jurandir diz: 14 de abril de 2010

    Existe um comentario da LU, que realça o meu pensamento será que o autor não deveria tomar mais cuidado pois conheço caso, semelhante que não é a verdade, caso eles venha detalhar a realidade mais no final da novela, será que não iria criar um (interrogação), mais parte da novela realça muito nossa relaidade de nosso dia a dia, principalmente o PRECONCEITO.

  • Camila diz: 14 de abril de 2010

    Monica, vc está enganada. Eu falo dessas coisas com minha mãe, e sei de amigas minhas que tb falam com as delas. Se você não fala com a sua mãe (ou sua filha), não pode concluir que essa seja a regra…

  • Mel diz: 14 de abril de 2010

    E desde quando só pq assiste a novela não se pode criticar? Por acaso tem só que elogiar? E a novela focou tanto nessa casal que caiu na mesmice mesmo, posso assistir alguns filmes de romance como Tudo Por Amor, P.S Eu Te Amor, Terapia do Amor, Uma Carta de Amor, Diário de Uma paixão, entre outros, que jamais ficarei enjoado.

Envie seu Comentário